História Entre Vampiros & Lobos - Capítulo 98


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Originals, The Vampire Diaries
Personagens Personagens Originais
Tags Bruxas, Drama, Lobos, Romance, Romance Sobrenatural, Vampiros
Exibições 67
Palavras 2.107
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 98 - Morre a bruxa e alguém querida


Todos estavam decididos a acabar com a Bárbara, Anna estava mais que todos mais antes ela e o Liam tinham um lindo comunicado pra da a todos ali, seus amigos eram muito importantes para ela e por mais que o Liam não tivesse deixando uma boa impressão logo no inicio, todos reconheciam que ele era capaz de tudo pela Anna e isso ja era o suficiente. 

- Gente. - Anna se levanta. - Pelo que alguns aqui ja sabem estou noiva do cara mas irritante de toda face da terra.

- Hey! - Liam olha pra ela.

- Mas que eu amo. E eu queria todos vocês no nosso casamento que ainda não foi marcado, porque mesmo ? - Ela se vira pra o Liam e todos o encaram.

- Não sei talvez eu esteja me arrependo de ter te pedido em casamento. - Todos o encaram mais. - Brincadeira.

- Bom. - Disse Anna. - Então quando meu noivo resolveu marcar o casamento eu quero vocês lá.

- Se nos sobrevivemos. - Disse Vitória.

- E vamos. - Afirmou Anna.

- Nem todos aqui são imortais por completo, Lea e eu podemos morrer.

- E eu também. - Disse Emilly.

- Exatamente o outro lado não existe mais e se morrermos o que sera de nos ?

- Vitória...

- Não Anna.- Ela a interrompe. - Isso é verdade e você sabe toda guerra tem consequências.

- Nos sabemos. - Liam segura a mão da Anna. - Você acha que nos queríamos meter vocês nessas histórias ? Vocês são poucas as pessoas que a Anna considera família, Laura ja morreu e a Lilly também nos não queremos isso.

- E nem vai acontecer.

- Vocês não sabem.

- Você esta certa não sabemos mais podemos evitar que isso aconteça.

- E se acontecer ?

- Vitória quer parar de ser pessimista ? - Anna ja estava começando a ficar irritada. - Vamos começar primeiro precisamos saber aonde a Bárbara esta.

- Estão procurando a Lilly pra que se qualquer coisa aconteça ela possa voltar. - Disse Emilly.

- Mas ela não vai mas voltar ou seja ela deve esta escondida ate encontrarem a Lilly.

- E aonde ela estaria ? - Liam olha pra a Anna e todos começam a pensar. - Em New Orleans.  - Respondeu ela a final.

- Como assim ? - Mia que so prestava atenção falou algo.

- O Danny não nos deixou da um passo a frente da entrada da cidade.

- Ele nos tirou todos nos de lá. - Vitória se senta.

- Ta e porque vocês ? Por que todos vocês tem ligação comigo, ele a alguns meses atrás nem queria saber dessa história de lobo e agora ele vira alfa ?

- Isso ja faz uma semana. - Lea se põe a falar. - Ele virou alfa a uma semana nem meus pais o reconhecem mais, eles preferiam você do que com uma garota que ele estava sai... - Ela para. - Ele começou a sair com essa garota e depois quis virar alfa.

- Ela é a Íris ?

- Não a Íris não quer nem olhar na cara dele.

- Então so pode ser a Bárbara. - Disse Raphael.

- Sera ? - Mia olha pra o irmão.

- Claro prestem atenção. Danny começa a sair com uma garota e dias depois vira alfa da cidade e do que expulsar todas as criaturas so expulsa as que tem ligação com a Anna, é óbvio.

- Faz sentido. - Disse Mia.

- Temos que voltar a New Orleans imediatamente. - Disse Anna.

- Mas e o Danny ? - Lea parecia preocupada.

- Vocês acham que o Danny é lobo ? Eu sei a dor que ele sentia quando se transformava e ele não queria sentir aquilo.

- Mas pra ser alfa tem que ser lobo.

