História 》Error | Taejin《 - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jin, V
Tags One-shot, Que Qui Eu To Fazenu, Sad, Suícidio, Taejin
Exibições 117
Palavras 823
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiiiiii!!!! Pera... esse não é meu bordão.

SAAAALVIIIII DESGRAÇAAAAAA!!!!!

Agora sim! Minha primeira one shot pra vocês.

Tirinho pra certas miguinhas do Whats (né Lívia e Ed? )

Mas espero que gostem.

P.S- Não me responsabilizo por mortes aleias OKAY????

Capítulo 1 - Capítulo Único.


Fanfic / Fanfiction 》Error | Taejin《 - Capítulo 1 - Capítulo Único.

Estava indo hoje visitar meu Jin, fazia algumas semanas desde que haviamos tido uma briga feia.

Ciúmes era o motivo, meu ciúme bobo fez que ficassemos afastados por esse tempo.

Conversei com ele ontem por celular pra ver se ele deixava eu ir em sua casa conversar e resgatar o nosso relacionamento que eu havia destruido.

Jin cuida de mim de um modo que nem sei explicar, então ter ele longe de mim é extremamente torturante. Eu o amo tanto.

Quero tentar fazer tudo voltar ao que era antes. As tardes que eu ia em sua casa e ele preparava diversos doces de gostos variados somente para me agradar.

O carinho que ele fazia em minha cabeça que me deixava confortável para afundar em seu colo e abraça-lo.

As noites de amor que eu tinha consigo, cada estocada que eu lhe dava fazendo com que ele gemesse manhoso pedindo por mais. Era tão bom ouvir aquele som vindo da boca do meu hyung.

Hyung.

Saudades de chama-lo assim, saudades de poder abraca-lo, saudades de poder ser mimado por ele, saudades de Kim Seokjin.

Se eu pudesse voltar no tempo e concertar tudo, agora eu estaria ao seu lado recebendo carinhos incessantes do mais velho e não vindo o visitar para resolver as coisas.

E por fim, estou no seu andar, já em frente a sua porta hesitante em tocar. Toco ainda relutante mas sou atendido.

Em um lado havia da porta havia Jin com seus lindos cabelos rosados me olhando com um sorriso fraco e no outro havia Namjoon, colocando seu casaco com se fosse ir embora.

- Jin, eu já vou indo okay? Tchau. - acena para meu hyung.

- Vem Taehy, entre. - diz me puxando pelo pulso para que eu entrasse.

- O que ele fazia aqui hyung? - falo em tom confuso.

- Eu não queria dizer isso, mas quando nós demos uma "pausa" em nosso relacionamente eu fiquei com o Namjoon pra te esquecer. - fala de cabeça baixa e eu me entristeço.

- Hyung, eu pensei que você e o Namjoon era coisa da minha cabeça, que você nunca me trairia com ele e que meus ciúmes eram fúteis, mas eu vi que era verdade. - digo com lágrimas em meus olhos.

- Taehy, eu bebi pra esquecer você, eu queria esquecer de nossas brigas, esquecer os erros cometidos, mas eu sou fraco com bebidas e acabei me entregando... - Não deixo ele falar mais nada.

- Então por que bebeu hyung?! Eu sei que eu errei e te magoei por achar que você me traiu, mas porque fez isso comigo?! Eu sei que eu desconfiei de você uma vez com o Namjoon, mas não achei que poderia fazer isso e jogar nosso relacionamento no lixo! - digo em tom elevado.

- Eu não joguei nosso relacionamento no lixo! Foi um deslize, eu me entreguei a bebida, eu me entreguei ao Namjoon mas não foi a minha intenção, o efeito da bebida estava sobre mim! - diz em tom de chateação.

- E eu ainda te pergunto: Por que bebeu hyung?! Você sabe que é fraco pra bebidas, mas do mesmo jeito fez! Eu fiquei magoado com o que disse pra mim também, mas eu não te traí como você fez comigo. Sei que sou ciumento e possessivo, mas ahora eu realmente tenho motivos. - digo indo em direção à porta.

- Espera Taehy, aonde você vai amor? - diz segurando meu pulso e eu viro pra ve-lo.

- Vou acabar com isso tudo hyung,  eu não consigo mais suportar essa vida Jin. - falo cabisbaixo.

- Taehy, o que você está pretendendo fazer? - diz me olhando com medo.

- Vou finalizar a minha vida hoje, fique com o Namjoon, ele é o melhor que eu, todo mundo é melhor que eu. - digo saindo porta à fora.

O prédio onde Jin vive chega até o andar vinte, acho que terei uma boa morte.

Entro no elevador secando as mibhas lágrimas que ainda ousavam cair de meus olhos sem meu consentimento e por fim chegamos ao último andar, o térreo.

O fim está tão próximo e tão atrativo, me sinto calmo aqui. Começo andar nas bordas do prédio pronto para pular.

- Por favor Taehy não faça isso!!!! Eu te amo, não acabe com sua vida tão facilmente!!!!! - diz chorando.

- Desculpe hyung, mas eu tenho que fazer isso. - digo de costas de frente pra ele e de costas pra borda.

1...

2...

3...

- Adeus hyung, meu hyung...

Digo ouvindo seus gritos desesperados e enquanto caia.

Esse é o fim pra mim, o fim vai chegar pra todos um dia, queira você ou não.

Você pode adianta-lo mas nunca poderá atrasa-lo.

Um dia meu hyung já me chamou de anjo, queria dizer a ele que se eu fosse um anjo eu não estaria caindo, mas sim voando.

Hyung, eu não sou um anjo.





Notas Finais


Gente, num sei o que eu falar. Sei sim...
Você já foi na minha peça? Jsdbanzhan tá, parei.

Espero que tenham gostado😙💟💋


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...