História Inverse Falls - Capítulo 6


Escrita por: ~ e ~Ellen123

Visualizações 34
Palavras 1.271
Terminada Sim
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Bom como eu prometir esta ai

Boa Leitura

Capítulo 6 - The Inverse falls werewolf


------Quebra de Tempo 4:34 da Tarde------

Gokua Pov: On

Eu e Vegeto Estávamos na sala de estar, sentada na poltrona do Tivô Leon( Tonya: Melhor que Stan) e Vegeto estava no sofá, lendo um livro qualquer, até minha Querida irmã chegar junto do nosso irmão.

-Oi maninha – Helena falou logo em seguida puxando meus pés, eu estava de cabeça pra baixo.

-Ah!!!! Lena – Falei e ela me soltou.

-Ok parem, bom olha só oque saiu na manchete do Jornal –Robbie falou ligando a Televisão no jornal local.

“Boa Dia, Cidadãos Apontam ter visto um enorme Cão negro com olhos vermelhos perto da madeireira de Inverse falls, vamos agora com o reporte Jones que esta com testemunhas no local”

“Segundo moradores o grande cão negro ficava de quatro mais uma das testemunhas o viu em pé, segundo o morador ele tinha mais de 2 metros e grandes dentes brancos e afiados, voltaremos logo com mais noticias”

-Nossa – Eu e Vegeto falamos impressionados.

-Bom vamos investigar? – Perguntou Helena.

-É uma boa ideia né – Vegeto falou.

-Pode ser – Robbie disse tirando o óculos escuro.

-Bom de qualquer forma vamos chamar a Wendy e o James  - Falei.

Logo saímos de casa e nos dividimos eu e Vegeto fomos para a casa dos Corduroys e Helena e Robbie foram para a casa dos Valentinos, assim que chegamos tocamos a campainha.

-Já vou – a Sra. Corduroy gritou, ela era a mãe da Wendy tinha os cabelos rosas e os olhos verdes, já o Sr. Corduroy era um homem forte, usava roupas de lenhador e tinhas os cabelos loiros e rebeldes e olhos azuis.

-Bom dia Sra. Corduroy – Eu e Vegeto falamos assim que ela abriu a porta.

-Olá Gokua e Vegeto oque desejam? – Ela perguntou sorridente

-A gente vai sair e viemos chama a Wendy – Falei, a Wendy tinhas sardas no rosto, cabelos loiro e meio encaracolados sua franja cobria seu olhos esquerdos, seus olhos são verde e usava sempre uma camisa xadrez ciano, uma calça jeans preta, botas marrons e uma touca de lenhador.

-Esperem vou chama-la – El.a falou e foi chamar Wendy que logo apareceu.

-Gokua, Vegeto beleza? – ela perguntou sorrindo.

-Beleza vamos? – Perguntei

-Vamos – ela falou pegando o machado e saímos em direção a praça, no caminho explicamos tudo pra Wendy.

-Nossa meu pai disse que tinha visto perto da floresta de pinheiros – Ela disse enquanto balançava o machado.

-Nossa bem tenso – Vegeto falou enquanto andava

-Alguém mais vai? – Perguntou Wendy.

-Nosso Irmãos e o James – Falei.

-Que coisa linda olha eles lá – Wendy falou apontando para os três, nós corremos até eles.

-Oi gente – falamos juntos.

-Oi gente – Falaram Helena e James.

-Bom vamos? – Perjuntos.i 

-Bora – falaram todos junto

Os avistamentos estavam bastantes frequentes perto da antiga mansão que havia lá na Cidade, assim que chegamos lá entramos na mansão que parecia ter no meio da grande sala um enorme Pentagrama.

-Nossa – falamos juntos comecei a folear o diário até acha a página que falava sobre o Pentagrama.

-Gente! Isso está ligado com rituais de magia negra – falei meio supresa assim que li a página.

-Olha gente marcas de garras – Vegeto falou vendo que uma das paredes estava toda arranhada.

-Olha não é o Rei Midas que tudo oque tocava virava chocolate? – perguntou Robbie lendo um dos quadros.

-Em ouro Robbie O-U-R-O, por que todo mundo que usa jaqueta de coura e se mete a Bad Boy é tão burro – Helena disse e eu e Vegeto seguramos a risada mais não digo o mesmo de James e Wendy.

