História Esse Loiro Retardado! - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Kakashi Hatake, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Temari, TenTen Mitsashi
Exibições 22
Palavras 1.313
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 14 - Tenten grávida? -- As coisas começam a esquentar!


Mais um dia começou e eu já estava decidida que naquele dia todas as minhas dúvidas seriam tiradas. A respeito “daquilo”.

 

Naruto veio me buscar pra irmos pra escola, como já havia se tornado uma rotina. Eu continuava apaixonada por ele, mais do que nunca, mas ainda continuava muito incomodada. Ele provavelmente percebeu, mas não disse nada.

 

Quando chegamos eu já fui onde estavam Ino, Sakura e Tenten conversando animadamente.

 

- Bom dia amigas! – Eu disse.

 

- Miguxa, bom te ver! – Sakura deu um enorme sorriso.

 

- Oi Hina, diva. – Ino me cumprimentou.

 

- Hum, oi Hinata. – Tenten parecia bastante desanimada.

 

- Tenten, o que foi? Está bem?

 

- Estou bem sim... Só um pouco cansada e desanimada da vida...

 

Droga, talvez não fosse uma boa ideia falar com a Tenten sobre aquele assunto.

 

- Não fica assim Ten! Não é bom te ver assim! – Eu a confortei.

 

- Relaxa, eu vou melhorar.

 

Será que tinha alguma coisa a ver com o que o Neji me disse? Bom, espero que não.

 

Hora da aula.

 

____________________*_______________________

 

- Queridos alunos, hoje nós vamos fazer um lindo, perfeito, maravilhoso trabalho em dupla! – Disse Kurenai-sensei, professora de artes.

 

- Ah, odeio trabalhos em dupla. – Eu disse baixo.

 

- Nem se for comigo? – Naruto abriu um sorriso de orelha a orelha.

 

- Hunf. Certo.

 

- Ah, mas vocês pensam que podem escolher as duplas? Estão enganados, queridos!

 

Ferrou. Sorteio.

 

- Vamos sortear as duplas para fazer o trabalho sobre cultura dos países! VAMOS LÁ! – Kurenai-sensei era tão louca quanto a Anko-sensei.

 

Do jeito que sou azarada... Mas, vamos lá.

 

- Ino fará dupla com... Shino!

 

- O quê? Com esse esquisito?

 

- Isso com certeza fortalecerá as amizades, sim! Não reclame Yamanaka-san!

 

Shino fazia uma cara de tristeza e pude ouvir ele dizer baixo:

 

- Ninguém... Gosta de mim...

 

- Gaara fará dupla com... Rock Lee!

 

- Kiba fará dupla com... Sai!

 

- Sakura fará dupla com... Temari!

 

- Sasuke fará dupla com... Sasori!

 

- Hinata fará dupla com... Tenten!

 

Uuuufa, poderia ter sido pior!

 

- Naruto fará dupla com... Neji!

 

- Ah, droga, não fiquei com a Hina-chan... – Naruto lamentava.

 

O resto das duplas são meros figurantes que não acrescentam nada a história. Enfim. Pelo menos eu teria várias oportunidades pra falar com a Tenten.

 

- Hinata. Vamos fazer sobre a cultura japonesa mesmo né? Bom, eu pesquisarei em casa então...

 

- Tenten, eu poderia falar com você?

 

- Sobre o trabalho?

 

- Também, mas... É pessoal. Por que eu não vou pra sua casa ou você pra minha, tanto faz?

 

- Irei pra sua casa então. Pode ser?

 

- Sim...

 

- Hoje então. De tarde.

 

- Certo...

 

Algo me diz que a conversa que eu teria não iria acabar bem.

 

_____________________*_____________________

 

À tarde Tenten chegou mais cedo do que eu esperava com o notebook nas mãos.

 

- Certo, vamos fazer o trabalho.

 

- Tenten, o que está acontecendo?

 

- Nada, oras.

 

- Você vai me contar o que está havendo... Agora!

 

- Eu, nada... Nada, tá bom?

 

- Ainda bem que você não foi fazer trabalho com o Neji né? Ia ser embaraçoso se você tivesse que ir pra casa dele...

 

Ah, eu e minha grande boca.

 

- Ele... Não acredito que ele te contou!

 

- Bem, desculpe. Ele contou sim.

 

- Era segredo! Droga, aquele Neji não é confiável!

 

- Tenten... Você não estaria...

 

- Certamente aquele dia é um dia que prefiro esquecer! Desculpa Hinata, não quero falar sobre isso!

 

- Mas, pensei que isso era uma coisa boa!

 

- Não necessariamente. Você não entenderia.

 

- Tenten, por favor me diga!

 

- Dizer o quê? Os detalhes? Poupe-me Hinata!

 

- Se o Neji tiver feito alguma coisa pra te magoar... Eu mato ele!

