História Epopéia do Fim - Capítulo 73


Escrita por: ~

Postado
Categorias Mitologia Grega
Tags Ação, Aventura, Deuses, Epopeia, Fantasia, Fim, Grega, Luta, Magia, Mitologia, Violencia
Exibições 4
Palavras 1.719
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Luta, Magia, Romance e Novela, Shounen, Suspense, Violência
Avisos: Sadomasoquismo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas do Autor


Demorou, mas saiu!! Boa leitura e espero que gostem!!

Capítulo 73 - O Fim da Rebelião: Fechar das Cortinas


Fanfic / Fanfiction Epopéia do Fim - Capítulo 73 - O Fim da Rebelião: Fechar das Cortinas


"Em busca da Ambrósia, a fruta da cura e da imortalidade eterna!! O passado das Personificações é finalmente revelado!!"

Lust: Wrath... Gaia falou pra ficarmos com ela, e—

Wrath: Deixa disso. Quero ver se essas Ambrósias estão aqui mesmo. Você vem? [Lust olhou para ele.]

Lust: Tá bom...

Wrath: Okay, vamos lá então. [Os dois entraram na caverna da ilha. Eles andavam em frente. Era escuro e silencioso. Os únicos ruídos que eram ouvidos eram o de gotas pingando em poças d'água.]

Lust: Wrath...

Wrath: Calma. Nós vamos encontrar. [De repente um barulho mais brusco foi escutado.]

Lust: O que é isso?!

Wrath: Será que é o guardião dessa caverna?

Lust: Hã?!

Wrath: Isso aí! Se for quer dizer que estamos bem! [Então, um minotauro apareceu.] Ah, é só um minotauro.

Lust: Só? [O minotauro grunhiu e foi pra cima dos dois. Wrath tomou a frente de Lust.]

Wrath: Bicho idiota. [Wrath apenas estendeu a mão aberta. O minotauro atacou com seu grande machado. Mas Wrath parou ele com apenas uma mão. A espada explodiu e em seguida a mão de Wrath tocou o focinho do minotauro.]  Pereça aqui... [O minotauro explodiu em uma chuva de sangue.] Pronto, podemos seguir agora.

Lust: Hm...

Wrath: O que foi?

Lust: Tem alguém vindo.

Wrath: Outro minotauro?

Lust: Não... É um humano. [Wrath abriu bem os olhos e olhou para trás.]

Wrath: Na nossa direção?

Lust: Sim. Está vindo dali. [Lust apontou para frente. Não tinha como ver nada. Estava tudo escuro.]

Wrath: Hm... Deve ser o protetor da caverna.

Lust: Ainda isso?

???: Não se preocupem. [A voz de um senhor velho foi escutada. Wrath e Lust se assustaram pelo fato de ele estar atrás deles. Eles viraram.] Não sou protetor de nada aqui. [Era o mesmo velho que tinha as audiências com Zeus! Depois de tanto tempo ele voltou a dar as caras agora na história sobre o passado!]

Wrath: Ei, ei, como assim Lust? É esse cara?

Lust: Sim... É ele... Mas...

Wrath: Ele não tava vindo de lá? Você se enganou?

Lust: Claro que não. Bom, Faith tem um poder de pressentimento e clarividência melhor do que eu. Mas tenho certeza que ele vinha de lá.

???: E você está certa, garotinha. Eu realmente vim de lá. [Os dois ficaram assustados.]

Wrath: Ei, velhote. Quem é você?

???: Eu? Eu não sou ninguém que mereça muita atenção.

Wrath: Então...

???: Sou apenas uma divindade caída... [Os dois ficaram mais assustados ainda.]

Wrath: Divindade? Pare de falar besteira e—

Lust: Não... Ele não está falando besteira.

Wrath: Lust?

Lust: Você pode sentir também que eu sei. O poder emanando dentro dele. Está aprisionado de alguma forma.

???: Vocês realmente são seres especiais. Personificações. [O tom do velho ficou mais sério.]

Wrath: Afaste-se, Lust. [Wrath ficou sério.] Ele sabe quem somos... Temos que—

???: Não se preocupe, meu filho. Não vim aqui para lutar. Vim só para alerta-los.

Wrath: Nos alertar? De que?

???: O conflito sangrento... Está próximo.

Wrath: O que...?

???: Não posso dizer mais que isso. Você vai ter que descobrir o resto sozinho. [O velho se virou e desapareceu na escuridão da caverna.]

Wrath: Ei! [Wrath tentou alcanca-lo, mas ele tinha sumido.] O que...?

Lust: Wrath...

