História Escola dos Assassinatos - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alan Ferreira (EDGE), Bianca Tatto Marques (BIBI), Felipe Z. "Felps", Italo Matheus, Lucas "T3ddy" Olioti, Luiz Felipe (Luiz 1227), Malena "Malena0202" Nunes, Originais, Pedro Afonso "RezendeEvil" Posso, Rafael "CellBit" Lange, TazerCraft
Personagens Alan Ferreira, BIBI Tatto, Felps, Italo Matheus, Lucas Olioti, Luiz Felipe "Luiz 1227", Malena0202, Mike, Pac, Pedro Afonso Rezende Posso, Personagens Originais, Rafael "CellBit" Lange
Tags Assassino Mascarado, Cellps, Mitw, Youtube
Exibições 96
Palavras 1.839
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Festa, Ficção, Ficção Científica, Harem, Hentai, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Self Inserction, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


está ai o capitulo 9!
espero que gostem! :)

Capítulo 9 - O jogo da sobrevivência


[Cellbit]

Depois do ocorrido os professores entram e pede para todos nós saírem do quarto até eles organizarem tudo, esse foi o pior aniversário do mundo, estava tudo tão tranquilo mais no final do dia esse filho da puta resolve estragar os professores arrumam tudo lá no dormitório e a gente entra, me sento na cama e Felps senta também.

-Cellbit não fica desse jeito.-Felps diz me abraçando.
            -Como não ficar desse jeito, eu penso que hoje ia ser o melhor aniversário do mundo e quando estou com fome querendo comer um delicioso pedaço de bolo, abro a bandeja e olho a cabeça do Alan lá eu quase infartei!-Digo chorando.
          -Calma, calma, tente esquecer de tudo que houve hoje a noite e durma, amanhã será outro dia e o Alan vai ficar sempre com nós.-Felps diz me deitando e me dando um beijo na boca e começo a pegar no sono.

[Sonho do Cellbit]

Ai meu Deus estamos todos se formando, todos estão aqui Alan, T3ddy o Guilherme, Pac, Mike, Felps e etc... estou tão feliz todos aplaudindo.

-Rafael Lange! venha receber seu diploma, parabéns!-A Coordenadora diz e vou subindo os degraus.

Recebo meu diploma e me viro para falar um discurso, quando me viro todos estão mortos e grito a Coordenadora bota o braço dela no meu ombro me viro para ela e só tinha o braço dela no meu ombro e nada mais, tiro do meu ombro e saio correndo, de repente alguém abre a porta era o Demônio Vermelho ele joga uma serra elétrica na minha direção.

-POR QUE!! EU NÃO QUERO MOR....-Digo gritando e a serra elétrica corta meu pescoço.

[Sonho do Cellbit]

Me acordo todo suado e olho para o lado e para o outro fico aliviado de ainda está no dormitório com o Felps, Mike e o.. espera ai cadê o Pac? já são 02:00 da madrugada me levanto e vejo que a porta do nosso armário estava aberta era onde tinha a passagem secreta eu acordo o Felps e o Mike.

-Que foi Cellbit?-Mike pergunta.
            -Pac sumiu e vi que a porta do nosso armário que tem a passagem secreta estava aberta o Demônio vermelho pode ter entrado aqui e drogado o Pac e levou ele.-Digo e os dois arregalam os olhos e alguém manda uma mensagem para o Mike.

[Mike]

Alguém manda uma mensagem para mim e pego meu celular e vejo o número era desconhecido.

[WhatsApp- ????]

-Oi Mike, Sou eu o Demônio Vermelho quero fazer um jogo com você e seus amiguinhos.-Assassino.
             -Cadê o Pac?-Digo
           -Ele está aprisionado num quarto cheio de dinamite que vão explodir daqui umas 4 horas o objetivo desse jogo é você encontrar todas dicas e resolver enigmas para saber onde o Pac está antes que as dinamites exploda.-Assassino.
            -Ok.-Digo

[WhatsApp- ????]

-Quem era?-Cellbit pergunta.
            -Era o Assassino, ele está com o Pac e ele quer fazer um jogo de sobrevivência Pac é o alvo, ele disse que precisamos encontrar dicas e resolver enigmas para descobrir onde o Pac está.-Digo e fomos nos vestir.

