História Escapist


Escrita por: ~


Sinopse:
Era ali, onde o escapismo encontrava a realidade e não se precisava de mais nada além de outro ser humano para se obter um efeito alucinógeno, que nós nos encontrávamos. Era bem ali, onde os sentimentos se misturavam aos sentidos e a imaginação se tornava mais verdadeira que a realidade, que nós ocupávamos o nosso lugar no Universo.
[Reituki]
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Visualizações 3.164
Favoritos 68
Comentários 116
Listas de Leitura 5
Palavras 90.690
Terminada Sim
Categorias The GazettE
Personagens Aoi, Kai, Reita, Ruki, Uruha
Tags Reituki

Fanfic / Fanfiction Escapist
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1.
Prólogo
6
284
920
 
2.
Stalkers, Borboletas e Volta às Aulas
6
238
2.384
 
3.
Appetite For Destruction
6
197
3.317
 
4.
Um Rosto Sem Faixas, Um Beijo e Um Gato Branco
4
196
3.454
 
5.
Um Plano Diabólico e Um Remédio Melhor que Qualquer Outro
3
180
3.424
 
6.
Um Banho de Água Fria e Um Ato de Coragem
4
174
3.384
 
7.
Uma Primeira Vez e Muitas Vezes Mais
5
183
4.378
 
8.
Uma Noite Estrelada e Apenas Um Sonho Distante
4
171
2.637
 
9.
O Nascer do Sol no Para-Choque
6
144
2.160
 
10.
Onze Meses de Sono Profundo
5
145
4.470
 
11.
Quem pertence a quem? e Luminal, o Psicotrópico-Chave
5
133
3.780
 
12.
Ainda é Tempo
6
131
4.927
 
13.
Roleta-russa ou Uma Proposta Irrecusável
6
123
3.664
 
14.
Escapist: Cada um Escapa à sua Maneira
6
116
3.633
 
15.
A Pior Válvula de Escape
4
102
5.006
 
16.
A Morte, Um Anjo ou Mais Uma Alucinação
6
100
2.762
 
17.
Do Fim ao Recomeço
7
95
6.352
 
18.
Entre o Céu e o Inferno
6
110
5.718
 
19.
Cândida
6
82
3.037
 
20.
Ressurreição
5
83
6.392
 
21.
Ciclo
4
77
7.417
 
22.
Luzes, Cristal e Um Lugar no Universo
6
100
7.474

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Postado por ~invisiblewall
Capítulo 18 - Entre o Céu e o Inferno
Usuário: ~invisiblewall
Usuário
Primeiro deixa eu sentar aqui, já que não tive essa oportunidade quando comecei a ler porque estava no TREM. ISSO MESMO, E NÃO TAVA ESPERANDO POR UM LEMON. Então tu pode imaginar minhas manobras pra ler essa coisinha inocente no meio de uma muvuca sem ser notada. QUE BOM QUE EU TAVA ESCORADA NA PAREDE, MEU!

Eu fui pega desprevinida, realmente não tava esperando, e não falo só do sexo, mas de toda essa intensidade que veio com ele. Foi tanto tempo longe, tanta coisa guardada, tanto sentimento fermentando que esse encontro não poderia ser menor que uma explosão. E foi! Caramba, eu tava prontinha pra mais uma série de lamentações do Taka e muitos, muitos períodos de "remoer sentimentos" do Aki porque eu acreditei que ele fosse precisar de muito mais tempo pra superar, por tudo em ordem, resolver a vida ou qualquer outra opção super necessária pros dois a essa altura do campeonato.

Mas a melhor parte, sem sombra de dúvida NENHUMA, foi a que o Taka reconheceu o quão humano o Akira é e como ele precisava parar de idealizar ele tanto pra poder se conectar com ele, ter ele de verdade, entender que aquela urgência de se pertencer era recíproca. Poxa, ele matou todas as charadas quando disse que preferia aquele Akira doente, tão doente quanto ele. A relação deles não é um conto de fadas, é algo real, só que com uma carga de dependência muito grande. Os dois não conseguem não precisar um do outro. Ai, sei lá, aquele parágrafo ali de iluminação dele me arrebatou. #morta

