História Escrava Sexual - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 229
Palavras 1.248
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishounen, Ecchi, Harem, Hentai, Josei, Romance e Novela, Seinen, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Então gente, pela primeira vez eu prometo algo e cumpro!!
Nossa parabéns pra mim!!😀
ENFIM....
Boa Leitura a todos!

Capítulo 24 - A prioridade é...


       "—Então...para onde vamos? - pegunta Toy."

××××××××××××

©Toy©

Nós estávamos no carro a alguns minutos, Jungkook tinha me dito que iríamos a uma casa em Busan que seu amigo lhe deu. Eu sabia de qual se tratava, era Hoseok. Eu não o conheço como Jungkook, mas sei o suficiente para dizer que é um garoto com muito bom coração, e que apoiava e ajudava Kookie em que ele precisasse.

Eu estava sentada no banco de trás com Jungkook ao meu lado, e minha cabeça repousada no seu ombro. Pelo que estou prevendo nossa viagem até Busan era demora um bocado, então me concentro míseros segundos para janela, e sou tomada pelo sono.

—Amor... acorda vai, já chegamos. - sinto leves selanres na minha boca, imagino Kookie e lhe dou um sorriso. Abro os olhos dando de cara com o um sorriso fofo dele, não resisto e aperto suas bochechas.

—Ei da para o casal parar de se amar um pouco e vir me ajudar com as coisas de vocês?! - nos chama SeokJin. Rimos e logo fomos ajuda lo.

Tiramos nossas malas que não rema grande coisa, era só uma bolsa minha e duas malas de Jungkook, estava de manhã então podíamos ver perfeitamente onde era a casa. Estamos em frente à ela, era muito linda por fora, será que tinha essa mesma beleza por dentro. Não demora já adentramos a porta. E não só eu como SeokJin e Jungkook se surpreendem o como a casa era bela, ela tinho um estilo praiano pois no seus fundos havia uma piscina.

—Nossa, o Hoseok não mentiu quando disse que estava em boas condições...- diz Jungkook olhando cada detalhe da casa.

—É mesmo...- concorda SeokJin.

Continuamos à observar todos os cantos da casa, até que então encontramos um quarto, que ao lado tinha um outro, no qual Jin entrou. Jungkook e eu entramos e começamos a arrumar nossas coisas num armário simples ao lado da cama de casa.

—Então...de onde conhece SeokJin?? - pergunto, curiosa desde que estamos naquele carro.

—Noona, era isso que eu queira te contra, o SeokJin é meu irmão...- diz. Eu fiquei supresa de fato, como eu poderia imaginar que Jungkook tinha outro irmão além do Jimin.

—C-como assim Kookie? Pensei que seu irmão era somente Jimin...- digo ains mais cofusa.

—Foi o que eu pensava também...- diz ele suspirando. Jungkook se dispôs a contar tudo para mim, pelo menos o que ele não havia contado ainda. Fique comovida com história, tão bonita e ao mesmo tempo triste. Ao menos desmascaramos um pouco da farsa que vivíamos. Jungkook pediu uma coisa, que de início fiquei envergonhada de contar, mas ele disse que seu eu contasse como eu fui parar com naquela casa, talvez SeokJin possa me ajudar, pois Kookie disse que o mesmo era policial.

Assim que todos arrumaram suas coisas em seus devidos lugares, nos quartos, estavamos todos reunidos na sala, e eu então iria enfim contar.

©Yoongi©

Demorou mas tinha conseguido o documento para o pirralho do Jeon assinar, e logo em seguida poderíamos sair de Seul e não volta mais. Demoramos tanto que tivemos que dormir nos quartos da boate que Namjoon tinha nos oferecido. Já era de manhã quando enfim chegamos em casa. Eu estava cansado, destruído, ser um fora de lei era desgastante. Assim que a visto o sofá sala me jogo nele desleixado, porém antes mesmo de eu poder relaxar, Jimin da um grito estérico do andar de cima de casa.

—ELES FUGIRAM!!?! - de imediato eu acompanhado de Taehyung que também escutou, subimos para esclarecer. E quando eu chego até onde Jimin estava, no quarto de Jungkook. Eu simplesmente encontro o armário dele escancarado sem roupa alguma nele, então eu corro para onde Toy dormia e o armário estava igualmente do mesmo jeito. A única coisa que senti no momento foi puro ódio.

