História Ethan, Grayson ou Grethan ? - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Aaron Carpenter, Dolan Twins
Personagens Aaron Carpenter, Ethan Dolan, Grayson Dolan
Tags Dolan Twins, Grethan, Romance
Exibições 7
Palavras 731
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Primeiro capitulo da minha primeira fanfic, espero que gostem e leiam imaginando que seja vc no lugar da personagem principal. PEACE

Capítulo 1 - Primeiro dia em L.A


Fanfic / Fanfiction Ethan, Grayson ou Grethan ? - Capítulo 1 - Primeiro dia em L.A

Sempre quis morar em Los Angeles, mas nunca passou pela minha cabeça que a oportunidade apareceria tão rápido, ganhei uma bolsa para estudar em uma escola técnica para eu fazer meu curso de informática.

Estou nesse avião a 3 hrs e ainda tenho mais 6 hrs de vôo, e a única maneira de fazer o tempo passar é fazendo uma maratona de “awkward” ( minha série favorita).

Eu acabei dormindo no avião, mas graças a Deus o desembarque foi super rápido e eu já estou num táxi em direção ao meu novo apartamento. Enquanto o motorista resmunga uma musica que esta tocando no radio ao fundo eu admiro a paisagem na janela. Essa cidade é incrível, vejo pessoas caminhando a aproveitando o dia de sol, crianças cantando, músicos apresentando seus shows em troca de poucas moedas e moças lotadas de sacolas de compras nos braços.

O percurso demorou cerca de 30 minutos e finalmente cheguei ao meu novo lar (pelo menos nos próximos 2 anos). O apartamento é simples, nada de muito luxo afinal de contas eu vou ter que procurar um trabalho quando minhas economias e o dinheiro que minha mãe me deu acabar.

O motorista me ajudou a subir com as malas até o hall de entrada e foi embora. Coloquei as malas no quarto e me joguei na cama enquanto tentava colocar em ordem tudo o que tinha acontecido nas ultimas 24 hrs.

Então tomei um banho e resolvi conhecer mais o meu novo bairro. Peguei meus patins, coloquei um shorts jeans rasgados, uma camisa cinza e coloquei meu headphone no ultimo volume em uma musica qualquer.

No final da rua tem uma praça que estava cheia e então logo conclui que ali era o lugar que a galera se encontrava para jogar conversa fora. Avistei no canto uma rampa e fui treinar minhas poucas manobras, caí varias vezes até que na última queda eu realmente me machuquei e torci meu pé.

Um menino alto, moreno e um pouco bronzeado que já estava me olhando a um tempo chegou um pouco mais perto e parecia hesitar em me ajudar ou não. Então quando eu tentei levantar e não consegui ele veio até mim e disse

-Ta tudo bem? Parece que dessa vez a queda foi feia – disse ele com um cuidado nas palavras demonstrando preocupação porem com um sorriso leve nos lábios  

Eu realmente queria dizer que estava bem levantar e fazer mais algumas manobras, mas tinha realmente torcido meu pé e não tinha como disfarçar.

-Mais ou menos - tentei parecer simpática - acho que torci um pouco mas consigo eu consigo chegar em casa, obrigada

Sorri

No momento em que tentei levantar, caí novamente e senti que meu pé direito pesava umas 2 toneladas, com certeza eu precisaria de muito gelo.

-Pode deixar que eu te ajudo, voce mora longe daqui ?

-Não muito, umas duas quadras mais ou menos

Ele começou a me erguer nos braços dele. Eu quase entrei em desespero porque eu nunca gostei muito de me sentir fraca. A sorte é que ele indo em direção ao estacionamento da praça , um carro agora seria a melhor coisa.

Ele parou entre um Sedan e uma bicicleta roxa com bagageiro , então ele me colocou em pé, enquanto eu me equilibrava em apenas uma perna e esperava ele pegar as chaves do carro, mas ao invés disso ele pegou a bicicleta e com um ar convidativo e disse:

-Consegue subir sozinha?

-Consigo sim, pode deixar

Eu subi com um pouco de dificuldade e ouvi uma risada abafada vindo dele.

Ele começou a pedalar tranquilamente, acredito eu procurando algo para falar.

-Eai, de onde voce é ? É nova por aqui né ?

-Uhum .. cheguei hoje de manhã (...) Vira a próxima esquerda, terceiro prédio.

-Mal chegou e ja caiu milhares de vezes, andou de bicicleta e conheceu um menino super prestativo. - ele disse rindo

-Minha mãe sempre me chamou de "furacão s/n" .

Ele riu e desceu da bicicleta comigo ainda em cima e foi andando com a bicicleta até o portão do prédio

-Não tenho dúvidas de que ela estava certa, mas qual seu verdadeiro nome senhorita furacão

- S/N, mas geralmente todo mundo me chama de S/A ... e qual seria o nome desse menino super prestativo ?

- Ethan e pode me chamar do que quiser (...)

 

Continua


Notas Finais


Será que S/N conhece o Ethan de algum lugar ? Parece que eles gostaram um do outro, ou será apenas primeira impressão ? Não perca os proximos capitulos

PEACE


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...