História Estilhaços e Poesias - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Adeus, Adolescentes, Amor, Anjos, Cortes, Depressão, Morte, Poemas, Poesia, Raiva, Sem Ideias Para Tags, Suícidio, Tristeza
Exibições 76
Palavras 137
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lírica, Poesias, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Mutilação, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


"Ontem fui à uma festa (não vou em festas). Aniversário de minha amiga. Me diverti tanto, dancei tanto. Quando acabou, voltei para casa, pra minha realidade (que, de fato, não tenho do que reclamar). Mesmo assim, fiquei triste. Dormi triste, acordei triste. Mas por que tanta tristeza? Me diverti tanto num dia, junto a tantas pessoas. Senti falta de gente, de compartilhar alegria. Cheguei em casa e estava sozinha. No dia seguinte, continuei sozinha. Gosto de ficar sozinha, mas fiquei triste por estar. Queria estar com alguém mais que tudo. Queria companhia. Alguém pra ficar sozinho comigo, junto. O problema de se acostumar com a solidão, é que depois que tu prova o gostinho de estar junto, de compartilhar, de conhecer novas pessoas, sente falta de tudo isso. Eu senti. Estou sentindo.
Vai passar, eu sei." (Laura Cabeda)

Capítulo 25 - Velas


Fanfic / Fanfiction Estilhaços e Poesias - Capítulo 25 - Velas


As velas estão brilhando
Mas eu não quero um novo pedido
Essa boba brincadeira de pedir ao destino
Uma esperança
Algo tão falho
Como todos que estão aqui

Os balões pendurados em todo canto
Eu gostaria de poder ser como eles
Um figurante
Nada capaz de ser importante
“Maria, sorria!”
Mas eu não quero um novo flash
Para guardar memórias tristes
Infelizes
Que é estar aqui

Mas eu gastei tanto com esse vestido rodado
“Tem que ser lembrado”
Então eu dou o milésimo sorriso
Por que é preciso
Por que é isso que eles pedem
Quando tem uma câmera por trás de seus rostos

E eu não quero assoprar velas que só apontam a verdade
Luzes e fogos
Um dia “feliz” fora da minha realidade

E eu sei que vou voltar a chorar
Mas... Quem se importa?


Notas Finais


Perdão por ficar tanto tempo sem escrever, mas... a vida parece ter colocado tudo que era pra ter acontecido o ano todo em um único mês, formatura, 15 anos, namorado novo (eba!), festa, uma amiga gravida...essas coisas.
Enfim, tenho estado feliz nesses últimos dias e quanto mais feliz, menos inspiração pra escrever eu tenho.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...