 

- Não, Hinata. O problema é que aconteceu no momento errado! Tudo estava errado! Nós não tínhamos... Proteção... – Tenten começou a chorar, eu já não sabia o que fazer.

 

- Tenten, não chore... – Eu a abracei.

 

- Hinata, eu acho que eu estou... Eu acho que eu estou grávida, droga! – Ela desabou em lágrimas nos meus ombros.

 

Aquilo tinha ido longe demais. Será mesmo que a Tenten estava grávida do Neji?

 

- Deixe que eu faço o trabalho. Eu prometo não tocar mais nesse assunto, por enquanto.

 

- Eu ajudo. Não posso ficar sem fazer nada.

 

- Certo.

 

Passamos o resto da tarde em silêncio. Eu não ousei perguntar mais nada sobre o assunto.

 

- Então é isso Hinata. Não conte pra ninguém sobre isso por enquanto, ok? Muito menos pro Neji.

 

- Eu não contarei. É uma promessa.

 

- Até mais... Vou passar na farmácia e... Bem... Confirmar minha suspeita. Ou então pode ser só um engano. Espero que seja.

 

- Te dou todo o apoio Tenten!

 

- Obrigada Hina. Obrigada por ser minha amiga tão preciosa...

 

__________________*________________________

 

Naquela noite o Naruto me mandou um SMS:

 

Hina, você está tão distante, o que houve?

É comigo?

Eu posso ir até sua casa hoje?

 

- Eu estou... Sozinha em casa! Não, não posso deixar o Naruto vir aqui!

 

Obs. Minha mãe e meu pai estavam viajando e o Neji provavelmente estava em alguma festa, ou algo assim.

 

- Será que ele está com a intenção de... Não. Ele nem sabe que estou sozinha em casa! De qualquer forma, não vai rolar.

 

Naruto, certo, vamos conversar. Pode vir agora.

 

Ele não demorou muito. Logo estava lá com uma cara extremamente séria.

 

- Hina, posso entrar?

 

Eu estava tão paranóica que nem percebi que ele ainda estava na porta.

 

- Entre, pode entrar! – Eu disse com um sorriso forçado.

 

- Sente-se! – Eu apontei pro sofá.

 

- Então Hina. Você está gostando do nosso namoro?

 

- Sim, Naruto! Eu não tenho nada a reclamar! Eu te amo, você sabe disso!

 

- Você está sendo falsa nesse instante. Por quê?

 

- Eu lhe contarei o que está me incomodando então.

 

- E o que é?

 

- Tenho medo que você ache que devemos fazer “aquilo”.

 

- O que é “aquilo?”.

 

- Não seja ingênuo. Você sabe do que estou falando!

 

- Você quer dizer... Sexo?

 

- Que bom que você não é tão retardado assim! É isso mesmo!

 

- Hina, não tenha medo! Eu não vou te forçar nem nada assim! Eu prometo que só vai acontecer se você quiser!

 

- Promete de verdade?

 

- É claro!

 

- Então tudo bem.

 

Ele se aproximou lentamente encostando seu rosto no meu. Senti um arrepio gostoso enquanto ele acariciava meu rosto. Suas mãos eram muito macias e sua pele era cheirosa. Eu o amava muito. Sabia que minha primeira vez teria que ser com ele. Mas seria só no momento certo.

 

Ele então deu uma leve chupada no meu pescoço e eu gemi baixo. Mordi lentamente sua orelha e ele sorriu. Nos deitamos no sofá, e eu sentia que as coisas estavam esquentando. Só não podia passar do limite, óbvio.

 

Ele começou a beijar como se fosse a última vez que pudesse fazer isso. Fiquei meio sem fôlego, estava cada vez mais intenso. Retribuí os beijos de forma carinhosa. Deslizei a mão por suas costas enquanto ele beijava meu pescoço. Ele então lentamente tocou meus seios e eu permiti. Estava vermelha, mas não pude negar que estava gostando. Mas percebi que estava indo longe demais.

 

- Chega, Naruto.

 

- Desculpa, eu...

 

- Não é culpa sua. É minha. É melhor você ir e...

 

A porta se abriu bruscamente. O Neji apareceu. Fez uma cara surpresa e então disse:

 

- Hinata e Naruto sozinhos aqui? Interrompi algo?

 

- N-não! Neji, pervertido! Naruto já estava de saída! Nós só conversamos!

 

- Sei, sei.

 

- Bom, Hinata, estou indo. Desculpa qualquer coisa...

 

- Tudo bem! Até amanhã loirinho retardado!

 

- Até amanhã!

 

Meu coração batia acelerado. Eu estava meio nervosa então logo subi pro meu quarto. O Neji tinha razão. Os homens não conseguem se segurar por muito tempo.

 

___________________*____________________



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...