- Claro mas so se você não tiver uma boa lábia.- Ninguém entendeu. - A-Ah pensem bem, alguns lobos são morto por nos, nos somos os monstros e depois alguém aparece oferecendo proteção, mas querem algo em troca.

- Deixa um lobo não transformado como alfa. - Completou Liam.

- Exatamente.

- Temos que voltar a New Orleans imediatamente. - Disse Mia se levantando.

- Vamos. - Todos se levantam e vão em direção a porta.

- Espera. - Lea os faz parar.

- Preciso falar com a Anna antes.

- Claro. - Anna faz sinal pra os outros e eles sairam as deixando a sós. - Se você veio falar algo sobre o Danny.

- Não é isso não, é sobre mim.

- Falar.

- Eu quero me tornar uma híbrida. - Anna se assustou ao ouvir aquilo.

- Ãm ?

- Eu ja pedi mil vezes ao Enzo mais ele não quer me transforma.

- Certo ele.

- Anna por favor, eu quero ficar com ele pra sempre eu o amo.

- Eu sei e sei também que ele te ama então ele não quer fazer isso com você, você não sabe como é ter que matar alguém pra viver.

- Não me importo de ter essa culpa comigo todos os dias, eu tenho e Enzo pra me mostrar que isso vale a pena. - Nada ela falou. - So um pouco de sangue é o que te passo pra ser feliz para sempre.

Alguns minutos depois elas saem de dentro de casa, Lea a frente da Anna, todos olhavam e pensavam que elas tinham brigado por causa do que iria acontecer com o Danny se tudo aquilo fosse verdade.

- Vamos embora. - Ela entra no carro.

- O que aconteceu ? - Liam vai ate a Anna.

- Nada e espero que nada aconteça. - Ela olha pra a Lea a entra no carro junto com o Liam, Vitória e a Emilly.

No outro carro estava os irmãos Mia e Raphael junto com a Lea e Enzo, e logo eles sairam de Marreno em direção a New Orleans eles iam conversando durante toda a viagem, Anna parecia com medo não por ela mas sim por aquele que podem morrer Liam como consolo pegou na mão dela várias e várias vezes pra mostar que ela não estava sozinha. Algumas horas depois quando ja estava perto de anoitecer eles chegam a New Orleans. E mais uma vez foram barrados na entrada da cidade.

- Vocês.  - Danny aparece.

- Serio lobinho ? Essa é a melhor recepção que você tem para nos ?

- Eu sabia que não demoraria muito pra vocês voltarem aqui.

- Então é verdade ?

- Lea ? - Danny fica surpreso ao ver a Lea ali com eles.

- Me fala se você está saindo com a mulher que arrancou seu coração e te jogou para o outro lado fala.

- Não é bem assim eu posso explicar.

- Não quero saber que ela não curte muito homem ne ?
- Anna da um passo a frente e todos os lobos também. - Calma " gente " vocês eram mais gentis com as visitas.

- Antes deles saberem que você e seu cão ai do lado mataram muitos dos nossos.

- E eles sabem o que aconteceu ? Que essa vadia que você esta protegendo ai ela foi a causadora de todas essas mortes, se nos atiamos fogo foi porque alguém ja tinha jogado a gasolina.

- Nos vamos entar. - Liam da um passo a frente e os lobos também.

- Você sabe que a Bárbara ja sabia que isso iria acontecer e quer que nos te matemos, por isso você esta aqui mas em respeito a Lea nos não vamos te matar.

- Asc' inta Mulaf Hinto! - Alguns bruxos aparecem e começam a causar do em Anna e nos outros.

- Olha a vadia ai. - Disse Anna se vendo de dor.

- Sentiu saudades ?

- Ja pensou em você mesma fazer as coisas do que mandar pessoas impretaveis ? - Anna olha para o Danny.

- Ate que ele me foi útil.

- Que bom. - Anna e Liam foram rapidamente ate os bruxos que estavam ao lado da Bárbara.

E desmembrou cada um deles, eles arrancaram braços, pernas e outros arrancaram a cabeça mas a dor aumentava mais e mais, mas eles não desistiram.  A Bárbara seguiu o conselho da Anna e ja estava na hora de agir.

