História Este não é meu apartamento (Imagine Kim Taehyung) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens V
Tags Bangtan Boys, Bts, Cute, Fofo, Imagine, Taehyung, Taehyung Cute, Taehyung Fofo
Visualizações 98
Palavras 1.268
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Capítulo único


Fanfic / Fanfiction Este não é meu apartamento (Imagine Kim Taehyung) - Capítulo 1 - Capítulo único

Eu estava em casa assistindo TV quando alguém faz um barulho no corredor. Isso chama minha atenção, então olho para a porta. Escuto barulhos vindo da maçaneta. Alguém estava tentando abrir??

 

Xx: Droga! - alguém diz do lado de fora - não podem ter me dado a chave errada...

 

Ele devia estar no apartamento errado. Desliguei a TV e me levantei. Fui até a porta e abri a mesma 

 

S/n: Oi boa noi..te... - aquele homem era absurdamente bonito 

TH: Oi... - ele parece estar estranhando - espera... - ele olha minha porta - ah, droga

S/n: Algum problema?

TH: Sim, me desculpe. Estou no apartamento errado. Sou Kim Taehyung, seu vizinho de cima - ele diz apertando minha mão 

S/n: O-oi... sou S/n - fico nervosa de repente - sua... vizinha de baixo *riso nervoso*

 

Ele ri e sorri. Aish, seu sorriso era tão lindo... por que eu já estava me imaginando deitada com ele no meu sofá assistindo filmes românticos?

 

TH: Bem... já vou indo... tenho que deixar umas caixas lá em cima 

S/n: T-tudo bem 

TH: Foi um prazer S/n

S/n: Prazer 

 

Então ele pega sua mala e vai até o elevador. Antes de entrar, ele da uma última olhada pra mim e sorri. Minha mãe suou, então ele entra e a porta fecha, levando ele pra cima. 

 

Droga, eu deveria ter o segurado aqui... e agora, o que eu faria pra vê-lo de novo?

 

*Quebra tempo* 

 

Já tinha desistido de pensar em como ir até Taehyung. Já fazia um dia que ele tinha se mudado mas até que ele é silencioso. Não ouvi nada cair no chão ou ele mesmo andando com passos pesados. Resumindo, nenhum sinal dele. 

 

Eu já estava desanimada. Mas então alguém de repente toca a minha campainha e eu vou atender 

 

S/n: Taehyung! - digo um pouco mais animada do que deveria 

TH: S/n, iai?

S/n: Como estão indo as mudanças?

TH: Já acabei. Tive ajuda de um amigo 

S/n: Oh, que bom 

TH: Sim. Gostaria de ver como ficou meu apartamento? 

S/n: Am... claro. Por que não? - sorrio gentilmente 

 

Então ele pega em minha mão e nós subimos as escadas. Ele abre a porta do seu apartamento e entramos. Me mostra todos os cômodos e realmente sua casa era bonita

 

S/n: Você tem bom gosto - digo olhando tudo 

TH: Muito obrigado - ele sorri - talvez seja por isso que eu gostei de você 

 

Gelei. Quê?! Ele gostou de mim?!

 

Ele vai até a cozinha e eu o sigo

 

TH: Eu estava tentando fazer bolo - diz mostrando alguns ingredientes sobre a bancada - quer me ajudar a terminar?

S/n: Sim, claro 

 

Começamos a mexer todos os ingredientes em uma tigela. Fazíamos conforme a receita da internet dizia. Por eu já ter alguns entendimentos de culinária, falei pra ele por menos açúcar e uma pitada minúscula de sal 

 

TH: Como assim sal? - ele me olhou sem entender 

S/n: Bem pouquinho - digo jogando a pequenina quantia - essa receita está muito doce, o bolo pode ficar enjoativo 

TH: Hm, interessante 

S/n: Você já fez esse bolo antes?

TH: Sim

S/n: Estava muito doce né?

TH: Demais... 

S/n: Então! - sorrio - confia em mim

TH: Tudo bem, mas só porque é você - e dizendo isso ele abaixa um pouquinho e me dá um selinho me deixando paralisada 

 

Ele está pegando a farinha pra colocar na forma quando volta e me encontra do mesmo jeito. Tento disfarçar pegando a manteiga mas eu ainda estava nervosa. Então ele põe um pouco de farinha na forma por cima da manteiga. Assim que termina, olha pra mim.  