Tu é demais, sem palavras <3
Postado por ~LisVital
Capítulo 22 - Luzes, Cristal e Um Lugar no Universo
Usuário: ~LisVital
Usuário
Olaaar, finalmente cheguei aqui!
Miga, primeiramente peço desculpas pela demora, mas confesso que por saber que era o último capítulo eu adiei a leitura... sabe como é quando a gente não quer que algo que gostamos muito acabe, não sabe? Então, me desculpa ç.ç
Mas beeem... finalmente tomei coragem (lê-se vergonha na cara) de ver como essa maravilha iria terminar!
E sim, eu super caí na pegadinha do título do capítulo e antes de ler já imaginei mil coisas... mas aí Cristal era uma gatinha!
Preciso dizer que morri de fofura? Você sabe como eu amo gatos, né? E saber que uma felininha doce estava sendo mais uma companhia na recuperação do nosso amado Ruki me derreteu por dentro. Acho que já te contei que adotei minha gata no período em que morava sozinha, né? Sei como essas criaturinhas realmente nos ajudam... eu sei que a gata é do Kai, mas deu para perceber como ela tem uma relação afetiva com o Taka e em como ela o ajuda. (Eu sei que é mais um detalhe, mas eu não podia deixar passar batido hsuahsuhss)
Boooom, eu amei demais ver todos eles bem, Kai fofissimo querendo se tornar médico e o Ruki se entregando a sua paixão que é a música, distraindo-se com roupas, cabelo, maquiagem e fazendo shows! Parece que tudo começou finalmente a entrar nos eixos.
Gostei de vê-lo todo emotivo com qualquer situação e chorando toda vez que vê o Kou e o Yuu. Também ameeei a dicotomia entre o Kou e o Aki que ficou tão clara, como eu já tinha dito, eu AMO essa amizade sincera entre o Taka e o Kou e fico feliz que ele, como sempre, tenha continuado a confiar em seu melhor amigo.
Aaaaaah e eles querendo praticar música juntos? Prevejo todos eles se juntando no futuro e formando uma banda chamada The Gazette -qq
Gostei do modo que essa amizade entre todos eles foi retratada sem ser muito piegas, saca?
E aí chegamos na questão mais esperada e no ponto alto desse capítulo final: Reita.
Claro que eu estava esperando que ele aparecesse e é claro que eu esperava que eles se encontrassem novamente e conversassem de modo civilizado até decidirem que apesar de se amarem não dava mais para continuar.
Óbvio que era isso o que eu imaginava, mas como sempre você foi IMPREVISÍVEL. Aaaaaaah e eu surtei muito!
Cara, eu amo o modo como você construiu o relacionamento desses dois lindos, em como eles se comunicam tão mal verbalmente, mas como os atos... os gestos são tão mais significativos que as palavras.
Óbvio que o Akira stalkeou o Taka esse tempo todo, óbvio que nenhum dos dois quis se relacionar com mais ninguém porque, é claro, que tudo o que havia acontecido entre eles e todo o mal entendido os impediam, de certo modo, de seguir em frente.
Acho que o mais impressionante para o Aki foi perceber que o Taka realmente conseguiu mudar e seguir com a sua vida (pelo menos em partes já que continuava vendo o Aki imaginário) e que ele estava errado, acho que a parte mais difícil para o Reita era admitir que o Ruki poderia ser um louco sem nenhum pingo de bom senso, mas que estava agindo com o coração o tempo todo... isso desde que ele decidiu que não contaria a ele que acordou por não querer vê-lo sofrer até o fato de ter "contrabandeado" o Yuu para dentro do hospital.
Aaah miga, nem sei o que dizer sobre esse lemon, foi tão intenso e maravilhoso que eu fiquei sem fôlego porque, todas as vezes que esses dois se juntam fisicamente o plano emocional meio que se estabiliza... é como eu tinha dito, eles são péssimos se comunicando verbalmente, mas é porque não precisam, porque a comunicação entre eles vem do físico e isso é tão... realista. Falar sobre o que sentimos é algo extremamente difícil para qualquer ser humano, mas nós sempre demonstramos de uma forma ou outra, basta saber interpretar. E miga, isso reforça aquilo que eu pontuei ao longo de toda a narrativa: que história mais humana que você desenvolveu aqui!
Bom, eu fiquei muito satisfeita com esse final... foi lindo demais e delicado demais de um modo que constratou com toda a escuridão que permeou a história por um tempo, mas ainda assim, não foi um final conclusivo do tipo "felizes para sempre" e mais um raio de esperança, uma luz no fim do túnel de que as coisas podem dar certo, mas não vai ser parado e fugindo de tudo que isso vai acontecer.
As vezes a situação precisa ficar extrema demais para que possamos fazer algo a respeito tipo 11 meses de coma e ter a notícia de que você pode não viver para ver o amanhã, esse é o tipo de coisa que transforma a vida e impulsiona muitas vezes a fugir desse escapismo e começar a fazer algo a respeito!
Bia lindaaa, eu não sei nem o que dizer mais sobre essa história incrível, só sei que foi um privilégio poder lê-la e fazer parte disso tudo.
Você é sensacional e pode ter certeza que continuarei lendo tudo o que escrever porque agora já era, você ganhou uma leitora assídua.
Então, não vou dizer adeus, não vou me despedir porque eu sei que logo nos encontraremos de novo em outras histórias!
Até a próxima, miga.
Mil beijooos.
Postado por ~Hellem_Gazerock
Capítulo 22 - Luzes, Cristal e Um Lugar no Universo
Usuário: ~Hellem_Gazerock
Usuário
Acabou. TT^TT
Eu nem sequer consigo acreditar que cheguei até aqui. Só não posso dizer que estou inteira, porque não é verdade. HAUHSUAHSUAHSUA Sinceramente, eu não sei se devo chorar ou suspirar aliviada. -n