—DESGRAÇADOS!!! - tudo que estava a minha volta tinha ido ao chão pelo raiva extrema que estava sentindo no momento. Ainda tomado por furia me reuni com os outros no quarto de Jungkook, pego meu celular discado o número rapidamente. —Namjoon!! Preciso de alguns capangas seus, de imediato! - ele permite assim que lhe digo o motivo.

—Então, vamos atrás da vagabunda e do pirralho agora? - pegunta Taehyung.

—Não, temos que saber onde eles estão.... QUANDO EU ACHAR VOU MATAR AQUELE PIRRALHO DE MERDA, E AQUELA PUTA!!! - digo estérico dando um chute forte no armário.

—Ummm... Yoongi, provavelmente Jungkook tenha levado o celular, podemos localiza ló! - explica Jimin. Hum, me parece uma boa.

—Sim, pode dar certo.. - digo, e logo ouço buzinas do lado de fora da casa. Olho pela janela, e os caras com vestimentas pretas estavam parados a nossa espera. Logo devemos para os atende Temos que encontra los se não eles poder por tudo a perder, e eu não posso correr esse risco.

©SeokJin©

—E e-eles vem me m-mantendo presa com eles todo esse tempo....- diz Toy os prantos, sendo consolada.

—Humm, eu lamento por você, mas tudo que você me disse até esse ponto bate com caso que eu tive a alguns anos, quando estava a procura de Jungkook.

—C-como?

—Sim, deixe me explicar...

®Flashback On®

Estava em meu escritório atendendo diversos telefonemas de pessoas que se diziam ter visto os tais caras que invadiram minha casa. Estava tão atolado que me recusava a atender outras denúncias. Até que uma senhora com as vestimentas esfarrapadas entra em minha sala, com certo desespero.

—Mas o que é isso?! - pergunto confuso e um leve estresse.

—Por favor senhor, precisa me ajudar levaram minha filha!! Por favor mandem alguém atrás, ela é tudo que tenho!! - diz com aos locuços, ajoelhada com suas mãos juntas implorando a mim. Logo entra um outro investigador na sala.

—Desculpe SeokJin, dissemos que estava ocupado, mas está senhora foi mais rápida... Venha senhora ele não pode atede lá agora. - diz ele, tentando levar a senhora consigo para fora.

—NÃO! POR FAVOR MINHA FILHA, PEGUEM OS TRÊS JOVENS QUE A LEVARAM A FORÇA DE MIM!! - gritava agoniada, tentando soltar do investigador. Foi quando notei que talvez poderia ser os mesmo caras que levaram Jungkook.

—Espere! Solte ela, talvez ela possa me ajudar na descrição dos elementos...- digo e o mesmo solta a. Peço para que a senhora me conte como eram o tais caras e o nome de sua filha, que se chamada Kim Hee Mi.

®Flashback Off®

—Entende, tudo que me disse bate, mas a única coisa que não é seu nome, por que te chamam de Toy, tem alguma ideia? - pergunto. Ela apenas me encara com o olhar arregalado, porém muda ela se põe a chorar novamente. Por um momento fico perdido, mas a explicação vem a tona.

—S-sabe, na primeira vez que eles abusaram de mim, eu diziam insistentemente que meu nome era Toy, que s-significa brinquedo, que eu devia esquecer meu nome. Eu estava tão transtornada e desesperada só aceitei tudo...e com o t-tempo eu acabei por esquecer meu nome... - tentava a custo me explicar. Agora tudo fazia sentido ela sofreu tanta pressão psicológica que resultou nisso, tudo estava se encaixando.

—Hee Mi....que nome lindo Noona...- diz Jungkook que até o momento estava calado, a abraça consolando lá.

      Estava tudo esclarecido, ou quase. O que resta a se pensar que esses dois não estão totalmente seguros, com todo certeza esses caras viriam atrás deles, eu precisava ser mais rápido. Os manter seguros, no momento essa era a prioridade.


Notas Finais


Então gente.... espero que tenham gostado...e que finalmente descobrimos o nome da Toy....que na verdade não é Toy...kkkk...enfim.
Nós vemos no próximo...
Annyeong!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...