-Não é verdade, olha oque acontece se eu puxar isso aqui? – Robbie Perguntou com uma das mão em uma alavanca.

-Robbie não se atreva – Disse Wendy mais não adiantou, assim que ele acionou a alavanca, uma passagem  se abriu no chão e todos caímos em uma espécie de escorrega circula, logo chegamos ao chão, era algum tipo de porã.o

-Ai ai minha bunda – Falou James se Levantando.

- Viu oque tu fez idiota – Helena disse correndo atrás de Robbie.

-Ta chega vocês dois –Falei e logo os dois pararam.

-Olha tem um quadro ali – Vegeto falou apontando para um quadro coberto, assim que chegaram perto Robbie e James acenderam as lanternas e Eu com a ajuda de Vegeto puxou o pano que cobria o quadro, nele havia um homem com a cabeça de lobo e Zeus apontando para um porta, havia uma gravura que estava escrito “I próti lykánthropo” estavam em grego mais eu conseguir traduzir.
 

-Significa o Primeiro Lycantropus – falei.

-Oque significa Lycantropus? – perguntou Vegeto.

-Lycan= Lobo e Atropus= Homem, o homem transformasse em lobo ou em algo parecido em noites de lua cheia voltando ao normal apenas quando amanhece – falei.

-Nossa ei esse não é aquele cara que sacrificar seres-humanos aos deuses na mitologia grega? – perguntou Robbie.

-Sim, o nome ele era Lycaão – Helena falou.

-Segundo os livros antigos ele e seus 50 filhos foram transformados em lobos mais um foi poupado – James completou.

-P-pessoal – Wendy falou nervosa quando fomos até onde ela estava havia uma enorme estátua de lobo.

-Ok vamos achar a saída – falei e todos me seguiram mais fomos interrompidos por rosnados atrás de nós, fomos virando devagar até darmos de cara com um enorme lobisomem.

-GALERA CORRAM – Vegeto gritou e todos saímos correndo cada um pra um lado, logo que saímos da mansão o lobo ainda estava correndo atrás de nos chegamos na floresta de pinheiros eu acabei caindo e ele veio pra cima de mim, ele começou a rosna em cima de mim.

-SOCORRO!!!!!- gritei

Gokua Pov: Off

Vegeto Pov: On

Logo que viu a Cena eu  peguei  meu gancho de escalada e o prendeu em um galho de arvore e joguei uma pedra no lobo que virou olhar pra mim.

-Ei seu cãozinho de rua vem me pega!!!- gritei e logo ele vei correndo ate mim logo puxei o gatilho e a corda me puxou com tudo pra cima assim que cheguei no galho vi que Wendy e James estava no mesmo galho meus irmãos, peguei a corda e amarrei nos meus tornozelos e pulei.

Gokua estava perto da árvore, peguei ela pela cintura e fomos com tudo pra cima de volta pro galho.

-Alguém têm algum plano? – Gokua gritou.

-Vê no diário  - Falei e ela começou a folear o diário.

-Aqui Fogo, eles tem medo de fogo – Gokua falou.

 -Legal gênia, me diz como a gente vai fazer isso – Perguntou Helena.

-Você por acaso tem uma bala de prata ai? – perguntei.

-Na verdade não – Helena disse.

-Ok temos que descer – Wendy disse pegando o machado.

Depois de algum esforço conseguimos acender uma tocha  e assim que descemos o Lobisomem veio correndo em nossa direção a Wendy conseguiu acertar o braço do bicho com um machado, mais ele mordeu a perna do James assim que eu e Gokua descemos e mostramos a tocha ele começou a se assustar, até que Gokua viu Acônito a famosa Wolf Plant ela pegou e fez um tipo de caldo com ela e molhou o machado da Wendy com o liquido e assim que a Wendy acertou mais uma machadada na perna dele ele começou a chorar olhou para nós e depois desapareceu na mata Escura que já estava de noite.

Fomos socorrer o James, peguei o diário da Gokua e fui até a página dos lobisomens e vi que uma mordida conseguia contrair e a pessoa iria se transformar.

-Fiquem calmos deve haver uma Cura... eu espero – Falou James.

-Temos que ir pra casa aquele bicho pode voltar – Falei e todos foram pra suas casas, assim que chegamos todos tomamos banhos e fomos dormir o dia havia sido cansativo.


Notas Finais


Bom gente ai esta bjs
Kissus de Nuttela


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...