História Estaca zero - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Luan Santana
Tags Luan Santana, Romance
Exibições 28
Palavras 1.016
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Sumi de novo,me perdoem?

Capítulo 7 - Fica!


Fanfic / Fanfiction Estaca zero - Capítulo 7 - Fica!

 Ele anda na minha frente segurando minha mão esquerda,estamos no meio da multidão,não sei por que estou indo com ele,nem por que ele me abraçou ou por que me senti confortável em seus braço. Ele para,faço o mesmo.

-Quer um beijo para esquecer? - Pergunta olhando para mim. Reviro os olhos e cruzo meus braços. - Ta bom,entendi,vamos! - diz sorrindo e voltando a andar.

Chegamos no  estacionamento,ele vai até seu carro.

-Entre! - diz abrindo a porta para mim. 

-Para onde vamos? - pergunto parada. 

-Chega de perguntas e entra na carro! - diz sorrindo. 

- Por que deveria entrar no carro? - Pergunto ainda parada. 

-Meu Deus,como você complicada. - diz franzindo a testa. - entra logo! - diz entrando no carro,então faço o mesmo. 

Ele arranca com o carro,não faço ideia para onde vamos,sei quer preciso sair daqui o mais rápido possível,tudo que eu quero é esquecer aquela cena, definitivamente EU NÃO DEVIA TER VINDO! 

-AI MEU DEUS! - grito fazendo Luan para o carro. 

-O que foi? - me olha assustado 

-BIA! Ela pediu para esperar ela no estacionamento,para irmos embora. 

-Calma,liga para ela.

-Ligaria,mas o meu celular ta com ela! 

-Ah,puta que pa... Lascou! 

-eu não tenho culpa! 

-Não,não é isso! Deixei Rober sem carro,na rua. 

-Vamos voltar! 

-Não! To com o meu celular aqui. - diz tirando o celular do bolso. - toma,liga para Bia,e ponha no viva-voz para eu rir- me entrega o celular. Disco o número de Bia e ponho no viva-voz. 

Ligação on: 

                    -Alô!                        

-Bia,é a Ana!

-Ana Paula,cadê você? - diz calma,mas parece irritada,olho para Luan que ri. 

 -Ta tudo bem calma! Tô com o Luan! -escuto sua respiração aliviada escuto ela falar com Rober "Rober o Luan tá com ela" "Desgraçado!" Isso faz com que Luan ria alto e peça o celular.

-Oi Bia,passa para Rober! 

-Seu merda,como eu vou para casa? - Rober pergunta. 

-Então,desculpa! Vai com o pessoal aí! 

-Eu odeio você! - Luan gargalha e me entrega o celular. 

-Rober entregue para Bia. -peço 

-Oi

-Pego meu celular com você amanhã. 

-Vamos dormir na sua casa hoje,vou deixar na mesa da sala.

-Ah,então tá,até mais!- encerro a ligação. 

Ligação off

Entrego celular a Luan,que guarda o mesmo no bolso e arranca com o carro. Não sei para onde vamos,mas com certeza está melhor do que ficar ouvindo alguém falar que me avisou,e que eu errei,ou qualquer coisa. 

O dia foi Horrível,eu só quero esquecer,virar o página mas ao mesmo tempo chorar e me perguntar por que? Está tudo tão confuso,tanta informação para um dia só! Nesse momento estou no carro do cantor Luan Santana,o qual me beijou em uma balada no mesmo dia em que terminei com Guilherme,MEU DEUS! Me pego chorando mais uma vez,lembro daquela cena,e de quantas vezes Guilherme disse que me amava,que nunca me deixaria e era mentira,tudo mentira.

-você está chorando? - Luan me olha rapidamente e logo volta sua atenção a estrada. 

-Não precisa me dizer que fui burra e que ele não estava nem aí para o  que eu sentia,por que eu já sei disso! - digo secando minhas lágrimas. 

-Eu não ia falar isso! - diz parando carro. -Vem, desce! - desço do carro,vamos em direção a praia. 

-Por que estamos aqui? 

-Por que eu gosto daqui. É calmo a noite.

-Não! Tem gente lá,ali,sempre tem gente!

-Mas onde estamos não,estamos afastados deles.

-É bom não te verem aqui,vai ser o maior tumulto.

-Não vão ver! Fala! - diz sorrindo  e sentando na areia,faço o mesmo.

-Falar o que? 

-O que você sente! O que está sentindo agora? - pergunta me olhando

-Fome! - respondo fazendo ele gargalhar,acabo rindo também.

-Profundo! - diz ainda rindo.

-Estou brincando! Estou muito confusa para dizer o que sinto. É uma mistura de confusão com tristeza e liberdade,entende? Acho que foi melhor assim,e que me livrei mas ao mesmo tempo sinto que preciso dele! -Ele me olha,parece prestar a atenção em cada palavra. - Amei Guilherme demais,ainda amo,não me via sem ele,nunca parei para pensar que isso poderia acontecer e que precisava estar preparada,por isso,parece que meu mundo acabou,eu não sei como vais ser,tenho medo do futuro,criei medo,medo de magoar,medo de passar mais uma vez pelo que estou passando agora! É muito cedo para esquecer e partir para outra,poxa foi hoje! Enfim,eu tô falando demais,me leve para casa. 

-Fica!                        

         -Não! Eu não sei o que está acontecendo,por que eu estou com você,ou que diabos estou fazendo da minha vida! -digo pondo as mãos na  testa. - Eu preciso dormir,só dormir e tentar entender o dia de hoje,me leva para casa,por favor! 

  

{Luan}

Acho melhor levar ela,ela está mal, não devia ter trazido ela aqui,a verdade é que queria que ela ficasse mais confortável,mas,não deu certo,o que eu achei? que iria fazer ela esquecer o ex namorado dela tão rápido assim? Eu nem sei mais por que beijei ela. 

Entremos no carro,o caminho todo fomos em silencio,já sabia onde ficava seu apartamento já que já havia lhe levado até lá uma vez.Finalmente   chegamos.

-Me desculpa! -digo enquanto ela tira o cinto para sair do carro.

-Desculpar pelo que? -pergunta me olhando

-Para Ana Paula! Eu não devia ter te levado para praia ou muito menos te beijado,queria me divertir e acabei deixando de fazer isso para cuidar de problemas que se quer são meus! -digo franzindo a testa.

-Você não precisa me pedir desculpas! E em nenhum momento pedi para você me fazer companha,eu não preciso que ninguém tenha dò de mim. - diz abrindo a porta do carro.  

-Não,eu não quis dizer isso.

-Eu não me importo com o que você  quis dizer ou com o que disse,Boa noite! -diz batendo  a porta do carro e indo em direção a sua casa. 

Vou para o hotel,entro no meu quarto e tomo um banho e vou me deitar,estou exausto,amanhã a tarde irei pegar um voo direto para SP. Penso no dia de hoje,em Ana Paula,começo a rir sozinho,não me orgulho muito do que fiz,acho que poderia ter me divertido mais em vez de me preocupar com quem eu nem conheço!


Notas Finais


Capitulo chatinho? ahahaha
o que acharam? Estão cansados desse dia? vamos para o outro! Vou tentar postar mais um hoje,não desistam de mim!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...