História Eu amo o idiota do meu irmão (Imagine Mark) - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Got7
Personagens Baekhyun, BamBam, Chanyeol, Chen, D.O, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, JR, Jungkook, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Sehun, Suga, Suho, Tao, V, Xiumin, Youngjae, Yugyeom
Tags Bts, Exo, Got7, Mark
Exibições 163
Palavras 1.167
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Espero que gostem 😍👊

Capítulo 4 - Eu te amo 😍💕


Fanfic / Fanfiction Eu amo o idiota do meu irmão (Imagine Mark) - Capítulo 4 - Eu te amo 😍💕


Então saímos da escola, fomos para a praça que tinha na frente nos sentamos na mesma em uma roda com Jack e Mark ao meu lado.


-O que acham de uma festa de bem-vinda atrasado? - Disse Baek.

-Eu topo - respondi

-Eu também - disse BamBam

-E nós também - falou Kook apontando para os outros meninos.

-Ok então partiu fazer uma festa, porém terá que ser sábado. -Falou D.O

Demos risadas e conversamos um pouco, depois de um tempo e fomos embora já que tínhamos uma festa para montar em um dia.

Cheguei em casa fui direto para o meu quarto e a primeira coisa que eu fiz foi trancar a porta para o Mark não entrar.

Fui no banheiro tomei banho e coloquei um short solto e uma blusa que tampava o mesmo e desci para comer.

Quando cheguei na cozinha o Mark estava cozinhando (sim aqui ele sabe 😂😂👊).

-Quer ajuda? -Perguntei.

-Quero, está difícil fazer comida sozinho. -Falou sorrindo.

Dei uma pequena risada e o ajudei com a comida depois de 1hr a comida estava quase saindo do fogo, resolvi arrumar a mesa, o Mark colocou as coisas na mesa e nós nos sentamos para comermos.

-Mark? -Perguntei.

-Sim? -Falou grosso.

-Onde iremos fazer a festa?

-Na casa do Jackson. -Falou bufando.

-Sério?

-Sim, eu não sei se vou - falou colocando um sorriso falso no rosto.

-Porque?

Ele ficou me encarando e se aproximou o máximo que podia.

-O que vou fazer lá? Ver o Jackson beijar a pessoa que mais amo na vida? Você é tão idiota será que não vê?

-Mark o que você está falando?

-ESTOU FALANDO QUE TE AMO S/N, ESTÁ DIFÍCIL ENTENDER?  

Apenas fiquei o encarando de boca aberta.

-Mark lógico que não acredito. Você sabe bem porque não acredito em suas palavras...

Quando ia terminar ele me interrompe com um beijo, pedindo passagem que óbvio eu cedi, nosso beijo ia ficando cada vez mais necessitado, cada um voltando a conhecer cada canto da boca de cada um até termos que nos separamos por falta de ar. Paramos e ficamos um encarando o outro.

-Eu juro que não namorava ela, eu te amava e ainda amo. -Falou em meio às lágrimas.


-Mark eu também amo você, mas estou com o Jackson e isso é errado.

-Não é errado se ninguém saber. -Falou.

E lá estávamos nós nos beijando mais uma vez me levantei do banco e parei em sua frente ele colocou uma mão em meu cabelo é a outra em minha cintura apertando ela de leve. Eu não sei ao certo o que senti, eu sempre o amei, mas depois do dia em que eu e o Mark… eu tinha me distanciado dele nunca que nós dois iríamos dar certo somos irmão e ele poderia me magoar novamente e também isso era errado muito errado. Continuamos a nos beijar até a campainha tocar.

-Sério? Logo agora? - Disse Mark fazendo bico.

-Já vai - gritei - já volto oppa.

-Ok. -falou me dando um selinho.

Fui até a porta e abri ela dando de cara com o Jackson. Meu Deus tinha que ser ele? Justo agora.

-Oi meu amor.

-Oi Jack.

-Atrapalho?

-Não. -Dei uma risada meia sem graça -eu estava comendo.

-A então volto outra hora.

-Não já que está aqui fica. Já comeu?

