História Escritos - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Revelaçoes
Exibições 3
Palavras 436
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Aventura, Romance e Novela
Avisos: Spoilers
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - "Um drama qualquer"


Fanfic / Fanfiction Escritos - Capítulo 1 - "Um drama qualquer"

"Um drama qualquer"© 


 10 de Novembro de 2016 


 Mais um dia comum em New York, a "cidade que nunca dorme", pessoas corriam apressadas pelas ruas úmidas em pleno inverno, com o stress de suas vidas individuais e sem tempo algum para se preocupar com algo ao redor, submersas nos próprios pensamentos, na maioria das vezes egoístas.


 No estúdio de dança próximo ao Central Park, algumas moças aspirantes à bailarinas, ensaiavam com todo vigor e concentração para a maior apresentação do ano. Uma entre as várias, se destacava por seu olhar destemido e ambicioso, apesar de solitária e ingênua a jovem de cabelos longos era uma verdadeira interesseira, além de sua beleza e talento, ela tinha anseio por algo maior, por isso sempre pegava atalhos, esses por homens de posições altíssimas, que por alguma mera aventura se deixavam levar por sua juventude e sorriso inocente, o que mais tarde era contrariado por sua frieza e indiferença. Podemos defini-la como a perfeita e ideal oportunista. 


 O tempo de ensaio havia finalmente chegado ao fim, suas colegas se despediram com alguns acenos enquanto a moça se preparava para um banho rápido, e com uma manobra rápida entrou no amplo cômodo de banho e ficou ali por alguns minutos. 


Enquanto há algumas ruas dali, uma mulher já madura, saia de casa apressada para pegar uma encomenda na Rua seguinte enquanto tentava chamar algum táxi, mas não estava obtendo êxito algum. 


 Um motorista de táxi, parou para uma xícara de café, e havia se atrasado alguns minutos para seu turno de trabalho bastante cansativo. Porém logo em seguida apanhou a mulher a levando até o lugar da encomenda, a qual não estava pronta, pois a atendente havia se esquecido de embrulhar. O que acabou atrasando mais um pouco a mulher. Que após recolher o objeto e entrar novamente no táxi, suspirou tranquila.


 Se um, apenas um destes ocorridos tivessem acontecido um minuto antes, a jovem bailarina ao sair do estúdio alegremente, não seria atingida brutalmente pelo carro amarelo, e não estaria com certas em três lugares de sua perna.


 E agora, em plena manhã de novembro, não estaria tão enfadonha e completamente enfaixada em um leito qualquer de um hospital qualquer.


 E o pior de tudo, é que após alguns dias, no qual ainda precisava de ajuda, seu ex-namorado vingativo foi contatado, o que consequentemente gerou um homicídio horrendo, digno de uma crônica surreal de um um jornal.


 Isso tudo, um relato comum entre outros vários, coincidência, a juventude não aproveitada e uma história trágica, mas considerando o cotidiano corriqueiro vista como normal, em New York, a "cidade que nunca...nunca dorme".    



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...