História Eternally Eternal - Capítulo 33


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony, Ian Somerhalder, Katy Perry, Megan Fox
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Ian Somerhalder, Katy Perry, Lauren Jauregui, Megan Fox, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Angel, Anton, Camren, Ian Somerhalder, Katy Perry, Megan Fox, Norminah, Pedro, Trolly, Vercy
Visualizações 63
Palavras 851
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Cheguei, mas já estou de saída! Bjos dá...
-Ana

Capítulo 33 - Eu sou o próprio diabo!


POV Lauren Jauregui

 

Eu estou mais que encharcada por causa da Camila, eu estava ignorando meus irmãos e apenas me virei para onde Camila estava brincando com seus filhos. O sorriso dela é tão lindo que eu provavelmente do a minha “vida” para ver ela sempre assim, ela parece uma criança brincando com seus amiguinhos, um jogando agua no outro, o sorriso no rosto de todos, e então nossos olhos se encontram, e algo dentro de mim parece bater mais forte, só algo dentro de mim bate... Meu coração... Impossível ser o que estou pensando. Estávamos nos encarando até que Pedro joga agua em seu rosto e ela quebra a nossa batalha de olhares.

 

- Tira o sorriso da cara ou então ela ira saber. – Dinah fala e só então percebo que estou sorrindo igual uma retardada para Camila.

 

- Saber o que sua idiota? – Falei me virando para ela e meus irmãos.

 

- Por que você sentiu dor Lauren? – Lucy pergunta e eu olho para ela com uma cara de incredulidade.

 

- EU NÃO SEI! Por que você pergunta para mim?! Vocês sabem o que aconteceu mais não querem me falar. – Sim, eles sabiam, mas por ordem dos meus pais eles não podem falar nada, e já que eu me estressei um pouquinho, continuei caminhando até ficar de frente para onde Camila estava com seus filhos, logo meus irmãos estavam sentados ao meu redor.

 

- Quando vamos voltar a treinar Lauren? – Troy me perguntou, ele estava sentado atrás de Ally, à mesma estava encostada nele.

 

- Pode ser mês que vem? – Perguntei vendo que Camila e seus filhos estavam saindo, ela logo os abraçou e caminharam até nós.

 

- Claro! – Ele falou.

 

- Por que você não esta com raiva da minha mãe? Você foi atrás dos três que deslocaram sua cabeça, por que dela você não foi? – Pedro fala se sentando junto com Camila e Angel, e eu e Camila o encara com as sobrancelhas erguidas.

 

- Como você sabe isso? – Perguntei ignorando sua pergunta.

 

- Eu fui um pouquinho na sua casa enquanto você estava “dormindo”. – Ele fala como se nada fosse nada.

 

- Foi é?! Fazer o que lá? – Camila perguntou.

 

- Se você estava fora o problema não é meu. – Pedro fala e vejo o olhar de raiva que Camila esta direcionando a ele.

 

- Pedro eu não sei se você se lembra, mas eu sou sua mãe e você já está velho o bastante para saber que tem que me respeitar, então me respeite! – Eita poha, essa mulher deve ser uma fera na cama... PERA, QUE? Fumei sem saber, só pode!

 

- Desculpa mãe?! – Ele pede e fica quieto.

 

- Tudo bem! – Ela fala e vejo Angel encostando-se em Camila que começa a fazer carinho nela.

 

- E então... Por que vocês duas não se mataram ou pelo menos tentaram se matar quando se viram? – Veronica perguntou, ela estava fazendo carinho na Lucy que estava encostada no ombro dela.

 

- No dia em que ela acordou foi quando eu voltei, por um acaso nós nos encontramos, conversamos e esta tudo resolvido. – Camila falou resumindo tudo.

 

- E onde que você a encontrou? – Normani perguntou, eu sei o que ela esta pensando.

 

- Nesse lugar que vocês esta pensando. – Falei e vi todos arregalarem os olhos, até mesmo Pedro e Angel.

 

- Por que dessas caras? – Camila perguntou rindo.

 

- Você foi no meu lugar! – Falei e ela não entendeu. – Ninguém vai lá, é o meu lugar. É o meu lugar de pensar, meu lugar de respirar, meu lugar de “viver”, e você é a única que foi lá. – Lhe expliquei e percebi que todos estavam nós encarando, mas eu nem ligava, no momento estou admirando o sorriso aumentado da Camila depois que ela soube que é a primeira á ir em um lugar especial.

 

- Vou dar uma volta... Quer ir comigo? – Camila se levanta quebrando os olhares e logo fala que ira sair, e quando ela me chama em vez de bater forte, algo para.

 

- Claro! – Falei e me levantei, logo estávamos afastadas de todos, nos não falamos nada desde então, apenas estamos andando, em total silencio, não era o tipo de silencio constrangedor, era um confortável, mas ela o quebrou.

 

- O nome: humano mutante e meio ridículo né?! – Camila falou o que eu chamo de frase mais aleatória do universo.

 

- Acho que sim, sei lá. – Falei, parei para pensar e meio que buguei.

 

- Já conheceu algum? – Ela me perguntou.

 

- Não. Você já? – Perguntei e vi-a sorrir de leve.

 

- Nossa... Já conheci tantos, matei muitos, virei amiga de poucos. – Ela fala e eu sorrio.

 

- Por que você parece que é do céu quando sorri, mas quando fala que já matou com tanta naturalidade parece que veio direto do inferno. - Falei sorrindo, e ela sorrir mais ainda.

 

- Se quando eu falo que já matei eu pareço ser do inferno, saiba que com essa sua conclusão... – Ela fala olhando para frente e para no meio da frase, até que finalmente me encara. – Eu sou o próprio diabo!

 


Notas Finais


Até a próxima! COMENTEM!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...