História Eternamente - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Saga Crepúsculo
Personagens Alec, Alice Cullen, Aro Volturi, Bella Swan, Billy Black, Caius Volturi, Carlisle Cullen, Charlie Swan, Edward Cullen, Jacob Black, Renesmee Cullen
Tags Jacob Black, Lobisomens, Personagens Originais, Saga Crepúsculo, Vampiros
Visualizações 76
Palavras 1.314
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpa a demora para postar mais e que estou produzindo outra Fanfic..

Mas o que importa é que estou aqui e tem capítulo novo na área...

Capítulo 17 - Verdade Parte 1


Os dias que Alice não foi para a faculdade foram bons para ela, tudo tinha voltado ao normal ela não estava mais distante e nem sendo grossa o tempo todo.

Aproveitei a tarde em que ela estava com a Rose e Alice em Seattle fazendo compras para falar com o Maike, eu precisava tirar umas duvidas com ele sobre o passado da Alice. Eu preciso ouvir o lado dele da história toda, eu não podia deixar ela ser enganada.

- Jacob que surpresa! – Sue atendeu a porta.

- Olá Sue, o Maike está? – perguntei e ela abriu a porta para que eu entrasse.

- Oi Jake, cadê minha filha? – Maike saiu da cozinha – Já sei, deve estar com a sanguessuga loira.

Confirmei com a cabeça e vi a expressão dele mudar, acho que não seria uma boa hora para perguntas, mas eu precisava saber.

- Mas o que traz aqui? – Sue sentou no sofá.

- Preciso saber sobre um assunto que está me perturbando desde o aniversário da Alice – os olhos do Maike se arregalaram – Eu sei que é chato, mas eu preciso saber.

- Não quero falar sobre isso – Maike se virou para olhar a televisão.

- Então tudo que me falaram é verdade? – minha voz saiu em um tom de raiva – Mentiram para a Alice durante esses 18 anos, não tiveram a coragem de contar que ela foi abandonada por você e a mãe dela.

- Eu não a abandonei – ele se levantou – Foi a Ana que a abandonou, por pura raiva por ter sido trocada por um imprinting. Eu fui até os Cullens para buscar a menina porque era um dos acordos, nada de contato com humanos e eles quebraram ao ficarem com a criança por quase 3 anos.

- Quer dizer que você .... – ele não deixou eu terminar.

- Não, eu não sou pai dela – ele se sentou no sofá – Naquela época eu já havia sofrido o imprinting pela Sue, mas como ela já tinha o Harry eu deixei ela ir, foi aí que me aproximei da Ana. Ela namorava um dos filhos de um Ancião daqui e como todo lobo, ele teve um imprinting por uma garota da cidade e foi embora.

Maike suspirou.

- Ana sumiu por quase um ano, e quando ela voltou eu resolvi seguir minha vida, mesmo com o imprinting pela Sue – ele olhou para Sue que sorriu – Contei tudo a Ana e ela disse que não ligava, nunca me passou pela cabeça que ela tinha tido uma criança.

- Até saberem da Rose. – eu disse e ele confirmou.

- Exatamente, Ana acabou me contando sobre o que fez e queria a menina de volta – ele soltou uma risada – Deveria ter deixado Rosalie cuidar da criança, era nítido que a Ana não gostava dela.

Ele se levantou e foi até para o corredor da casa e voltou com uma caixa na mão.

- Deixei guardado para o dia em que tomaria coragem para falar para a Alice – ele me entregou a caixa e lá tinha uma pulseira com o símbolo dos Cullens – Eu sempre levava ela para a clareira para que a Rosalie a visse e entregava os presentes que ela mandava, mas aí a Ana descobriu e proibiu.

- Por isso ela a levou daqui? – Maike negou.

- Alguns dias antes delas irem, soubemos que o pai da Alice estava a caminho – ele suspirou – Ana ficou louca e resolveu ir embora, sem ao menos se despedir. Eu ainda mandava os presentes da Rose em meu nome, mas a Ana não era burra não os entregava com medo que a Alice soubesse.

Eu pousei minha cabeça em minhas mãos, tentando digerir todas as informações que ouvi.

- Ela precisa saber – eu disse se levantando – Imagina se ela descobre de outra maneira? Ela não ia te perdoar nunca.

