História Esquadrão Suicida : Harley e Coringa ... O começo - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Arlequina (Harley Quinn)
Personagens Personagens Originais
Tags Coringa, Harley
Exibições 103
Palavras 537
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Luta, Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 22 - Adeus


Fanfic / Fanfiction Esquadrão Suicida : Harley e Coringa ... O começo - Capítulo 22 - Adeus

Harley narrando :

No momento em que Joker falou isso . Me arepiei .

          Pd falar .... - Disse insegura , e acho que ele percebeu pois se virou rapidamente para me olhar .

          O que exatamente aconteceu ?!

         Nem sei ao certo foi tudo muito rápido ...

         Me conte !!

   Estava treinando impaciente com sua demora , então ouvi barulhos quando fui ver Leonardo estava aqui .

        O que ele fez com você ?!

      Me fez brigar com quatro de seus homens . 

 Foi assim que você conseguiu essas feridas na cintura ?!


           Sim ...

           Harley , isso não vai dar certo !!

        Do que você está falando ?! Por favor não me diga o que eu acho que vai dizer.

         Não posso te projeter!

       Não preciso de proteção !! - Disse com um tom de voz muito alto .

        Você não percebe ne !! Eu sou mal Harley , existem pessoas que faram de tudo para colocaras as mãos em você só para me ameaçar.

          Eu não ligo .

     Abre os olhos ! Por minha culpa você sofreu tudo isso . Não quero que isso se repta .

          Eu não vou te deixar !!!

    E porque ? Vá viver sua vida e simplesmente esqueça de tudo .

           Por que .... por que eu te amo Joker , e não irei embora . Não voltarei a ter a vida que eu tinha antes .

        Esse é o problema !! O amor te deixa fraca , vulnerável, incapaz de pensar direito .

            Isso não é verdade ..

         É sim , e não minta , você sabe que sim.  E se um dia me sequestrarem , e você me achar , mas eles me pegaram e apontarem uma arma pra mim , falando que se você não contar o plano , o nosso maior plano , eles iriam me matar ... você contaria? !

          Para salvar sua vida ... sim .

      FRACA .- ele gritou me encarando com uma cara que ele nunca tinha feito para mim -  Nosso maior plano , não poderia contar , deixassem que me matassem mas nunca, NUNCA revele um plano ... Viu, se você tivesse falado para aqueles caras onde eu estava , não teria sofrido tudo isso , não estaria com feridas abertas e nem teria passando fome .

           Eu não ligo . Nunca iria entregar você. Eu escolhi ficar do seu lado .

           Agora sou eu que escolho.

          Não.

          Eu vou embora .

         Não !!

         Adeus Harley.

       Você pelo menos vai ficar em Gotham City ?! - disse gagejando .

          Não ...

         Mas , aqui é seu Reino lembra ? Você é o rei daqui , não pode simplesmente sair .

      Não tente mudar minha ideia tá !! E não implore . O que eu posso fazer agora ... É ir . Adeus .

        E como você sabe que não vou te seguir ?!

       Um capanga meu vai ficar de olho em você até eu sair de Gotham.

    Quando ele terminou de dizer se aproximou de mim , e me deu um beijo demorado na testa , beijo molhado, um beijo de despedida . Naquele momento não consegui segurar ... então chorei . E senti uma parte minha ir embora .







Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...