História Entre Vampiros & Lobos - Capítulo 95


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Originals, The Vampire Diaries
Personagens Personagens Originais
Tags Bruxas, Drama, Lobos, Romance, Romance Sobrenatural, Vampiros
Exibições 53
Palavras 962
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 95 - Em julgamento


Ja estava anoitecendo e no começo Anna ate que estava levando numa boa a loucura da Bárbara, mas nem todo mundo tem a paciência do Buda e como a Anna não era o Buda e nem tinha a paciência dele ela ja estava achando aquilo um saco.

- Bárbara ja chega, mim tira aqui. - Anna se levanta. 

- Não consegue sair querida ?

- Sinto muito por você me deixar fraca e eu não conseguir sair.

- Se eu pudesse te deixaria ai pra sempre, pra ficar te olhando.

- Bárbara porque você não vai se fu...

- Chegou minha vez. - Emilly aparece.

- Otimo quando não é uma é outra. - Anna volta a se sentar no chão. - O que vai ser agora ? Vai tentar arrancar meus olhos, minha língua ? Quer uma dica ? Tenta pirar minha pele é bem divertido.  Bárbara sai as deixando a sós.

- Qual é o seu problema ?

- Meu problema ? Seria mais fácil perguntar qual vai ser o seu problema daqui a pouco. 

- Qual é seu nome ?

- A-Ah finalmente minha sequestradora quer saber meu nome.

- Você é sempre assim ? Brinca com tudo ?

- Isso é apenas nos meus melhores dias.  Me chamo Annabelle Branson, família pra você esse nome ? - Nada ela falou. - Acho que não.

Antes que Emilly pudesse falar algo a respeito elas escutam um barulho muito alto vindo de fora.

- O que foi isso ? - Emilly se assusta.

- Lembra quando eu disse que você deveria se perguntar qual seria seu problema ? Então deixa eu respondo por você, hoje é lua cheia e você tem dois lobos aqui presos, um sabe se controlar perfeitamente e pra seu azar não é esse que esta em sua frente.

- Você vai me atacar ? - Ela da um passo atrás. 

- Eu não quero. - Anna começa a se contorcer.  - Mas eu não tenho outra escolha.

- Esse campo foi feito pra prender vampiros e bruxos. - Emilly continua a da um passo pra trás. 

- E pra prender lobos ? Acho que não. 

- Eu preciso perguntar uma coisa.  - Emilly estava assustada com o estado da Anna.

- Sim eu sou. - Anna olha bem fundo nos olhos da Emilly.  - Agora sai daqui não quero te machucar.

- Mas...

- VAI!!! - Emilly sai correndo.

Anna começa a se contorcer mas e mas, seus ossos humanos agora são ossos de lobos, o lindo sorriso que estava no rosto dela e tomado por suas presas, fazia tempo que ela não se transformava porque o Liam sempre a ajuda mas ele não estava perto dessa vez. Ela deu um uivo e imediatamente é correspondida e era o Liam. Ela não sentia mas dor com as transformações ela ja havia sentido dores maiores em sua vida, quando ela ja esta transformada em uma linda loba branca, a mesma coloca a pata pra fora do campo e consegue passar, ela corre pra fora da tampa e encontra com o Liam e a luz da lua deixava seu pelo mas negro, ele estava sem cima de uma das tumbas e em baixo tinha alguns vampiros e bruxos que ficaram a ordem da Bárbara.

Ela não pensou muito e foi pra cima deles, os mordeu arrancou a cabeça de muitos apenas com a mordida aqueles que queriam correr não conseguia sair do cemitério, eles estava dedado por feitiço e assim ficava mas fácil ainda pra o Liam que foi atrás daqueles que corriam. Anna estava fazendo um mar de sangue no cemitério tinha gritos e desespero pra todos os lados e a única coisa que tinha na Anna era raiva, ela queria saber aonde estava a Bárbara pra fazer a mesma coisa com ela o que Anna havia feito com os outros. Anna sabia que seria castigada mas não sabia como ja que ela havia derramado sangue " inocente " em solo sagrado e como o cemitério estava vedado Anna e Liam não conseguiram sair e ali mesmo eles dormiram juntos no meio do cemitério.

Quando amanheceu a única coisa que a Anna sentiu foi alguém a cobrindo junto com o Liam, parecia cedo pos ainda não havia sol, a única coisa que ela viu foi um cabelo preto e ela ja sabia quem era. Anna acordou com alguém a chamando, era um dos seus bruxos chamado Jack ele era albino, então pode se imaginar o quanto ele era branco.

- Annabelle ? Hey acorda, os ancestrais querer falar com você. - Ele entrega uma capa branca e se vira pra ela se vestir.

- Ja ate sei o que eles querem. 

- Vocês fizeram um estrago e tanto aqui. - Ele sorriu.

- Agradeça a Bárbara Clery.

- Ela não esta nesse meio ?

- Infelizmente não, ela fugiu a tempo aquela vadia. Você pode cuidar dele ? - Ela olha pra o Liam que ainda estava ao chão. 

- Ele não vai me morder não ne ?

- É so você não mecher com ele e não olhar muito pra ele quando ele acordada e talvez você fique vivo.

- Ok! Agora vai eles não podem mas esperar.

Anna,  foi em passos lentos ate a sala dos ancestrais, ela não sabia bem como iria ser la dentro mas ela sabia que os ancestrais odiavam quem violava seus lugares sagrados e na quela noite ela havia derramado muito sangue no cemitério então ela poderia esperar tudo menos redenção deles.

- Aqui estou eu ancestrais de Marreno, Annabelle Branson de Talim, Estônia e estou pronta pra aceitar meu castigo, so pesso não sejam tão severos comigo, eu não sou vosa inimiga e sim a Bárbara Clery de Marreno.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...