- Acha que não pensei em fazer isso – ele me olhou sério – Quando ela voltou, todo o meu tormento voltou nunca quis engana-la ou algo dessa maneira, nunca imaginei que ela se aproximaria da sanguessuga loira novamente. Desde o aniversário, de ver como a Rosalie ainda guarda o amor de mãe pela Alice, todos os cuidados com a festa, me arrependo de ter a tirado daquela família, talvez hoje ela seria como eles e estaria bem mais feliz.

Maike estava chorando e Sue o abraçou, eu imaginava a dor que ele estava sentindo por tudo que ele escondeu até hoje.

- Eu sei que tem medo dela te odiar – ele me olhou – Mas ela precisa realmente saber de tudo isso e entender o porquê da mãe a odiar tanto.

- Me um tempo – ele disse – Preciso me preparar para isso.

- Tem o tempo que precisar – eu disse me aproximando da porta – Eu vou indo, preciso resolver algumas coisas da matilha.

Tudo agora fazia sentido para mim, por um momento senti pena da Rosalie.

POV ALICE.

Estar com a Rose e a Alice no shopping era uma ótima distração, já que eu estava a alguns dias sem ir a faculdade, eu me sentia muito melhor e bem mais próxima do Jacob, estávamos saindo de uma loja quando avistei o Antony.

- Vamos naquela loja! – eu disse abaixando a cabeça para que ele não me visse.

- Já fomos nessa – Rose disse e eu a olhei – Tudo bem?

- Não – eu olhei em direção a Antony – O Antony está aqui, não quero que ele me veja.

Nós viramos em direção a loja e antes que pudéssemos entrar senti uma mão no meu ombro.

- Alice, que bom te ver – Antony me olhava com um sorriso – Pensei que estava doente?

- Oi é bom te ver também – disse me afastando – Eu estou melhorando e elas me trouxeram para me distrair.

- Entendi, você está perdendo muita matéria – ele pegou na minha mão – Se quiser posso ir até a sua casa pra te passar os conteúdos e te ajudar.

- Não precisa – Rose se aproximou e eu podia sentir a desconfiança dela no ar – Ela pediu que os professores enviassem os conteúdos via email e eu estou a ajudando.

Eu apenas confirmei e senti algo estranho ao olhar para o Antony.

- E melhor a gente ir – Alice me olhou e pegou na minha mão – Ficamos muito tempo fora, precisa descansar.

Elas não deixaram nem ele se despedir e me arrastaram para o estacionamento, algo nele estava me deixando louca, estava me sentindo sufocada.

- Posso estar errada, mas já vi aquele rosto antes – Rose disse me ajudando a entrar no carro – Você está melhor?

- Sim, obrigada meninas – eu disse me encostando na janela – Senti aquela sensação estranha novamente, só pode ser ele que faz isso.

Rose dirigiu rápido até os Cullens, a expressão de preocupação das delas era nítido enquanto estávamos na estrada, quando entramos na rua da mansão já pude avistar Edward parado com a mesma impressão que Rose.

- Será que ele pode ser um de nós? – Edward disse enquanto saiamos do carro.

- Não tenho certeza – Rose respondeu abrindo a porta – Pude ouvir o coração dele bater, o sangue fluir nas veias.

- Mas é se ele for um Hibrido como a Nessie? – Edward se sentou ao lado de Bella – Pode nos confundir perfeitamente.

Jasper entrou na sala, vindo ao meu lado.

- Independente do que ele seja, ele é poderoso – eu o olhei e pude sentir meus sentimentos mudarem – Controlar uma pessoa por completo e raro e muito perigoso.

A conversa iria longe e eu não estava com cabeça para escutar, resolvi dar uma volta no jardim, sentei em um balanço que ficava próxima a clareira em que eu treinava, meus pensamentos foram cortados por um barulho vindo de trás de umas arvores.

- Ok Jake, pode aparecer – me levantei para me aproximar – Jake? Quem está aí?

Ao me aproximar, senti algo bater na minha cabeça e tudo ficou escuro. O que estava acontecendo? 


Notas Finais


Grandes revelações iram acontecer...
e quem será que fez isso com a Alice?

Adoro vocês Manas


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...