-Ainda não.

-Então vem tem almoço para todos.

Ele assentiu com a cabeça e entrou e me deu um selinho, fechei a porta e fomos até a cozinha quando Mark viu o Jackson o sorriso que havia em seu rosto sumiu, e um clima tenso ficou rodeando o lugar. E eu como sempre não sabia o que fazer.

-Olá Mark.

-Oi Jackson.

-Vamos comer - disse dando pulinhos.

-Vamos - disse Jack.

-Eu vou subir, perdi a fome - Mark.

Ele se levantou e subiu para seu quarto deixando apenas eu e o Jack. Olhei para ele e o mesmo me encarava com uma cara de “o que está acontecendo”. Apenas coloquei um sorriso de lado e peguei um prato e coloquei comida um tanto que eu sabia que o Mark iria comer.

-Já volto. Vai comendo.

-S/n eu vou embora. Depois eu volto ok?

-Sério? Ok

Fui com ele até a porta e fiquei a encará-lo, ele veio até mim e me deu um beijo simples sem passagem sem nada.

-Eu te amo S/n

-Eu também Jack

Ele se virou e saiu coloquei um sorriso no rosto e fui até a cozinha pegar o prato de comida, subi até o quarto do Mark. Abri a porta com cuidado e ele não estava lá coloquei a bandeja em cima da cama e fui procurá-lo e vi que a porta do banheiro dele estava aberta e fui até lá me dei de cara com o meu querido irmão tomando banho, senti minhas bochechas pegarem fogo, ele estava de costas então não vi muita coisa (😭😭😭😭😭😭), tentei sair o mais rápido possível dali. Me sentei na cama dele e fiquei esperando ele sair.

Ele apareceu só de toalha com aquele perfeito abs todo molhado como não encarar ou pensar naquilo? Seu cabelo estava grudado no rosto, aquela cena olha me deixou molhada de verdade. Era tipo um hipnotizador que se você olhasse não tinha mais como parar.

Ele estava parado em minha frente com um sorriso no rosto, e percebi que eu estava encarando o abs dele, meu Deus que vergonha me senti corar mais uma vez.

-Que feio, seu namorado está lá embaixo e você está aqui encarando meu abs. -falou

-Primeiro ele não está lá embaixo ele já foi, segundo o que é bonito e para se olhar, terceiro eu não estou namorando com ele ainda não voltamos.

-Ainda? - E seu sorriso sumiu mais uma vez.

- Eu vim só trazer comida, já estou saindo -falei me levantando.

Senti ele pegar no meu braço me puxando para mais e mais perto de seu corpo, até nossos corpos estavam todos grudados, ele me beijou com agressividade, pedindo passagem que cedi, aquele beijo estava ficando muito quente até demais, ele me pegou em seu colo me encostando na parede sem parar o beijo, começou a morder meus lábios forte fazendo com que eu soltasse alguns gemidos de dor. E logo perdemos o ar e separamos nossas bocas e continuamos onde estávamos. Ficamos nos encarando por um tempo até voltarmos a nos beijar sem falar algo sequer é nos separando, mas uma vez pela falta de ar. Ele me soltou e foi até a cama tirando a bandeja que havia nela. Ele se sentou nela e logo me puxou fazendo com que eu me sentasse em seu colo e começamos a nos beijar com pedido de passagem e tudo que era direito. Ele começou a passar suas mãos em meu corpo começando a tirar minha blusa, começando a descer os seus beijos até meu pescoço dando mordidas e chupões que não eram tão fortes para não deixar marcas eu o deitei na cama ficando por cima e comecei a beijar desde a boca até seu abs dando algumas mordidas de leve.

Até que uma pessoa sem graça nos atrapalhou. Escutamos a campainha tocar.

-A não mais uma vez não. -resmungos Mark.

Dei risada e me levantei pegando minha blusa e a colocando. Desci as escadas e fui até a porta abrindo-a dando de cara com...


Notas Finais


E ai? O que acharam? 😍👊
Me desculpem os erros e até o próximo 😍 amo vocês 💕😍👊👊


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...