Você disse que eu não precisava me justificar, mas o motivo de eu ter dado uma sumida, tem meio a ver com você QUE SEMPRE ARRASA COMIGO NESSES CAPÍTULOS MARAVILHOSOS! A verdade é que eu não tenho me sentido muito bem nos últimos dias, e quando é assim, eu prefiro me manter um pouquinho mais afastada das fics, principalmente dessas mais "pesadas". Geralmente, quando uma autora atualiza a história, costumo ir correndo ler, mas quando se trata de "Escapist", principalmente depois que entramos na fase "bad", eu não tinha pressa nenhuma pra aparecer por aqui, não por ser uma fic ruim, LONGE DISSO, essa história é meu xodózinho, mas porque eu nunca soube como prever o que encontraria e precisava de um tempo pra preparar meu psicológico. É aquela coisa né: Fanfic com incesto, assassinato, pedofilia, estupro, masoquismo: de boas; Fanfic com drama familiar/amor/amizade, doença, vícios: pesadão. -q Eu até enrolei pra escrever esse coment, porque preciso de tempo e calma pra digitar. Sem falar que você sempre ferra minha cabeça, tornando tudo mais difícil. Eu nunca me dediquei tanto aos comentários como fiz nessa fic, nunca. Essa história foi tão maravilhosa, que eu tinha a necessidade de sentar a bunda na cadeira, ligar o computador, e fazer uma analise detalhada sobre tudo. Pelo menos essa era a intenção, porque mesmo agora eu sinto que não consegui dizer tudo o que se passou nos meus pensamentos. Nesses ultimos capitulos, eu até lia, e embora eu odeie deixar pra comentar depois, (porque perde a emoção) pra comentar quase dignamente por aqui tem que estar com a cabeça no lugar. -q
Eu evitei ao máximo não ficar imaginando sobre esse final, até porque você SEMPRE surpreende. Essa é uma das coisas que eu mais amei na história. Criar mil e uma teorias, e ficar em choque diante de algumas cenas completamente inesperadas. Pra começar, eu li o título e fiquei "WTF???? Ela não vai fazer isso comigo" e quando vi que "Cristal" era uma gata, soltei um "vai se foder!" desculpa HAUHSUAHSUASHAU Você disse que pretendia fazer umas pegadinhas, mas como eu disse, você é imprevisível, e embora eu desconfiasse, não poderia ter certeza, ainda mais quando você tava dando a entender outras coisas. Eu preciso dizer que achei excepcional você não ter perdido o foco por nenhum momento, não se esquecendo do tema fundamental da fic: o escapismo. E ver que a musica se tornou a nova válvula temporária do Taka, me deixou muito feliz! É notável o amadurecimento desse neném! <3 E ESSE PARAGRAFO FINAL FOI TOP DE LINHA! SABE AQUELES FILMES QUE NO FINAL TEM UMA CITAÇÃO EMOCIONANTE? FOI TIPO ISSO!
E O KOU E O YUU FICARAM JUNTOOOOOOSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS E ficou tudo bem entre todos eles ~na medida do possível, né, tem coisinhas que não dá pra esquecer~ mas ainda assim... aaaaaaaaah! Esse Kouyou é um deus mesmo. Maravilhoso. VIU SÓ AKIRA, COMO É QUE SE FAZ? -n Embora, eu ache que o problema do Akira foi até compreensível. A cena que ele viu, de fato, deve ser difícil de esquecer. Porém, não vou negar que vê-lo admitir que errou me trouxe uma puta satisfação! Apontar pro outro fácil, difícil é olhar para o próprio umbigo.
Confesso que por vários momentos, pensei que o Kou não iria acordar. Preciso ressaltar que estou aliviada, embora o acidente tenha deixado sequelas também. A vida de todos eles ficou marcada por esse acidente, querendo ou não.
A pequena discussão entre o Akira e o Taka me matou! AUHSAUHSUASHAU Lembra aquelas brincadeiras infantis e sem sentido de começo de namoro. Li essa parte com um sorriso nos lábios, principalmente porque eu senti o que estava vindo a seguir E NEM CONSIGO EXPRESSAR O TAMANHO DA MINHA FELICIDADE! Tivemos mais um LEMON LINDO MARAVILHOSO COM SELO ~você sabe qual~ DE QUALIDADE -Q Eu já disse antes, mas eu AMO ESSES ROMANCES DOENTIOS E NÃO CONVENCIONAIS! Eu não vejo como poderia ser diferente esse final entre eles. Mais uma vez, "você firmou a história no chão", deixando-a mais próxima da realidade. MEUS MOZÕES FICARAM JUNTOS AAAAH! OBRIGADA POR ESSE FINAL FENOMENAL! Eu estava curiosíssima pra ver qual a sua definição de "otimismo" UHAUSHASUAHSUAHS OBRIGADA, MUITO, MUITO, OBRIGADA! Mesmo com todas as brigas e diferenças, o desejo e amor falou mais alto E MEU OTP SEGUE VIVOOOO. <3
Preciso exaltar também a preciosidade da sua escrita. Não esquece do meu autografo quando for me enviar o futuro livro que você vai publicar. -q Com total sinceridade, essa fic foi sensacional do começo ao fim. Saber que essa fic tem um significado tão intimo pra você, só deu mais profundidade a essa história tão incrível. Espero que algum dia você me conte até onde a sua história pessoal se mistura com a ficção. E saiba que a sua dedicação em escrever algo tão belo e profundo, me instigou a dar o máximo de mim nos comentários também.
Eu não consigo deixar de comparar os personagens antes e agora, vendo o quanto mudaram e principalmente como a relação entre o Taka e o Aki mudou. Aqueles dois adolescentes apaixonados que sequer sabiam como se aproximar um do outro inicialmente... nem preciso dizer que gosto mais da selvageria de agora, né? -q E miga, não se preocupe pois você não vai ficar sem meus comentários. Faço questão de aparecer em outras de suas histórias, porque eu também não poderia ficar sem a sua escrita, muito menos sem seus lemons ESPETACULARES~ <3
Já notou que o Spirit tem uma seção de "fanfics em destaque"? Eu queria muito ver essa preciosidade em um lugar de honra nesse site. Gostaria de recomendar essa maravilha para o mundo! Céus! Eu amei essa história do inicio ao fim, amei comentar e amei as suas respostas nos meus comentários, que sempre me deixavam ansiosa porque além de você ser um amor, sempre deixava uma BOMBA que me matava lentamente até o próximo capítulo. Até agora não sei o que é pior: receber spoilers ou ficar sem eles. AUHSAUSHAUHSA
Eu poderia passar horas aqui tentando colocar pra fora toda a minha admiração por você e por essa fanfic, e ainda assim seria pouco. Tem coisas que a gente realmente não consegue expressar com palavras né? Tudo o que tenho a dizer é: valeu a pena cada segundo ~de sofrimento~, cada lagrima que tentei conter ~e olha que teve momentos que eu realmente me forcei a não chorar~, e mesmo diante de todas as tragédias, ainda consegui dar algumas risadas. Já falei, e volto a repetir: você tem um dom com as palavras. Obrigada, de coração, por cada sensação, cada sentimento que a sua história causou em mim. Muitíssimo obrigada.
Já estou ansiosa pra saber o que você pretende postar futuramente, hihihi~ <3
Eu não vou nem dizer "tchau" porque eu posso te encontrar quando eu quiser, né mozona? GAUHAHSUAHSA <3
Beijão super amiga, e até qualquer hora.
Mais uma vez: obrigada.
Postado por ~Jaq-sama
Capítulo 22 - Luzes, Cristal e Um Lugar no Universo
Usuário: ~Jaq-sama
Usuário
CARVALHO EU LI TODOS DE UMA VEZ E TÔ SURTANDO SOCORRO. Eu tô no chão

