História Ethan, Grayson ou Grethan ? - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Aaron Carpenter, Dolan Twins
Personagens Aaron Carpenter, Ethan Dolan, Grayson Dolan
Tags Dolan Twins, Grethan, Romance
Visualizações 27
Palavras 731
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Primeiro capitulo da minha primeira fanfic, espero que gostem e leiam imaginando que seja vc no lugar da personagem principal. PEACE

Capítulo 1 - Primeiro dia em L.A


Fanfic / Fanfiction Ethan, Grayson ou Grethan ? - Capítulo 1 - Primeiro dia em L.A

Sempre quis morar em Los Angeles, mas nunca passou pela minha cabeça que a oportunidade apareceria tão rápido, ganhei uma bolsa para estudar em uma escola técnica para eu fazer meu curso de informática.

Estou nesse avião a 3 hrs e ainda tenho mais 6 hrs de vôo, e a única maneira de fazer o tempo passar é fazendo uma maratona de “awkward” ( minha série favorita).

Eu acabei dormindo no avião, mas graças a Deus o desembarque foi super rápido e eu já estou num táxi em direção ao meu novo apartamento. Enquanto o motorista resmunga uma musica que esta tocando no radio ao fundo eu admiro a paisagem na janela. Essa cidade é incrível, vejo pessoas caminhando a aproveitando o dia de sol, crianças cantando, músicos apresentando seus shows em troca de poucas moedas e moças lotadas de sacolas de compras nos braços.

O percurso demorou cerca de 30 minutos e finalmente cheguei ao meu novo lar (pelo menos nos próximos 2 anos). O apartamento é simples, nada de muito luxo afinal de contas eu vou ter que procurar um trabalho quando minhas economias e o dinheiro que minha mãe me deu acabar.

O motorista me ajudou a subir com as malas até o hall de entrada e foi embora. Coloquei as malas no quarto e me joguei na cama enquanto tentava colocar em ordem tudo o que tinha acontecido nas ultimas 24 hrs.

Então tomei um banho e resolvi conhecer mais o meu novo bairro. Peguei meus patins, coloquei um shorts jeans rasgados, uma camisa cinza e coloquei meu headphone no ultimo volume em uma musica qualquer.

No final da rua tem uma praça que estava cheia e então logo conclui que ali era o lugar que a galera se encontrava para jogar conversa fora. Avistei no canto uma rampa e fui treinar minhas poucas manobras, caí varias vezes até que na última queda eu realmente me machuquei e torci meu pé.

Um menino alto, moreno e um pouco bronzeado que já estava me olhando a um tempo chegou um pouco mais perto e parecia hesitar em me ajudar ou não. Então quando eu tentei levantar e não consegui ele veio até mim e disse

-Ta tudo bem? Parece que dessa vez a queda foi feia – disse ele com um cuidado nas palavras demonstrando preocupação porem com um sorriso leve nos lábios  

Eu realmente queria dizer que estava bem levantar e fazer mais algumas manobras, mas tinha realmente torcido meu pé e não tinha como disfarçar.

-Mais ou menos - tentei parecer simpática - acho que torci um pouco mas consigo eu consigo chegar em casa, obrigada

Sorri

No momento em que tentei levantar, caí novamente e senti que meu pé direito pesava umas 2 toneladas, com certeza eu precisaria de muito gelo.

-Pode deixar que eu te ajudo, voce mora longe daqui ?

-Não muito, umas duas quadras mais ou menos

Ele começou a me erguer nos braços dele. Eu quase entrei em desespero porque eu nunca gostei muito de me sentir fraca. A sorte é que ele indo em direção ao estacionamento da praça , um carro agora seria a melhor coisa.

Ele parou entre um Sedan e uma bicicleta roxa com bagageiro , então ele me colocou em pé, enquanto eu me equilibrava em apenas uma perna e esperava ele pegar as chaves do carro, mas ao invés disso ele pegou a bicicleta e com um ar convidativo e disse:

-Consegue subir sozinha?

-Consigo sim, pode deixar

Eu subi com um pouco de dificuldade e ouvi uma risada abafada vindo dele.

Ele começou a pedalar tranquilamente, acredito eu procurando algo para falar.

-Eai, de onde voce é ? É nova por aqui né ?

-Uhum .. cheguei hoje de manhã (...) Vira a próxima esquerda, terceiro prédio.

-Mal chegou e ja caiu milhares de vezes, andou de bicicleta e conheceu um menino super prestativo. - ele disse rindo

-Minha mãe sempre me chamou de "furacão s/n" .

Ele riu e desceu da bicicleta comigo ainda em cima e foi andando com a bicicleta até o portão do prédio

-Não tenho dúvidas de que ela estava certa, mas qual seu verdadeiro nome senhorita furacão

- S/N, mas geralmente todo mundo me chama de S/A ... e qual seria o nome desse menino super prestativo ?

- Ethan e pode me chamar do que quiser (...)

 

Continua


Notas Finais


Será que S/N conhece o Ethan de algum lugar ? Parece que eles gostaram um do outro, ou será apenas primeira impressão ? Não perca os proximos capitulos

PEACE


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...