História Escola dos Assassinatos - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alan Ferreira (EDGE), Bianca Tatto Marques (BIBI), Felipe Z. "Felps", Italo Matheus, Lucas "T3ddy" Olioti, Luiz Felipe (Luiz 1227), Malena "Malena0202" Nunes, Originais, Pedro Afonso "RezendeEvil" Posso, Rafael "CellBit" Lange, TazerCraft
Personagens Alan Ferreira, BIBI Tatto, Felps, Italo Matheus, Lucas Olioti, Luiz Felipe "Luiz 1227", Malena0202, Mike, Pac, Pedro Afonso Rezende Posso, Personagens Originais, Rafael "CellBit" Lange
Tags Assassino Mascarado, Cellps, Mitw, Youtube
Visualizações 161
Palavras 1.564
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Festa, Ficção, Ficção Científica, Harem, Hentai, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Self Inserction, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem Leitores!

Capítulo 11 - Invasão de Leitores e A peça


[Italo]

Eu, Luiz, Malena e Rezende saímos do dormitório até o local onde houve o assassinato, chegamos lá tinha vários professores ao redor dos corpos e eles pedem para nós se afastarem, o corredor estava cheio de sangue o Luiz estava até passando mal, a gente ouve um barulho vindo da sala vizinha tentamos abrir a porta só que alguma coisa estava atrapalhando, eu, o Luiz e o Rezende tentamos arromba-la e quando arrombamos vimos Renata cheia de sangue desmaiada no canto da sala.

-RENATA! RENATA! ACORDA.-Grito e a mesma se acorda assustada.
             -SAIA DE PERTO DE MIM DEMÔNIO VERMELHO.-Renata grita.
             -Calma somos nós, o Italo, Luiz, Malena e o Rezende.-Digo pegando a mão dela e levantando-a bem devagar.
             -Renata o que realmente aconteceu você se lembra?-Luiz pergunta e ela afirma com a cabeça.
           -Eu e minhas amigas estávamos andando pelos corredores, ai ele apareceu na nossa frente e começou a mandar mensagens para a nós fazendo a pergunta igual a história do Luiz.-Ela diz explicando o que houve.

Saímos da sala e levamos a Renata para o dormitório dela, chegando ao dormitório da Renata vimos a Flokiis e a Bibi conversando, a Flokiis estava com um curativo na cabeça e a Malena não parava de encarar a cabeça dela o Luiz deitou a Renata.

-O que aconteceu com ela?-Bibi pergunta.
           -O assassino atacou ela e as amigas dela só que a mesma escapou do assassino e se trancou na sala.-Digo e Malena vai para bem perto da Flokiis.
           -Flokiis por que você está com esse curativo na cabeça?-Malena pergunta encarando-a.
          -E é da sua conta.-Flokiis diz fazendo cara feia.
        -Sim, por que o assassino me atacou hoje e eu empurrei ele e o mesmo tacou a cabeça na pia.-Malena diz e todos olham para a Flokiis.
         -Garota, eu estava andando por ai e um pirralho esbarrou em mim que taquei a cabeça na parede, eu não a assassina eu já disse me dê um tempo porra.-Flokiis diz e a gente sai do dormitório delas.
         -Tem algo de estranho nessa garota, acho que ela que é a assassina.-Malana diz.
        -Sei não, não é bom acusar as pessoas sem ter provas, e se ela tiver tacado a cabeça mesmo na parede.-Digo.
        -Hmm...Um dia que ela não estiver no quarto dela vou olhar as coisas dela.-Malena diz.
        -Malena acho melhor não, isso é invasão de privacidade.-Luiz diz e Malena olha para ele.
       -Foda-se, tem um assassino em série dentro desse internato e um de nós pode ser o demônio vermelho e a primeira suspeita é a Flokiis desde que ela chegou no Internato Warklade o pessoal tem medo dela.-Malena diz.
        -Isso é verdade.-Rezende diz.
       -Sim, no tem nada a ver se for desse jeito o pessoal também odeia o Rezende, só por que ele ficava enchendo o saco do Cellbit, Pac, Mike e Felps.-Luiz diz.
       -Sim, mais isso foi no passado, desde que começou esses assassinatos eu virei um pouco amigo deles, a gente nem briga mais.-Rezende diz.
       -Olha só vou deixar claro não vou me intrometer nisso vou ficar de fora, Tchau.-Digo pegando na mão do Luiz e levando ele para o quarto enquanto o Rezende ia deixar a Malena lá no dormitório dela.

Eu e o Luiz chegamos no dormitório e fomos para o banheiro liguei o chuveiro e comecei a tirar minhas roupas e ele tirou as roupas dele, encostei o mesmo na parede o beijei na boca enquanto descia minha mão até o membro para masturba-lo quando olhei para ele estava vermelho, depois comecei a lamber do pescoço dele até lá em baixo e fui chupar o membro dele, era muito bom ele pegou minha cabeça e fez eu ir mais rápido de repente a porta se arrombou e era a Kah_Kawaii que tinha metido um chute e mais 4 leitores tinha entrado eles começaram a tirar foto e achar graça depois o Autor tinha entrado com uma filmadora.

-WTF, deixa eu ficar com meu Luiz.-Digo reclamando.
             -Shiiu Italo, continua finja que a gente nem está aqui.-Kah_Kawaii diz.
             -Claro que não saiam.-Digo.
             -Continuaa! eu quero filmar.-MalenaticaEver diz
             -Autor tira eles daqui.-Luiz diz implorando.
             -A gente vai sair sim, quando terminamos de gravar vocês.-Autor diz com a filmadora perto da gente.
             -Ah é no vão sair daqui não né!-Digo pegando a Katana.
             -A....Aonde você achou essa kat....katana?-Menina-de_Azu diz.
             -Sei lá achei por ai, agora saem.-Digo indo para cima deles com a Katana e todos saem correndo e tranco a porta de novo.

