História Estrangulado por letras - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Girls' Generation
Tags Jikook
Exibições 0
Palavras 557
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Comédia, Crossover, Esporte, Luta, Shoujo (Romântico), Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Pansexualidade, Transsexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem 🐱

Capítulo 1 - A luta


Fanfic / Fanfiction Estrangulado por letras - Capítulo 1 - A luta

Entre as paredes do meu quarto só dava para escutar o som dos botões do teclado ao serem pressionados. Não que eu estivesse inspirado, porém eu precisava escrever. Eu precisava saber que estava produzindo algo. Mesmo que meus livros não virassem filme ou ficassem famosos. Na verdade, no começo, pensei que isso iria acontecer. Mas depois do lançamento do meu terceiro livro esqueci a ideia tola.       
 Desde criança eu gostava das letras. De saber que ao juntá-las formaria um som. Que o mundo só seguia em frente por esses símbolos e seus sons. Essa é a única parte infantil que restou em mim: meu amor pelas letras.

 - Kookie, vai se arrumar para nós irmos na luta – Taeyeon, minha colega de apartamento entrou no meu quarto sem ao bater.

 - Taetae, por que você me convida para esse tipo de coisa, sabendo que não me interesso por isso?

 - Também não sou amante de boxe, mas a Chaerin quer ir, então... – Taeyeon fazia de tudo pela sua namorada.

 - Você podia voltar com a Yoona, ela, ao menos, gostava de balé e não disso – eu não iria perder tempo me arrumando, então apenas calcei meus sapatos.

 - Adoro como você nāo se arruma! E eu não sei do que você está reclamando. Você vive dizendo o quanto ama a Chae – eu amava aquelas duas até demais, só era incomodo quando elas tentavam me arrastar para os lugares.
 Depois do delicado convite da Taeyeon , nós apenas pegamos um táxi para ir ao Soap Fight Club. Me perguntei se as pesssoas entendiam a referência do nome do lugar. O local estava cheio. Sentamos na primeira fileira ao ouvir eles anunciarem os próximos competidores. De um lado estava um moreno alto e de cabelos descoloridos e do outro um cara um pouco mais baixo com cabelos ruivos e um corpo de lutador. Os ombros largos, os músculos muito aparentes, as veias dos braços saltadas e um rosto um pouco infantil que não condizia com toda aquela estrutura corporal.
 
           - Eu realmente espero que o Chim ganhe – Chaerin disse torcendo para o ruivo.

 - Ele não consegue nem alcançar as orelhas do outro, acho que você escolheu a pessoa errada para torcer Chae – resmungo olhando a sequência de chutes que se desenrolava na minha frente.

 - Monster pode ser alto e forte, mas o Chim tem técnica Kookie – Decidi não discutir, pois eu realmente nāo entendia nada sobre luta.
 
               - Da onde você conhece esse Chim? – Taeyeon, como sempre, indagou curiosa.

  - Nós estudamos juntos. Aliás, foi ele que me deu os ingressos e... – ela não conseguiu terminar a frase em meio de tanto alvoroço
  
               - E o vencedor é Park! – O juiz avisa enquanto levanta a mão do ganhador.
 
                - Vamos, me sigam – diz Chaerin agarrando a mão da Taeyeon e a levantando.
 
                   - Aonde estamos indo? – Questiono.
 
                   - Chim me chamou para ir ver ele depois da luta. Ele disse que quer conhecer minha namorada – Chaerin realmente não tem medo de ser quem é.
 Ao entrarmos numa espécie de trailer, fiquei abismado com o espaço organizado e arejado

- Chaerin, você não me disse que sua namorada parecia um garoto, mas mesmo assim ela é muito quente – escuto a voz grossa e me viro, me deparando com um par de olhos muito belos e desenhados me encarando intensamente. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...