História Escort — Imagine Jungkook (Incesto) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, Festa, Incesto, Jeon Jungkook, Kook, Romance, Sexo, Twoshot
Visualizações 3.626
Palavras 292
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Festa, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Incesto
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi amoressss. ♥_♥

Cá estou eu com mais uma TwoShot com o menino biscoito. Dessa vez incesto hehehe. ><

Espero que gostem. Este é o prólogo então é curtinho mesmo. :3

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Escort — Imagine Jungkook (Incesto) - Capítulo 1 - Prólogo

           Acompanhante - Prólogo


— Mas mamãe eu não quero dançar com Jeon Jungkook. — Resmunguei manhosa. — Ele é o meu irmão, por que não posso dançar com o Jimin?

— Porque você irá dançar com seu irmão, (S/N). — Disse séria. — Não fique assim, querida é apenas a valsa.

— É, mas a senhora sabe que Jungkook e eu não conversamos direito. — Suspirei e fiz uma careta. — Omma ele puxa o meu cabelo e me chama de pirralha.

— Você sabe que o Jeongguk é assim, filha. — Soltou uma risadinha. Revirei os olhos.

— Eu não quero dançar, então. — Dei de ombros. 

— (S/N)! Quer que eu cancele a sua festa de quinze anos, huh?! — Indagou. — Não sabe o quanto eu já gastei com ela, hum?

— Tudo bem, desculpe. — Dei um beijo em sua bochecha.

Eu não queria dançar com o Jeon. Ele é chato, fofoqueiro e não posso nem respirar que ele já está contando para a mamãe. Jungkookie tem vinte e três anos, é oito anos mais velho que eu, mas continua um menino.

Um menino nada inocente.

Infelizmente moramos sob o mesmo teto, não sei porquê ele não vai embora de vez. O mesmo cursa administração e já está no quinto período. Nosso pai faleceu há alguns anos, quando eu ainda era uma criança. 

E bem que eu queria dançar a valsa com ele. Não com Jungkook! 



— Nunca pensei que eu fosse dizer isso pirralha. — Deu uma risada abafada. — Mas você está linda.


Por que eu estava me sentindo tão quente?

Por que minhas mãos estavam suando?

Por que eu não conseguia desviar o olhar?

Por que Jeongguk estava tão irresistível?

Por que eu estava com uma tremenda vontade de beijá-lo até nossos pulmões implorarem por ar?


Só posso estar enlouquecendo. 


Notas Finais


Continuo ou não? ><


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...