Vou até o Luiz continuar o que estávamos fazendo viro ele de costa para a parede e enfio meu membro no cu dele e começo a balançar o mesmo fica gemendo e depois sinto que alguém está me espionando tiro meu membro do cu do Luiz e abro as portas do sanitário, quando abri a ultima porta lá estava a Kah_Kawaii e a MalenaticaEver ainda gravando.

-É sério que vocês ainda estão aqui aff.-Digo pegando a Katana.
             -Calma, Italo não seja agressivo já estamos saindo.-Kah_Kawaii diz.
             -É vamos deixar você a vontade hihihi.-MalenaticaEver diz com uma cara de medo e elas saem correndo também.

E lá vai eu de novo continuar o que estava fazendo enfio meu membro de novo na bunda do Luiz e balanço o mesmo fica gemendo muito alto depois deito ele no chão e levanto as pernas dele e fico balançando de novo alguém abre a porta no me diga que é os leitores novamente não, quando olho era o Rezende com os olhos arregalados e eu e o Luiz ficamos de boca aberta.

-Re...Rezende podemos explicar.-Digo gaguejando e o Rezende tira as roupas também e vem na nossa direção.

(Autor) A coisa vai ficar muito doido agora, vai sexo triplo kkkkk.

Rezende se aproxima ele parecia está com ereção de ver a gente ele chegou perto de mim e segurou minha cabeça fazendo chupar o membro dele, tiro da minha boca.

-Rezende o que você está fazendo pensei que gostava da Malena.-Digo.
             -Nunca gostei dela sempre gostei de você e do Luiz por isso chamei vocês para virem estudar nesse Internato.-Rezende diz dando um beijo na minha boca.

Fico sem palavras e um pouco vermelho e continuo a fazer sexo com Luiz e beijando o Rezende, de repente o Luiz goza em si mesmo eu tiro meu membro de dentro dele e me masturbo em cima do Rezende gozando nele e o Rezende goza em mim e no Luiz depois todos nós se limpamos e nos beijamos e fomos dormi, pois amanhã iria ser a nossa peça de teatro.

[Luiz]

O alarme toca e eu me levanto e começo a pensar, gostei tanto do que ocorreu ontem parecia que eu estava no céu, Nem sabia que o Rezende gostava de mim e do Italo, mais eu sinto pouco sentimentos pelo Rezende não sei por quê acho que foi na escola antiga que ele era muito chato e fazia todo tempo encrenca com os meninos e depois quem levava a culpa era todos nós sem eu e o Italo não termos feito nada, acho que gosto mais do Italo não sei minha cabeça está muito confusa, quando fui ver a cama do Rezende ele não estava, estranho o Rezende nunca foi de se acordar cedo, vou para o banheiro tomo banho escovo meus dentes e visto o figurino que vou usar na peça o Italo sai do banheiro também e me dá um beijo na testa.

-Bom dia Luizinho.-Italo diz e fico um pouco vermelho.
             -Bom dia Italo.-Digo.- você decorou suas falas na peça?-Pergunto.
           -Sim pode ficar tranquilo está tudo decorado.-Ele diz vestindo o figurino e olho para o corpo dele sexy e tatuado fico até babando.-Então, vamos antes que a Renata dê um grito aqui na nossa porta.-Ele termina.
             -Sim, Vamos.-Digo e a gente sai do dormitório.

Fomos correndo até a sala de Teatro e as cadeiras estavam lotadas de alunos das outras salas incluindo os leitores que ficaram num canto ''VIP'' não sei por quê?

(Autor) -Por que eu quis que eles fossem para a área VIP. :P.

Fomos atrás do palco e o Rezende não estava lá e a Renata estava puta da vida.

-Italo e Luiz, Cadê o idiota do Rezende ele está super atrasado.-Renata fala parecendo que iria nos matar.
             -Não sei ele não estava na cama quando se levantamos, a gente até pensou que ele já estava aqui.-Digo.
             -E não chame meu Rezende de idiota.-Malena diz.
          -Cala boca ele é um idiota sim aff ei Jonathan ache uma pessoa qua saiba a fala do Rezende rápido, Ok vamos todos entrar respirem.-Renata diz e ela entra com o Mike e o Felps.

O primeiro ato já tinha acabado e já ia começar o segundo ato que era eu, o Italo, Malena e o Pac, entramos e ficamos nas posições Malena no meio, Eu e o Pac na esquerda e o Italo na direita do palco de repente as luzes acenderam e vi que a Renata estava pedindo para uma pessoa abaixar o Banner da peça, quando essa pessoa desce o banner umas gotas vermelhas começaram a cair na Malena era sangue e quando vimos o Banner tinha sido aberto caindo vários litros de sangue e também corpo, era o Rezende estava todo cortado e cheio de sangue, Malena olha arregalado para ele e vejo o povo tudo vomitando e olhando também arregalado.

-RE...REZE.....REZENDEEEEEEEEEEEE!-Malena grita e todos nós começamos a gritar também.

Continua.....


Notas Finais


Como prometido teve as cenas que vocês gostam kkkk
Rezende morreu nem sei se to triste por ele kkkk
Tadinha da Malena ;-; mais ele estava traindo ela com o Italo e o Luiz
Amanhã tem mais!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...