 

Guardo a manteiga e olho pra ele também. Tento entender o que ele encarava e pensava mas ele apenas suja a ponta do meu nariz com seu dedo cheio de farinha. Olho seria pra ele que está sorrindo irônico como se já esperasse que eu lhe atacasse. 

 

Então eu passei realmente a mão na farinha e lhe joguei um olhar desafiador

 

TH: Você não/ - antes que ele termine eu passo minha mão em sua bochecha sujando ele 

S/n: *risos* eu sim! - sorrio satisfeita 

TH: Espere um momento - então ele pega a massa, coloca na forma e coloca a mesma no forno que já estava ligado.

 

Lava as mãos e pega em minhas mãos também lavando as mesmas. Eu não entendia o porquê do "espere um momento". Até que ele me pegou no colo de surpresa 

 

S/n: Aish, me solte!! - digo batendo nele

 

Ele apenas sai andando comigo e então me derruba no sofá de sua sala. Faço bico pra ele e cruzo os braços como criança que não gostou da brincadeira. 

 

Ele apenas fica me encarando sorrindo. O que ele estava olhando tanto?! Eu ainda me perguntava.

 

Então ele me pegou de surpresa me atacando com um selinho, me derrubando no sofá

 

S/n: *risos* você é doido 

TH: E você é fofa - ele diz com o rosto perto do meu em cima de mim 

S/n: Por que devo continuar aqui? - pergunto "tentando" sair debaixo dele

TH: Porque você também gostou de mim, simples

S/n: Como sabe disso?

TH: Eu posso ver em seus olhos - ele faz uma cara séria 

S/n: Ata bom

TH: Estou falando sério - ele aproxima seu rosto mais

S/n: Eu acredito 

TH: Estou mesmo - vai se aproximando mais 

S/n: Está é?

TH: Estou - e então volta a me beijar 

 

Acaricio sua nuca. Seu cabelo tão macio e seu beijo tão bom. Eu não pretendia sair dali. E ali ficamos até o som do relógio marcando o horário do bolo cortar nossa onda. 

 

Taehyung saiu de cima de mim e pegou na minha mão. Fomos até a cozinha novamente e então abrimos o forno. Tiramos o bolo de dentro e então eu faço uma calda de chocolate, a qual derrubo em cima do mesmo. 

 

Cortamos o mesmo, servimos em pratos e começamos a comer com cuidado pois ainda estava quente

 

TH: Wow... - ele diz mastigando a primeira fatia - você tinha razão, menos açúcar, uma pitada de sal 

S/n: Sim

TH: Onde aprendeu isso? 

S/n: Não sei... é porque eu vi que essa receita tinha coisa doce demais então apenas tentei deixar na medida certa 

TH: Ah - ele coloca outro pedaço na boca - entendi. Está muito bom

 

Sorrio satisfeita. Comemos o bolo e então assim que terminamos, olho para o relógio. Eu já devia estar em casa, estava tarde 

 

TH: Tem certeza de que tem que ir?

S/n: Infelizmente sim 

TH: Mas apareça aqui amanhã de novo 

S/n: Hmm - faço uma cara pensativa - vou pensar no seu caso 

TH: Você vem, senão eu lhe carrego, ou melhor, eu fico por lá 

S/n: Hmm, tentador

 

Ele me puxa pela cintura, colando nossos corpos e então me dá um beijo calmo e demorado. Assim que nos afastamos, ele fala

 

TH: E então, o que me diz? Amanhã aqui em casa ou na sua?

S/n: Você decide

TH: Tudo bem, vou te fazer uma visita amanhã 

S/n: Ótimo 

TH: Ótimo 

 

Vou até o elevador e antes de entrar, olho pra ele como ele fez comigo. Ele parecia como quem quisesse me puxar e não me deixar ir embora, mas eu fui. Gostei do meu vizinho.

 

Mal sabia eu que no dia seguinte nós iríamos marcar um encontro e depois disso, começamos a ficar sério até que um ano e pouco depois, quem acabou estando no apartamento errado era eu, porque eu simplesmente já pertencia à casa de Taehyung, e assim me mudei pra onde era meu real apartamento.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...