Saímos do dormitório e se separamos, quer dizer eu fui sozinho para um lado e Felps e Cellbit foram juntos para o outro, pois o Cellbit tem muito medo de andar sozinho a noite e ainda mais tendo um assassino na escola, espero meu Paczinho esteja bem, eu paro de andar e começo a pensar onde devo procurar, ah já sei onde me declarei para o Pac com certeza lá vai ter um dica, fui em direção ao banheiro e quando entrei vi um bilhete na parede olhei e dizia.

-Parabéns, você achou a primeira dica, resolva o enigma, o lugar onde aconteceu a segunda morte.-Bilhete do assassino.
             -Hmm...A segunda pessoa que morreu foi o....Professor de filmes então a segunda pista está lá na sala de aula.-Digo saindo voado até a sala faltando uma 3 horas e 40 minutos para a bomba explodir.

Ainda correndo até a sala eu vi a Carine andando pelos corredores com a cabeça abaixada, fui até a ela.

-Carine! esperai ai.-Digo correndo e a mesma olha para mim.
             -Ah oi Mike, o que foi?-Ela pergunta.
            -Carine o Pac foi pego pelo assassino, ele está fazendo um jogo de sobrevivência com a gente e preciso procurar pista para saber onde o Pac está antes que ele e a sala onde ele está exploda.-Digo e ela fica de boca aberta.
            -Sim, eu ajudo onde é para a gente ir agora?-Ela pergunta.
            -Para a sala, vamos temos 3 horas e 30 minutos.-Digo e a gente começa a correr.

Chegando na sala onde o professor morreu, procuramos em tudo que é lugar e nada, reviramos até as mesas e gavetas e nada de dica, Carine olha para o teto e ver que tinha alguma coisa amarrada no ventilador vou até o interruptor para desliga-lo mais parece que o demônio vermelho fez algo que não desligasse.

-E agora o que vamos fazer para pegar.-Carine diz e começo a rebolar objetos no ventilador.
            -Vamos rebolar essas coisas até a carta cair.-Digo rebolando os livros e vejo a Carine com uma cadeira na mão.-Eh o que você vai fazer Carine?-Termino.
            -Acho que isso vai resolver o problema.-Carine diz jogando a cadeira no ventilador, e o ventilador cai e ela pega a carta sorrindo e fico de boca aberta, pego a carta leio.
            -Resolva o segundo enigma, 1 prego e pouco mais 20 pregos é demais.-Bilhete do assassino.
            -Não entendi essa e você Carine?-Pergunto olhando para ela e a mesma com a boca aberta.
            -Eu sei onde é, foi lá no seu dormitório dentro do armário na festa do pijama ele matou o meu Guilherme com 20 pregos na nuca.-Carine diz e a gente sai correndo até o dormitório.

Entramos dentro do armário procuramos em tudo que é lugar de novo só que dessa vez estava bem escondido, passamos 30 minutos procurando e nada faltava 02:50 minutos para a bomba, quando olhei para o chão tinha alguma coisa por baixo e o piso estava rachado eu e Carine quebramos mais ainda o piso e estava lá o bilhete, Carine pegou e leu.

-Tic Tac o tempo está andando falta mais 2 enigmas, mais resolva esse, Janelas foram feitas para olhar e admirar a paisagem, não feita para jogar coisas por ela.-Bilhete do assassino.
            -Hmm..Essa está um pouco difícil.-Digo pensando.
            -Deve ser algo que vocês jogaram fora.-Carine diz e olho para ela sabendo o que era.
           -Eu, o Pac, Felps e Cellbit jogamos uma serra elétrica pela janela, o assassino deixou aqui para nos incriminar mais a gente se livrou dela.-Digo.
          -Então o bilhete deve está lá fora mais como vamos sair se eles trancam todas as saídas a noite?-Carine pergunta.
          -Vamos fazer uma corda e descer por ela, vou falar aqui com o Felps e o Cellbit para eles virem também.

Ligo para o Cellbit e o Felps os mesmo vem correndo até o dormitório e fazemos um corda grande e jogamos pela janela eu fui o primeiro a descer o Cellbit o segundo, Felps o terceiro e a Carine foi a quarta fomos até onde jogamos a serra elétrica e tinha um bilhete pregado na arvore pelo menos dessa vez não foi tão difícil acha-lo, pego e leio.