Wrath: Lust. Vamos voltar até a cidade.

Lust: Por que?

Wrath: Algo está me incomodando depois disso. Estou com um péssimo pressentimento. [A expressão de Wrath estava mais séria. Lust apenas olhou.]

Lust: Tá bom. [Os dois voltaram as pressas para a cidade. Quando chegaram lá...  Tudo estava em chamas.] O que...? O QUE É ISSO?!

Wrath: Quem...?

???: Você voltou, Wrath. Lust também. [Wrath olhou para trás. Ali estavam Destiny, a personificação de "Destino".] Só que um pouco tarde demais.

Wrath: Destiny... O que significa isso?

Destiny: Estamos nos despedindo.

Wrath: O que? [Wrath arregalou os olhos quando viu Gluttonny, Melancholy, Envy, Greed, Sloth, Harmony e Faith desmaiados. Nas mãos das outras personificações: Truth, Fear, Coldness, Altruism e Heresy.]

Lust: Isso é horrível...

Wrath: Seus malditos. O que pensam que estão fazendo?!

Destiny: Eu já disse é não vou repit—

Wrath: DESTINYYY! [Wrath liberou toda sua raiva e foi pra cima de Destiny que repeliu seu ataque sem mesmo se mexer. Wrath voou e caiu no chão.]

Lust: Wrath!

Destiny: Parece até que se esqueceu do meu poder... Eu posso mudar o "Destino" de todas as coisas.

Wrath: Maldito...

Destiny: Se bem que isso me deu uma boa ideia agora.

Wrath: Destiny, espere... Não faça isso!

Truth: Você vai fazer aquilo?

Destiny: Sim...

Coldness: Hã! Isso é idiotice.

Destiny: Está tudo bem... O melhor vai ser lá pra frente.

Lust: Por que está fazendo isso...?

Destiny: Por que, você pergunta... Hmmm, por que hã? Acho que já cansei disso tudo.

Lust: Como assim?

Destiny: Não responderei mais suas perguntas. Agora... Últimas palavras...

Wrath: Vai... Se foder.

Destiny: Que agressivo. Vai se arrepender delas no futuro. [Destiny começou a brilhar. Ele fechou os olhos.] Agora, digam adeus a esse mundo podre! [Ele abriu os olhos. Eles estavam de cor azul. Tudo ficou branco.]

