História Era Uma Vez... o dia que mudou a minha vida - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Andrei Soares "Spok" Alves, Aruan Felix, Cauê "BaixaMemoria" Bueno, Felipe "Febatista" Batista, Felipe Z. "Felps", Gabriel "MrPoladoful", Gustavo Stockler (Nomegusta), João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", Kéfera Buchmann, Lucas "Luba" Feuerschütte, Luiz Felipe (Luiz 1227), Malena "Malena0202" Nunes, Marco Tulio "AuthenticGames", Maria Luiza Ramos (MoonKase), Pedro Afonso "RezendeEvil" Posso, Rafael "CellBit" Lange, Rafael "Guaxinim" Montes, TazerCraft, Thiago Elias "Calango"
Personagens Andrei Soares "Spok" Alves, Aruan Felix, Cauê Bueno, Felipe "Febatista" Batista, Felps, Gabriel Tenório Dantas, Gustavo Stockler, João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", Kéfera Buchmann, Lucas "LubaTV", Luiz Felipe "Luiz 1227", Malena0202, Marco Tulio "AuthenticGames", Mike, MoonKase, Pac, Pedro Afonso Rezende Posso, Personagens Originais, Rafael "CellBit" Lange, Rafael "Guaxinim" Montes, Thiago Elias "Calango"
Exibições 10
Palavras 1.266
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Musical (Songfic), Orange, Romance e Novela, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Não joguem, não joguem * katanas voando pra todos os lados * *desvia de todas inclusive uma da Oone-Chan que acerta o meio dos cabelos enquanto dá um mortal e caindo em pé * Calma o Cap tá grande não me matem!

Capítulo 10 - Festa, beijo e cortes p1


Fanfic / Fanfiction Era Uma Vez... o dia que mudou a minha vida - Capítulo 10 - Festa, beijo e cortes p1

P.O.V Cauê
Eu tava preparando as coisas pra quando a Thay chegasse, já que íamos gravar um vídeo de Minecraft Murder. Quando eu termino ela chega.
Thay- Baixinha, abre a porta aqui - ela só pode tá de zoação comigo: Baixinha? !
Eu- Tô indo- eu vou e abro a porta me deparando com uma Thay sorridente.
Thay- Vamos começar?

Eu comecei o vídeo assim:
Eu- Galera, se um transformer comprar um carro, será que ele vira escravo? (N/A- Eu vi um vídeo dele assim mesmo, vou fazer a paródia aqui )
Eu- Hoje eu vou gravar com uma pessoa que eu amo muito.
Eu- Não é minha mãe, Não é o Authentic, e não é o Jazz.
Eu- E minha irmãzinha Thay!
Thay- Oi povim lindo
Eu- Ok, vamos começar:

Partida 1
Eu sou um gunner

P.O.V Thay
Mintira, sou Murder galera!
Cauê- Ô Thay, me explica essa faca na minha mão? - ele tá mentindo, eu sei o que ele é.
Eu- Esse Murder bugou, eu também tô com uma faca!- eu digo
Cauê- Thay olha atrás da sua skin- eu olho e vejo ele com a arma.
Thay- Olha só minha primeira vítima! - eu pego a faca bem rápido e mato ele.

Cauê- Eu devia ter atirado! Eu devia! Pena que não tem como dizer quem é o Murder quando morre ;-; - ele diz triste. Enquanto eu vigio a arminha dele, eu deixo os outros juntar os scrap pra fazer a arma. Eles não achavam e viram a arma do Cauê perto de mim. Toda vez que tentavam pegar eu matava. E assim eu ganhei a pertida.

Partida 2
Eu saí gunner e como eu tenho faro bom pra assassinos, a primeira pessoa que mato é justamente o Cauê e ganho a partida.
Cauê- Aí não vale! Eu vou sair do server.- ele finge que sai, mas na outra partida ele entra.

Partida 3
Eu saio Murder e o Cauê sai inocente . Não é que um raio cai no mesmo lugar?
Eu- Cauê,  vem cá,  me dá um abraço!
Cauê- Não vai ver é você o Murder?!
Eu- Eu? Não sou não! - eu mato todo mundo e uso o teleporter. Vejo que o Cauê não parou longe.
Eu pego a bússola e acho o Cauê , atiro minha faca nele e venço a partida. Depois posto no Chat
     CHAT ON
Eu- GG

[...]
Acabamos o vídeo, editamos e postamos.
Cauê- Ela me matou, eu não acredito nisso ;-;
Eu- E olha que você disse que ia me matar no Murder, e eu te matei nas 3 partidas GG CAUÊ !! GG BRASIIL
Cauê- Ain não precisa humilhar ;-;

P.O.V Lydia
Oi, eu sou a Lydia, tenho 19/20 anos, e sou a Best da Thay.
Hoje é meu aniversário e a Thay disse que iria vir, mas estiu um pouco preocupada com o Carlos, o meu irmão mais velho. Ele gosta de " pegar " as garotas das festas onde ele vai.