-Ótimo falta mais 1 enigma, em 1999 onde foi que a Coordenadora e as vadias da suas mães enterraram minha mãe.-Bilhete do assassino.
             -Bom foi lá na floresta, quem tem coragem de entrar comigo lá dentro.-Digo e todos levantam as mãos menos o Cellbit.
             -Lá dentro eu não vou Deus me livre tem vários bichos ai dentro.-Cellbit diz amarelando e o Felps pega ele pelo braço e puxa.

Andamos pelo o meio da floresta e vimos um fogueira um pouco longe corremos até lá faltando 01 hora e 56 minutos para a bomba explodir, quando chegamos lá tinha alguma coisa sentada na cadeira nos aproximamos e tocamos na pessoa de repente a cabeça cai e era o esqueleto da mãe do assassino começamos a grita e vimos uma carta na perna dela.

-Te amo mãe querida, mais ok esse é o ultimo enigma onde vocês saberão onde está o Pac, Barcos devem ficar na água não guardados.-Ultimo engima.
             -Hmm....Onde será que tem barcos aqui nesse internato.-Digo e Felps olha para mim.
            -Na casa do lago do internato eles guardam barcos lá.-Felps diz
            -Como você sabe?-Pergunto.
           -Fui lá com o Cellbit no passeio de aniversário dele.-Felps diz abraçando o Cellbit.
           -Certo, não temos tempo a perder vamos resgatar o Pac.-Digo e todos começam a correr.

Faltando 1 hora para explodir a gente ver a casa do lago, cresce um sorriso no meu rosto e vou até lá arrombo a porta com um chute e vi o Pac acorrentado numa cadeira e 4 dinamites na casa.

-Mike estou muito feliz em te ver aqui, me tire daqui rápido.-Pac diz chorando.
             -Ok fique calmo vou ver se arranjo um jeito de tirar você dai.-Digo fazendo carinho na cabeça dele.

Olho por todo canto e vejo uma serra, pego a serra e começo a serrar as cordas que prendiam o Pac o pessoal estavam lá fora roendo as unhas e o Cellbit quase desmaiando e faltando 10 minutos consigo tirar o Pac e todos nós corremos para bem longe da casa do lago, de repente ela explode e todos do internato se acordam e vão lá correndo e ver a gente suado e o Pac ferido, todos voltam para os dormitórios alguns ainda ficaram lá tirando foto da explosão, Cellbit e Felps trancam a passagem secreta lá no armário e eu fique fazendo uns curativos no Pac e fomos tomar banho juntos.

-Mike obrigado por me salvar, se não fosse por você eu poderia até ter morrido, Eu te amo.-Pac diz me beijando na boca e deito ele na banheira.

Lambi a corpo dele e o mesmo me masturbando, enfio meu dedo dentro da bunda dele e ele começa a gemer meu nome.

-Ohh Mi...Mik....Mike.-Pac diz gemendo.
             -Eu te amo Pac se você tivesse morrido não saberia o que fazer da minha vida.-Digo botando a camisinha e enfiando meu membro no cu dele e rebolando.

Passamos bem 10 minutos fazendo sexo e ele goza e retiro meu membro dentro dele e masturbo depois gozo e abraço ele, a gente sai do banheiro e o Cellbit e o Felps vem até nós rindo.

-Eae foi bom o sexo de vocês deu para ouvir o gemido do Pac do armário sabia.-Cellbit diz rindo e o Pac fica vermelho.
             -Cellbit não pode falar nada, você fica gemendo ''Ohh Felps'' bem mais alto do que o Pac sabia.-Digo e vou até o armário com o Pac se trocar.

Vejo e o Felps começa a rir tanto do que eu disse que o Cellbit da um pisão no pé dele, parece que agora voltou tudo ao normal espero que amanhã não aconteça nada, mais simplesmente estou errado com certeza o Demônio Vermelho vai preparar mais uma vítima para amanhã, eu e o Pac deitamos e fomos dormir, pois hoje foi um grande dia.

Continua.....


Notas Finais


Pelo menos não houve nenhuma morte hoje mais quase ia havendo, mais o Mike salvou o Pac graças a Deus.

Carine jogando a cadeira no ventilador kkkk!

Amanhã tem mais leitores! :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...