Wrath: DESTI— [Quando tudo clareou, Wrath estava caído. Em um deserto.] O que...? [Ele se levantou.] Lust?! Pessoal?! [Nenhuma resposta.] Onde diabos eu estou...? Aquele maldito Destiny... Ele alterou o destino de tudo e reverteu sua totalidade... Agora estamos separados... [Wrath ficou em silêncio por um tempo.] Eu vou te caçar, Destiny. E juro que vou te matar quando nos encontrarmos. [Wrath estava com uma expressão amedrontadora...]

~~~x~~~

Harmony: É só isso que posso mostrar. Isso é só uma parte. O resto... [Harmony lançou com o dedo indicador, um laser que atravessou a cabeça de todos.]

Damon: Isso é...

Harmony: Sim. Transmiti a história resumida para vocês através dessa transmissão. Isso então, responde todas as suas perguntas.

Damon: ...

Harmony: Nosso único objetivo era fazer vocês amadurecerem ainda mais para as batalhas que estão por vir.

Damon: Que batalhas?

Harmony: Eles estão vindo... As seis personificações que causaram tudo isso. [Todos ficaram assustados.] E vocês sabem bem disso, Dez Apóstolos e Imperadores da Escuridão.

Dirk: Já disse que não temos mais esse nome... [Falou baixo novamente.]

Harmony: Vocês lembram do que Cloto disse há quase dois meses?

Damon: Hm...

~Lembrança~

Cloto: Cabe a vocês decidirem o que vão fazer. A Caixa de Pandora será a arma que vai mudar o futuro desse mundo.

~Presente~

Damon: Espera aí, e a Caixa de Pandora?

Harmony: Lamento, mas não sabemos quase nada sobre tal artefato.

???: Creio que meu marido pode contar a vocês sobre ela. [Todos olharam. Afrodite veio caminhando calmamente até eles.]

Arthur: Mãe...?

Afrodite: Olá, filho. [Ela sorriu.]

Damon: Senho— Err... Afrodite-san...?

Afrodite: Sim, eu mesma.

Harmony: Bom... Agora o resto é com vocês. Até mais.

Afrodite: Até.

Por que ela falou como se tivesse ouvido tudo?! - Damon fez uma expressão cômica. Chloe retornou.

Chloe: Voltei.

Damon: Bem vinda de volta... Então, Afrodite-san. Você disse algo sobre seu marido saber sobre a Caixa de Pandora.

Afrodite: Sim. Hefesto foi quem forjou ela.

Quase todos ali: O QUEEEEE?

Damon: A-A-A-Arthur! Você sabia disso?!

Arthur: Não. Por que esconderam isso de mim por todo esse tempo?

Afrodite: Desculpe, Arthur. Infelizmente, Zeus não deixava tocarmos nesse assunto.

Damon: De novo ele... Grr. [Damon rangiu os dentes. Ele virou e foi andando até Angel.]

Angel: Hã? [Ele se ajoelhou e olhou em seus olhos.] Hã?!

Damon: Você fez isso tudo porque Zeus te manipulou, não foi?

Angel: Isso é...

Damon: Não se preocupe. A culpa não é sua. [Damon estendeu a mão.] Seja nossa amiga. Venha para o nosso lado. Tenho certeza que você vai gostar. [Ele sorriu. Angel ficou vermelha e depois fez uma cara engraçada de choro com os olhos borbulhando e brilhando.]

Angel: Daaaaaaarliiiiiiiiiing! [Ela abraçou Damon chorando.]

Silver e Dirk: De novo?!

Angel: Me desculpe Darling! Eu aceito! Eu quero ser amiga de vocês!

Damon: Então, está bom e—

Angel: E mais...

Damon: Hã?

Angel: Quero ser sua amiga. [Damon recuou um pouco. Ele olhou para trás e viu Lilith pegando fogo.]

Damon: Ei, espera, Lili—

Lilith: Já chega! [Ela usou as Chamas Polivalentes e acertou os dois. Eles caíram, cremados no chão.]

Damon: Por que fez isso...?

Angel: Ahahahahaha!

{Um tempo depois}

Damon: Bom, então vamos nos apresentar de novo, não é? Esses aqui são os Dez Apóstolos. Essa é minha irmã mais nova. Esses são... [Ele ficou em silêncio.] Bom, é isso.

Keith: O que?! E eu na esperança de você arranjar um nome legal pra gente.

Damon: Façam isso vocês mesmos.

Dirk: O que?!

Damon: Ok, ok. Você não tem casa não é?

Angel: Não se preocupe, Darling! Eu vou ficar na su— [Lilith pegou Angel pela roupa, na parte do pescoço.]

Lilith: Ahahahahaha, não se preocupe com isso cara, você é mais que bem vinda ao Submundo.

Angel: O que?! Por que eu vou pro Submundo?!

Lilith: Lá tem espaço de sobra. Principalmente meu quarto.

Angel: Hãããããã? Mas eu não qu—

Lilith: Tudo bem pra você, Damon?

Damon: Hmmm. Se você diz.

Angel: Uaaaaaah! Bom, se o Darling diz...

Lilith: AAAAAAAAH! Então, o que mais temos pra fazer agora hein?

Damon: Afrodite-san...

Afrodite: Hefesto está ocupado no momento. Mas você pode falar com ele amanhã, Damon.

Damon: Amanhã... Pera.

Arthur: De tarde.

Damon: Ah, então dá pra dormir bastante até lá. Estou morrendo de sono.

Keith: Okay, então é aqui que nos despedimos de novo.

Damon: Sim, vocês foram de grande ajuda dessa vez. Valeu.

Keith: Eu que agradeço. Qualquer coisa, tamos aí. [Os dois bateram os punhos. E em seguida foram embora.]

Damon: Muito bom... Agora quero falar algo com vocês... Como a Angel faz parte de nós, não tem problema ela ouvir. Afrodite-san...

Afrodite: Tudo bem. Estou indo na frente. Até mais pessoal. Estou esperando em casa, Arthur.

Arthur: Ok. [Afrodite se foi. Damon esperou exatamente dez minutos.]

Silver: Então... Damon?

Damon: Tenho uma pergunta pra fazer a vocês.

Grey: O que foi? Pode mandar.

Damon: Se algo extremo acontecesse conosco envolvendo Zeus e os Deuses... Vocês teriam coragem de mata-los? [Todos se surpreenderam com a pergunta.]

Silver: O que?!

Elaine: O que quer dizer com isso?

Damon: Vou refazer a pergunta. Lilith, Silver, Grey, Brandt, Meade. Vocês seriam capazes de matarem seus próprios pais para sobreviver?

"Uma pergunta direta!! Damon começa a prever o desespero que está por vir..."


Notas Finais


Acabou?! Vá para o próximo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...