Eu entrei em semana de provas e nem tava dando pra ler, mas mano....maaaaanoo
SS cortou meu comentário do outro capítulo, era muito maior -_-" mas enfim...
Vi a do que que foi isso?
Eu achei que eles não iam acabar juntos e que o taka ia voltar a se drogar e que ia dar mais merda ..
AÍ VOCÊ ME VEM COM ESSA COISA LINDA DE ÚLTIMO CAPÍTULO, NA MORAL QUE COISA LINDA AAAH
Que lemon foi esse viado...geeente do céu...
Ai gatos pretos♡ coisas fofas♡♡♡ aí gatos♡♡♡♡♡♡ Man eles vão formar a banda? Aish*-* Esse ruki ladrão de bottom é tão amorzinho aaaah
Doutor Yutaka♡♡♡
OPA QUE MEUS DOIS SHIPP ACABARAM JUNTOS PERA
AÍ CARVALHO EU TÔ SURTANDO MEU SHIPP TÁ JUNTO AÍ ViADO
Delicia de capítulo puta que pariu
Aí viado, tá dando um negocio agora, tipo eu não comentei em todos, mas vei....Eu vou sentir falta dessa fic;-; é uma das minhas favoritas veeeei;-; aí Cara se sinta abraçada bem forte porque porra...Aí me apeguei...Vou ficar relendo ela hehehehe
Enfim...Mano...tu escreve bem de mais, sério, dava quase pra sentir o que o ruki sentia...Aí veio. ..Só tenho elogios namoral...AÍ QUE FIC MARAVILHOSA
Serio, amei cada parte, surtei, chorei com o taka(limpar as lágrimas aqui porque tá foda)
Aí cara, é um até logo porque nas suas próximas fic's eu vou tá aqui, mas de verdade, essa fic é maravilhosa e eu amei ler cada palavra dela. (E surtava com a espera do próximo capítulo) Eu acho sacanagem só ter até nota 5, até porque 5 é um número muito baixo.
Aí...enfim. Eu nunca sei o que falar aí merda kkkk
Moça até logo, amei de mais essa fic e vou estar lendo/comentando a sua próxima!(Porque como eu disse, tu escreve bem pra porra, sua linda♡)
Beijos de luz no core!

