História Esse Loiro Retardado! - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Kakashi Hatake, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Temari, TenTen Mitsashi
Exibições 24
Palavras 1.017
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 17 - Jantar -- Naruto x Sasori? Parte 1


Já era de noite. Estava me arrumando para o tão esperado jantar com o Naruto. Estava pensativa, ainda pensando na música do Sasori. Aquilo mexeu comigo... De alguma forma. Tomei um banho, arrumei meus longos cabelos azulados e vesti um elegante vestido vermelho com detalhes em dourado, combinado com uma sandália dourada. Passei uma maquiagem leve, e realcei meus lábios com um batom vermelho. Estava pronta para arrasar naquela noite, com certeza.

 

O que me surpreendeu foi a aparição de Neji em meu quarto.

 

- Hinata, vai sair?

 

- Vou em um jantar com o Naruto. – Respondi, com uma voz séria.

 

- Ah, legal. Bom, eu já me recuperei...

 

- Já não era tempo! Vai assumir seu filho com a Tenten?

 

- Sim, farei isso...

 

- Então ótimo! Estou orgulhosa de você, Neji. Mesmo com sua atitude infantil.

 

- O-obrigado Hinata.

 

Ele logo saiu. Pude perceber a expressão vazia em seu rosto. Ele não estava bem, mas eu nada podia fazer.

 

Dei um sorriso e tentei me animar para o jantar com o Naruto. Aquela noite iria ser... Inesquecível.

 

- HINATA, O NARUTO-KUN ESTÁ AQUI PRA TE BUSCAR, QUERIDA! – Gritou minha exagerada mãe.

 

Desci as escadas como uma princesa de contos de fadas. O Naruto ficou a me observar pela porta, com a mesma cara de idiota de sempre.

 

- Hina-chan... Você está...Linda.

 

- Obrigada Naru-chan! – Eu disse, rindo e o abraçando forte em seguida.

 

- Tenham um bom jantar, crianças! – Brincou minha mãe.

 

Hilária minha mãe, nossa. Logo me despedi e saí de mãos dadas com o Naruto.

 

Pegamos um táxi e fomos para o restaurante. Não podia imaginar as surpresas que ainda viriam.

 

~

 

Era um restaurante chiquérrimo, com mesas cobertas com toalhas vermelhas e luzes de velas. Era bastante romântico.

 

- Gostou do lugar, Hina-chan? – Ele perguntou.

 

- Gostei muito! Fico feliz que tenha me convidado Naru-chan!

 

- Então vamos nos sentar na mesa que reservei. – Ele disse, me puxando levemente pela mão, e ajudando a me sentar em uma cadeira, em uma mesa perto da janela, com uma vista privilegiada.

 

Fiquei observando a paisagem, enquanto ele se sentava na cadeira de frente para mim. Pegou então o cardápio e ficou tentando escolher um prato.

 

- Hum, Hina-chan, vou pedir uma lasanha... Tudo bem? Ou quer outra coisa?

 

- Está ótimo! Obrigada.

 

Não sei, estava sentindo um clima muito estranho naquele momento. Como se eu e Naruto não fôssemos mais namorados. Estavámos tão... Distantes. O que será que estava havendo? Uma crise?

 

- Hina-chan, eu... Ando percebendo que estamos distantes... Eu quero dedicar esse jantar para que consigamos nos reconciliar e voltarmos a ser como era antes e...

 

Antes que ele pudesse continuar a falar, um certo alguém apareceu no restaurante. Abruptamente entrou, com uma respiração ofegante, todo suado. Era ele. Sasori.

 

- Sasori?! – Disse, surpresa.

 

A cara do Naruto não era boa. Olhou com desprezo para o Sasori e se recusou a cumprimentá-lo.

 

- Hinata, que coincidência te ver aqui! Estou muito atrasado para o show!

 

- Show? Que show?

 

- Farei um show solo especial nesse restaurante esta noite... Foi mesmo muito bom te encontrar aqui com seu... Namorado. – Sasori disse com claro nojo ao citar a presença de Naruto.

 

- Sim, você disse bem, namorado. – Naruto disse, já se levantando da cadeira.

 

- Calma garotos!

 

- Hinata, espero que curta o show! Eu tocarei piano e cantarei aquela música... Que eu consegui terminar finalmente.

 

- Terminou a The Love Song?

 

-  Sim, terminei. Eu finalmente achei a inspiração... Espero que goste Hinata.

 

Ele então se afastou.

 

- Que história é essa de The Love Song Hinata?

 

- É só uma música, Naruto! Se acalme!

 

Quando Sasori voltou, meu Deus. É errado admirar a beleza de outro homem? Acho que não. Sasori estava lindo, trajando um blazer preto com uma gravata borboleta. Estava absurdamente bonito. Acho que o Naruto não gostou muito da minha cara de “Ah que lindo!”.

 

- S-S-Sasori... – Até gaguejei.

 

- Hinata, começarei o meu show agora. – Ele deu um sorriso que me arrepiou.

 

Ah. Meu. Deus. Me. Salve. Ele vai cantar The Love Song. Naruto não vai curtir isso.

 

- Hinata, acho melhor irmos embora. – Ele me puxou pelo braço, com raiva.

 

- Naruto! Não seja bobo! Ciúmes do Sasori por quê? Ele só vai cantar!

 

- Vai ficar aqui ouvindo seu queridinho cantar uma música de amor pra você? Que ridículo, Hinata! Pensei que gostasse de mim! Pensei que me amasse!

 

- N-Naruto, fique, por favor!

 

- Tchau. Hinata.

 

Ele saiu do restaurante bufando de raiva. Droga, de novo, por causa do Sassori. Eu deveria ir atrás do Naruto.

 

- Não vá Hinata! Deixe-o sozinho. É só uma música! – Sasori segurou minha mão, me impedindo.

 

- Sasori, não. Preciso ir.

 

Ele então me fez sentar no banco do piano. Todos do restaurante pensavam que era uma peça de teatro ou algo assim. Pareciam estar gostando do drama.

 

Ele se sentou e começou a tocar as primeiras notas. Eu não pude evitar admitir que amava aquela música. Ele pegou o microfone e começou a cantar:

 

Queria tanto te dizer... Mas não consigo...

Há quanto tempo escondo dentro de mim...

Um sentimento que é tão forte, não consigo descrever

Meu coração bate mais forte quando te vê

 

E agora eu canto como uma forma de expressar

Eu não consigo mais me segurar

E esta canção dedico a você, meu amor

Estarei com você, aonde for...

 

Então cante comigo...

Esta canção de amor.

 

Cante comigo pra que a escuridão se vá

Cante comigo, para a luz não se apagar

Seja meu destino, minha linda paixão

Por favor segure minha mão

 

Juntos iremos caminhar

Para a imensidão...

 

Então cante comigo...

Esta canção de amor.

Sempre estarei com você...

Meu amor

 

Quando ele terminou de cantar, eu já estava completamente enfeitiçada pela música. Todos do restaurante aplaudiram, emocionados.

 

O que eu não entendi foi o que veio depois.

 

O Sasori se aproximou de mim... E me beijou. Não pude fazer nada, foi uma grande surpresa.

 

E naquele exato momento... Adivinha quem apareceu no restaurante novamente? Naruto.

 

Ele viu a cena.

 

Ferrou.

 

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...