Eu- Carlos, por favor, não tenta beijar ninguém da festa, eu tô te pedindo...
Carlos- Ok, eu não vou pegar nenhuma das suas amigas...

P.O.V Mike
Será que deixo a Thay ir nessa festa? Eu fiquei sabendo que o irmão da amiga dela é o maior mulherengo da cidade e eu não quero ele perto da MINHA Thay, eu prometi pra ela que nunca mais faria isso.

        FLASHBACK ON
No dia que a Ketty me beijou, eu tentei pedir desculpas à ela antes de eu ter a ideia de mandar o bilhete.
Ela ficou com raiva de mim, mas eu a amo, e não tinha onde descarregar o peso da culpa, nem chorar não adiantava mais.
Então eu lembrei que quando eu ficava magoado, eu tinha uma solução: me cortar.
Eu peguei a lâmina de uma gilete que tinha aqui em casa, levantei as mangas do moletom e comecei a me cortar.
A dor era insuportável,  mas era uma maneira de descarregar aquela dor que estava no meu coração. Ela tinha saído do quarto para vir no banheiro, justamente onde eu estava. então ela viu e tirou a lâmina de minhas mãos.
    FLASHBACK OFF
Eu não quero que isso aconteça novamente, eu a prometi que não o faria mais.
P.O.V Thay
Tomara que o Mike me deixe ir, eu quero muito ir!
Eu- Mikhaé- eu digo manhosa- já pensou?
Mike- Já. E sim, você pode ir, contanto que eu vá te buscar.
Eu- Obrigado Mike, eu te amo!- e dou um beijo nele. Um beijo calmo e doce, um beijo muito melhor do que os outros.

QUEBRA DO TEMPO
NA CASA DA LYDIA
Eu cheguei e trouxe o presente dela: Uma corrente de ouro.
Dou o presente à ela e começamos a curtir a festa.

QUEBRA DO TEMPO
FINAL DA FESTA
Eu estava indo embora da festa, eu ia caminhando e peguei meu celular e mandei uma mensagem para o Mike me buscar, mas quando coloco meu celular no bolso um homem me prensa na parede: é o Carlos.
Carlos- Hey gatinha, por que não fica mais um pouco?
Eu- Carlos me solta!- eu digo e ele me prensa mais ainda na parede.
Carlos- Só depois de um beijo- Pelo seu hálito percebi que ele havia bebido.
Eu- Não Carlos eu ten...- ele não deixou eu terminar de falar e me beija, mas logo eu vejo Mike se aproximar com a moto, e quando eu olho, ele estava com os olhos cheios de lágrimas. Me solto de Carlos e corro na esperança de alcançar Mike, mas ele já havia saído.
Eu- MIKEEEEEEEEEE- eu digo chorando, perdo a força das pernas e caio no chão- Mike, eu te amo, não foi por que eu quis...

P.O.V Mike
Eu estava brincando com a Lore e vejo a mensagem da Thay.

MENSAGEM ON
Mike, vem me buscar.
MENSAGEM OFF

Liguei para o Pac ficar com a Lore enquanto eu vou buscar a Thay.
Quando chego lá, eu vejo ela beijando o Carlos. Sinto meus olhos cheios de lágrimas e acelero de volta pra casa. Eu senti que ela estava me chamando, aquilo doeu na minha alma, eu não sei se eu ainda a perdoarei... eu irei para um bar, tentar esquecer tudo isso.
     
P.O.V Thay
Quando recupero a força nas pernas, eu me levanto e volto para casa.
Quando chego lá eu vejo Pac e digo para ele ir embora, ele pergunta o que aconteceu e eu disse que não poderia contar. Então ele foi embora.
Eu coloquei a Lore para dormir e pensei em um jeito de afogar as mágoas. Me cortando.
Pego uma lâmina e começo os cortes.
Aquilo dava uma sensação de alívio grande, nas depois de um tempo os cortes rasos não estavam surtindo efeito.
Comecei a fazer mais fundo. O chão do banheiro era vermelho de puro sangue. Eu acerto a veia e a corto sem querer, e eu senti uma tontura e desmaiei. As últimas palavras que disse antes de desmaiar foram:
Eu- Mike... Me... Ajuda...
então desfaleço no chão vermelho de sangue.
P.O.V Mike
Depois de um tempo naquele lugar, sinto um estranha dor que não vinha á muito tempo:
A dor de que uma pessoa que ama está em perigo.
Pego minha moto, eu não tinha bebido nada que me tirasse do estado sóbrio.
Quando chego em casa eu ouço a Thay dizer:
Thay- Mike... Me... Ajuda...- e não ouço mais nada.
Eu corro até o banheiro e vejo que ela tinha se cortado, ela estava suja de sangue e com uma veia cortada. eu a levo as pressas para o Hospital.
             CONTINUA?


Notas Finais


Eu quero um desse pra mim (foto do cap )


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...