~some nas trevas~
Postado por ~Hellem_Gazerock
Capítulo 21 - Ciclo
Usuário: ~Hellem_Gazerock
Usuário
Miga, cê acredita que noite passada eu SONHEI que você postava o capítulo final antes de eu comentar esse, e aí eu dizia aqui com as seguintes palavras: "Você atualizou antes que eu tivesse a oportunidade de comentar nesse, mas vou explicar o porque no próximo". HAUDHAUSHAUHSA De fato vou fazer isso. Eu ia comentar ontem, mas não deu, acho que fiquei com isso na cabeça e acabei sonhando.
Vou poupar as palavras aqui pra despejar tudo no próximo, então, pode ser que esse coment fique bem curtinho. Eu só não queria deixar passar em branco um puta capítulo maravilhoso como esse.
Fiquei super hiper mega emocionada em saber que o Kou acordou. Senti uma puta empatia pelo Taka por querer ajudar o Kou, por ter contado as coisas provavelmente de um jeito nada delicado, numa situação tão difícil onde o Kou sequer deve ter acreditado de inicio. Apesar de ser um tanto quanto insensível vomitar as noticias nada agradáveis a respeito do Yuu, o Taka só queria ajudar o Kouyou, afinal ele merecia saber! O Taka queria fazer pelo Shima o que ~lá no fundo~ ele queria que tivessem feito por ele. Pois, ele precisava do Akira ao lado dele, mas não queria admitir e acima de tudo, não queria bagunçar ainda mais a vida do Akira. Ninguém melhor pra entender o Kou, do que alguém que passou pela mesma situação.
Mas aí, inventar um super plano daquele pra tirar o Yuu da clínica, foi demais! Eu pensei, "porra, ele surtou de vez!", e mesmo sabendo que iria dar merda, EU A-DO-RE-I!!! Uma pena o Taka não ter ficado pra ver o reencontro, mas foi um mal necessário.
Eu nunca pensei que veria o Taka fazer algo que ameaçasse seu já tão conturbado relacionamento com Akira, e mesmo assim ele o fez, por uma boa causa. O maior - e melhor- dentre todos os seus atos nobres. A questão é: teve um preço, né? E saiu bem caro.Esse finalzinho arrasou com meu coração. Passei a semana pensado nisso! </3
Eu já li o próximo, e vou lá correndo comentar!