História Escola Espiritual [Vagas Abertas] - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~reevoltado-_-

Postado
Categorias Lendas Urbanas, Mitologia Egípcia, Mitologia Grega, Mitologia Japonesa, Mitologia Nórdica, Mitologia Romena
Personagens Personagens Originais
Tags Colegial, Interativa, Romance, Sobrenatural, Yaoi, Yuri
Visualizações 51
Palavras 1.229
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Bishounen, Colegial, Comédia, Drabble, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Luta, Magia, Musical (Songfic), Poesias, Policial, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Visual Novel, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Capítulo 2 - #1


– Pov Caim –

– Caim acorda!! – abro meu olhos para ver quem era dona daquela voz fina e irritante, era penas – Canon? – tento me cobrir novamente mas o pequeno ainda insistia em fica de pé em cima da cama.

– CAIM VAMOS NOS ATRASAR – nao quero levantar mas tive que levanta senão canon iria fica me enchendo aindo mais , levo as mãos ate o rosto, esfrego meus olhos para acordar, depois de me arruma desço para toma café, canon puxa minha mão me fazendo corre até fechar no mordomo, o Lúcio.

***

– Jovens mestres ... o carro os esperam! – canon pega sua lancheira e a minha, o mesmo tem 12 anos e irmão mais novo de um amigo de meu pai, fomos em direção ao carro que nos esperava em frente de casa, fui na frente de otôoto vai atrás junto a seu cachorro de estimação. Chegamos na escola, otôoto corre em direção a sua sala e ia para um passeio, vou em direção a minha sala, já que era novo ali, otôoto havia me levado até a minha sala antes de sair correndo atrás da sua sensei, bato na porta pelo menos três vezes.

– entre ... – assim fiz – com licença, sensei – enfio a metade da cabeça na porta e depois o resto do corpo, sensei segurava um livro, 'tive que entra na hora da explicação' Arrumo meus óculos que estavam caindo do meu rosto.

– bom, acho que terei que apresenta-lo para turma!  – vou ate uma mesa atras de uma menina coloco minhas coisas ali e volto para frebte da classe, faço uma breve cerimônia e os encaro-los – alunos esse é Caim um aluno transferido, sejam legais com ele – depois de ser apresentado com muito animação volto para meu lugar.

Abro o livro na pág e começo a cópia o que haviam mandado, não demorará muito e já termino, levo o caderno até a mesa do sensei que dava visto para minha fila. Depois de dar todos os vistos sensei começa a fazer a chamada.

– Akame,Sabaku,Yumi,Lessa,Darken, Caim? – todos respondam a chamada, eu estava sentado atrás da tal de Yumi e ao meu lado estava Darken e atrás dele estava a Akame e atrás de mim estava Lessa e na frente do Darken estava Sabaku.

O sinal bate para muda de matéria, fomos para educação física, iríamos joga queimada, garoto X garotas, nem tava animado. No primeiro minuto fui queimado pela yumi que faz um toque com a akame – oh não, fui queimado!! – levo a mão até o rosto e finjo está mal com isso, sensei fico de olha em mim.

– Caim volta, vai la de novo?! – Faco um "o" com a boca e volto para o jogo, a bola passou na mão do Darken e depois foi para mim que jogo de volta para ele, num movimento Darken queima a akame que tenta pula para desviar da bola. A aula se passou mais rápido do que nunca, voltamos para sala, fui para sala conversando com o Darken.

*&*

– Tudo bem ... a gente se vê então! – Havia chamado Darken para jogar vídeo game em casa já que meus pais iriam comemorar os 10 anos de casados, para eles isso é bom, pra mim nem tanto. Estava olhando as mensagens que o povo da sala mandava no grupo. 

Grupo *

-bla,bla,bla 

-bla,bla,bla

-sim, vamos desafiar as meninas, bla,bla.

Grupo 

– Caim... vamos sai? – abaixo a tela do celular, vejo Canon fazendo cara de cachorro que caiu da mudança, visto um casaco, pego a carteira pois sabia que iria gasta muito, e claro meu celular. 

