História Etherious Natsu Dragneel - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Grandeeney, Gray Fullbuster, Happy, Igneel, Jellal Fernandes, Jude Heartfilia, Laxus Dreyar, Layla Heartfilia, Levy McGarden, Lisanna Strauss, Lucy Heartfilia, Minerva Orland, Mirajane Strauss, Natsu Dragneel, Rogue Cheney, Sting Eucliffe, Virgo, Wendy Marvell, Yukino Aguria
Tags Etherious Natsu Dragneel, Fairy Tail, Lucy, Nalu, Natsu
Exibições 86
Palavras 882
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Capitulo pequeno? Sim, me desculpem!
Mas de recompensação, quinta-feira ou sexta-feira postarei outro!
B
O
A

L
E
I
T
U
R
A
💙

Capítulo 2 - Capitulo dois - Obrigada!


CAPÍTULO II

- Está com medo? Fique tranquila, não irá doer. – Ele tira minha blusa, tento impedir, mas não consigo. – Que peitão. – Fala malicioso. Então é assim que será minha primeira vez? Por um cara que nem conheço, e a força? Não era assim que eu sonhava. Começo a chorar e a gritar desesperada, na tentativa de alguém me ouvir. – Não vai adiantar, ninguém vai te ouvir, estamos muito longe da área habitada. – Ele começa a tentar tirar minha calça, começo a me debater, até que entra alguém pela porta.




- Solte-a. – Disse o meu salvador. Ou não... – Não vai dividir comigo, maninho? – Disse um homem alto moreno, que eu acho que é irmão do loiro.


- Não, saia daqui! – Diz o loiro. – Eu achei ela, ela é minha.


- Que egoísmo, maninho. Assim eu vou ficar magoado. – Diz o moreno fingindo estar magoado. Ele começou a vir em minha direção e me pegou pelo braço.


- ME SOLTA! – Grito chorando.


- Quietinha. Se você se comportar, prometo voltar mais vezes. – Agora os dois estavam me segurando, um que cada lado. O loiro tira meu sutiã, enquanto o moreno tira meus sapatos, logo tirando a calça.


- Que gostosinha. – Diz o loiro massageando meus seios. Eu não quero isso! Eu não tenho chances de fugir, serei abusada e não posso fazer nada para mudar isso... Espera, posso sim.


- Sua vadia desgraçada! – Grita o moreno quando eu chuto seu membro, impedindo-o de tirar minha calcinha. Saio correndo. – Vá atrás dela, imbecil! – Assim que o moreno grita, o loiro corre atrás de mim. Olho para trás ele estava quase me alcançando. Quando viro para frente, esbarro no rosado. Abraço-o por impulso.


- Vem cá sua vadia! – Grita o loiro correndo, mas para quando percebe a presença do rosado. – O-oi Etherious. – Diz gaguejando. Parece que o loiro teme o rosado.


- Sting, Sting, quantas vezes terei que te dizer para não mexer no que é meu? Eu a encontrei, ela é minha! – Vou atrás do rosado, no momento, ele era o menos perigoso.


- E-eu não sabia que ela era sua escrava. Ela não estava na sua casa, e-então achei que ela estava perdida. – Mente o loiro.


- Loira, isso é verdade? – O rosado me olha sério. Nego com a cabeça. – Bom, então terei que tomar devidas providencias, Sting.


- Ora Etherious, ela está mentindo. Vai mesmo acreditar em uma mera humana, do que em mim, o seu amigo? – Mente de novo o loiro. Ele não se cansa de mentir?


- Isso não é verdade! Eu não estou mentindo! – Me manifesto. Não podia deixar ele mentir, vai que o rosado se zanga comigo. – Eu estava na casa dele, e você chegou junto do seu irmão e tentou me abusar! – Quando digo isso, lembro do meu estado e fico muito corada, me escondo ainda mais ainda atrás do rosado.


- Percebo que ela diz a verdade. – O rosado tira a camisa e me entrega, visto-a depressa. – Eu não quero mais você mexendo no que é meu, quantas vezes ainda tenho que te dizer?!– E como assim, seu irmão? Onde Rogue está? – O rosado diz o fuzilando com o olhar.


- E-ele está em s-sua casa.


 

Seguimos até a casa do rosado, chegando lá, encontramos o moreno, que pelo que eu percebi, se chama Rogue, roubando alguns pertences do rosado.


- Olá, Rogue. Poderia devolver-me as minhas coisas? – Diz o rosado vendo Rogue guardar as coisas que havia pego. – Obrigado. Peço também, que não ouse mais tocar no que é meu, ou terei que tomar devidas providencias. Me ouviu bem?


- Sim, mas como assim “não ouse tocar no que é meu”? Até agora não vi seu nome, ou sua marca nela, então como pode me dizer que ela é sua? – Diz Rogue, desafiando o rosado.


- Não ouse me desafiar, Rogue. Você sabe muito bem com quem está mexendo. Eu posso muito bem mexer uns pauzinhos, e logo todo o Reino das Trevas ouvirá “ Rogue está morto. ” – Diz o rosado.


- Ui Etherious, perigoso. Bom, vou indo, já passei muito tempo com a sua presença. Até mais, não sinta minha falta! – Diz Rogue, saindo com o loiro logo em seguida.


- Loira, você está bem? – O rosado se vira para mim.


- E-estou. Quem eram eles?


-  Rogue e Sting, se acham de mais. Rogue tem a ilusão de ser o futuro Rei do Reino das Trevas. E Sting, é só mais um vagabundo.


- M-muito obrigada. Muito o-obrigada mesmo! – Digo sorrindo.


- De nada. Vou para o meu quarto descansar, vá para o seu também, fará bem a você. Ele fica ali – Diz apontando para o quarto e saindo.


- Espere. - Chamo sua atenção.


- Diga. - Diz parando e se virando para mim.


- Como é o seu nome? - Pergunto.

- Etherious, Etherious Natsu Dragneel. - Responde

- Que nome lindo. - Digo sorrindo


- Obrigado, eu acho. E o seu? - Cora um pouco.

- Lucy.

- Boa noite Luce. – Quando ele diz isso, percebo que já era noite.

- Boa noite, Natsu. – Vou em direção ao quarto que Natsu me apontou. Ele faz o mesmo, mas vai para o seu quarto. Deito-me na cama. Minha vida virou uma loucura do dia para a noite. Logo após adormeço.


Notas Finais


Bom, espero que tenham gostado!
Até quinta ou sexta, ou até os comentários!
Beijos de pandas 💜🐼💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...