- Asc' inta Mulaf Hinto! - Ela quebra o pescoço dos irmãos Mia e Raphael, Enzo, Vitória e Lea.

- LEAAAAAA... - Gritou Danny e correu ate a irmã.

- Ops... Foi mal. - Bárbara deu um sorriso assustador.

- O QUE VOCÊ FAZ ?

- Você sempre disse que ela era uma chata, então aceite isso como um bônus.

- Ela esta morta. - Danny começa a chorar.

- Bem feito. - Disse Anna.

- Mãe! - Emilly não acreditava que ela era tão ruim assim.

- Não. Ele tem que ouvir, isso é o que acontece quando você escolhe o lado errado.

- Ela não tinha culpa. - Danny estava abraçado com o corpo sem vida da irmã.

- Mais você sim se ela estava aqui foi porque ela viu que você estava errado ao escolher ficar com a Bárbara, igualmente esses outros que morreram por pura idiotice.

- Mãe não seja tão insensível.

- Em menos de uma semana eu perdi minha mãe e minha amiga, não sou insensível sei bem o que faço e eu não faço idiotice.

- A Vitória sabia que isso iria acontecer. - Disse Liam.

- Bárbara por um bom tempo eu tive você como amiga e olha so aonde chegamos, uma tentando matar a outra e essa outra sabe que ela vai morrer no final.

- Pelo menos tirei tudo de você, sua mãe você acha mesmo que o Franz irá deixar sua mãe sair viva de la ? Independente do que aconteceria ela ia morrer. Mas tem o lado bom é que a Anna pode traz ela de volta so precisa trazer a Lilly ate aqui.

- Anna por favor.  - Danny estava inconsolável.

- Você acha que essa amiga que perdi foi quem ? Lilly não existe mas assim como o outro lado.

- NÃOOOO.

- Isso é impossível. - Bárbara começa a ficar preocupada.

- Por isso você matou a Lea, você sabia que eu traria ela de volta e assim você saberia aonde a Lilly estava.

- Você não faz isso.

- Fiz agora é sua vez. Bárbara por muito tempo nos fomos amigas e olha aonde nos estamos, uma tentando matar a outra e a outra sabe que ela que morre no final, você tentou tirar tudo de mim e algumas coisas você conseguiu e outras não.

- Asc' inta Mulaf Hinto! - Emilly vai em direção a Bárbara e a faz cair no chão com muita dor.

- Você sempre me quis, sempre quis esta ao meu lado mas você saia que eu nunca estaria e por isso a raiva tomou conta de você.

- Terra Mora Vantis Quo Incondis! - Liam também vai ate a Bárbara.

- Eu sempre te amei.

- Isso não é era amo nunca foi, você queria ser eu tudo que eu tinha ou tenho você queria pra você. - Bárbara se levanta com muita dificuldade.

- Você não deveria existir, você é uma aberração não só você como eles também, você não deveria ter uma vida normal.

- Não importa o que eu sou o que importa é que eu tenho sentimento pelos outros e não quero distribuir ninguém... Você é uma é sessão. Ocoros Mecante, Aleora Subsitos! Ocoros Mecante, Aleora Subsitos! Olo Santire, Dis Et Brav! Ocoros Mecante, Aleora Subsitos! Ocoros Mecante!

Bárbara começa a chorar, mas não eram lágrimas comuns eram sangue ela estava chorando lágrimas de sangue e ali mesmo o corpo dela cai ao chão sem vida com o rosto cheio de sangue e a Anna estava com o coração dela que havia pulado do corpo pra a mão da Anna, Liam vai ate Anna e a abraça e depois a Emilly também.

- Acabou. - Disse ela.

Logos os que estavam mortos voltam a vida, menos a Lea ao ver aquela cena da Lea morta e o Danny chorando sobre o corpo dela, Enzo se alterou e matou todos que tentavam respirar ou que o coração ainda batida, sua raiva era tamanha, Anna correu ate ele e o segurou.

- Calma.

- Como você me pede calma ? - Ele estava chorando.

- Tudo vai passar confi em me. - Eles se abraçaram e Enzo chorou mais e mais. - Tudo sempre passa.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...