Descemos para sala, Canon vai até o sofá e olha minha mãe e o meu pai se beijando, o mesmo me chama para ver aquela cena nojenta, puxa Canon para irmos, no caminho vejo Lessa sentada no banco da praça mexendo no celular, peço que canon fosse na frente.

– Oi ... Lessa?! – sua atenção é voltada para mim, acena meio tímido, sento-me ao lado dela, a mesma mexia no face, pego o meu é peço que ela me passasse seu número já que ela não fazia parte do grupoda escola.

– a claro ... 

– o que faz aqui, sozinha? – tiro do meu bolso uma bala de iogurte de morango eofereço a ela – obrigada, a sei la, vi que a noite estava linda então resolvi sai pra anda, mesmo! – levo a bala até os lábios, 'já que ela não tem nada pra fazer, não irá fazer mal nenhum chama-la pra ir também!' Pensei.

– Lessa, o que acha de ir co migo e com otôoto para o parque de diversão aqui perto!? – estendo minha mão a ela – uhum ... tá bem – a mesma pega minha mão, aperto de leve a puxa, fomos correndo pois canon estava sozinho.

Canon me esperava em um bar, o mesmo parecia está longe daqui, coloco minha mão em seu ombro o fazendo leva um pequeno susto – ... quem é essa? – canon parecia está rebaixando ela, bajeo otôoto, percebo que ainda estava segurando a mão da lessa.

*VEM VINDOS*

Bem grande no portão, os grandes olhos de canon brilhavam como nunca, canon queria ir na tal casa mal-assombrada, pergunto se lessa queria ir e ela fala que sim, compro nossos bilhetes, fomos para fila.

–1m–

Já era nossa vez de ir no carrinho, vou na frente com o Canon e atrás de mim a lessa junto com um cara meio velho, o carrinho começa a ir, no começo da casa pude ouvir lessa pedi para parar, achei até mesmo que ela estivesse com medo, olho para trás e vejo o velho colocando a mão nas pernas da lessa.

– o que acha que está fazendo!? 

– não é da sua conta, garoto! – sem pensa empurro o velho que havia tirado o sinto para pode passa as pernas nas das lessa – AAAAH – o velho cai no grande buraco que estava do nosso lado, havia penas nos 4 naquela casa.

*&DIASEGUINTE&*

Acordo com o som do celular tocando, olho e vejo a ligação da lessa e uma do Darken – alô lessa? Bom dia também, o que ouve? – a mesmo estava me dizendo que uns policiais haviam ido em sua casa para fazer algumas perguntas a ela e agora estavam vindo até a mim.

– Senhor tem dois cavaleiros o esperando lá em baixo?! – confirmo, me arrumo e desço, os dois estavam de costas olhando as coisas da casa, sento-me no sofá e coloco a mão no óculos para limpa-lo. 

– bom dia jovem, Caim. Eu sou o investigado da polícia e vim aquisso lhe faze  – o interrompido 

– perguntas ... vamos logo para essas perguntas – Lúcio serve chá para os polícias que aceitam – obrigado, como estava dizendo irei lhe fazer perguntas, e quero que você, garoto responde-as com sinceridade.

– Ok!! –

– Pov Darken 

Caim e lessa não vieram para escola, então fiquei de passar o dever para escolares também, era para akame fica de levar o dever para lessa mas a mesma teve um imprevisto então pediu que Sabaku levasse mas ela não sabe onde fica a casa da lessa, então a coisa fica pra quem? Lógico pra mim.

No caminho para casa da lessa encontro o irmaozinho do Caim que ia cantando no caminho para casa sem se preocupa com quem passava ao seu lado ou atrás de si. O mesmo cantava uma música não muito perturbadora.

– Canon-kun?

– a olá Darken-senpai o que se passa? 

– você poderei me leva na casa da lessa se você souber, claro!

– nosso momento ela deve tá em casa Darken-senpai 


Notas Finais


ATÉ QUEM FIM EU POSTEI, SÓ PARA SAI PEQUENO, MAS FOI MAL, É QUE NÃO TEREI TEMPO PARA fazer um capítulo grande ou mais ou menos grande, pois estou estudando pra prova que será amanhã, foi marcada para ontem, apenas dois dias para estudar... que coisa


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...