História Eu e o meu garoto bobo - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 7
Palavras 965
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Boa leitura seus lindos.

Capítulo 4 - Decisão


P.O.V Eduardo

 Hoje acordei com tanta preguiça... Acho que não vou pra escola... Fico um tempo tentando dormir novamente, mas eu não consegui, ela não deixou. Arghhhhhh Camila! Nossa... essa garota me tira do sério, desde a primeira vez que eu á vi, não consigo me imaginar em um futuro sem ela, tão linda e simpática.... Será que ela aceitou o meu pedido de melhor amigo? Ahhh!!!! EU PRECISO IR PARA A ESCOLA URGENTEMENTE!!!!!!!!!! Olhei as horas, e ainda eram 5:40, ainda tenho 20 minutos de descanso...

 Acordava novamente só que com o barulho insuportável desse maldito despertador, ia correndo para o banheiro fazia a minha higiene matinal, depois do tal ato parecia mais disposto, descia as escadas indo até e a cozinha olhando para a minha mãe, ela estava colocando o café da manhã na mesa.

 -Bom dia querido, parece mais feliz hoje.

 -Bom dia- me sentava, preparando o meu pão colocando uma geleia de amora, adorava o sabor, logo minha mãe me dava à xícara de café- que bom que a senhora acha isso, hoje vai ser muito importante manter toda essa felicidade.

 -Importante? Por quê?

 -Ehh Nada de mais sabe...

 -Ok... Mas, o que tá achando da nova escola?

 -Am... eu tô achando bem legal, fiz umas novas amizades, conheci uma....uma....

 -Uma menina?

 -Não! Uma... professora bem legal ela faz várias piadas além de explicar tudo bem detalhado sabe?

 -Hummm que bom... -minha mãe me olhava com um olhar meio desconfiado- Filho hoje eu vou sair com o seu pai e eu espero que você cuide da casa por mim, certo?

 -Oh tudo bem.

 Terminava de comer, logo visualizava as horas pelo celular, já tava na hora, minha mãe já estava á minha espera já havia entrado no carro, pegava a minha mochila e logo eu entrava no carro também.

P.O.V Camila

  Cheguei na escola um pouco atrasada, já estavam todos na sala de aula, se demorasse mais dois minutos lá fora com certeza não me deixariam entrar. A aula começou, ela estava bem legal gostava um pouco de mexer com números até que era divertido, mas quando eu começava a errar as questões... Eu fico FURIOSA. Pelo visto o Du era bem participativo, realmente ele gostava de matemática, ah em pensar nele, esqueci de decidir sobre eu ser a melhor amiga dele... Sim ou Não? Eis a questão... Bom eu acho que sim, ele é legal... Muito sorridente, bonito... Ou não acho que estaria dando muito mole para ele... Nem o conheço direito, primeiro tenho que saber como ele é realmente... Eh acho que já me decidi, por enquanto não.

 A segunda aula era história, ouvi a professora comentar algo sobre fazer duplas para um trabalho, logo fixava o meu olhar na Melissa, ela logo me olhava e sussurrava algo sobre ser nós duas, porém a professora falou algo sobre ela mesma montar as duplas, ouvindo toda a classe protestar, acabava ficando chateada, eu e Melissa somos boas em história.

 As duplas estavam sendo formadas, quando a prof chamou Melissa fiquei um pouco esperançosa em sermos nós duas , porém ela seria com um dos meninos mais bonitos da sala, que sortuda... Vendo que só sobrava eu e mais 3 alunos, me senti isolada que chatice, ou NÃO o Eduardo estava sozinho também, outros dois alunos era formados, e nessa hora eu fiquei tão feliz e sem graça, pelo visto eu e o Eduardo formaríamos duplas, ele parecia feliz até de mais, isso me fez ficar um pouco envergonhada, ele puxava a sua carteira junto a minha, me olhava e abria um sorriso tão fofo, logo falava:

 -Hey está tão vermelha... o que há de errado?-essa não...Mais que droga! por que eu sempre fico vermelha perto dele? ARGHHHH

 -N-não e-eu é que eu estava s-sozinha e tipo eu a-acabei ficando t-triste sabe?

 -Ei quando tá gaguejando, é porque tá mentindo- ele levava o seu braço ao meu ombro me puxando mais pra perto, awww essa sensação louca! Que merda! Sentir o corpo dele me deixava ainda mais envergonhada.

 -N-não eu estou a-apenas triste e isso é v-verdade- percebendo que estava um bom tempo colada ao seu corpo- Ei desgruda quem você pensa que e para ficar me abraçando?

 -Calma estava apenas tentando te ajudar...

 -Mas não ajudou!

 -Como você é fofa zangada rsrsrs

  -Por que todos tem que dizer isso?

 -Oras porque você é linda-acabava ficando bem mais vermelha, virava a minha cabeça para o lado, evitando olhar para ele.

 -Hey foi mal, e você já pensou sobre a minha proposta?- ele acariciava meus cabelos, confesso que era maravilhoso, mas não podia ficar assim.

 -Não te conheço! Não quero ser sua melhor amiga! E pode parar, nada de contato físico!

 Olhava para ele, seu rosto estava levemente corado, logo ele ria, virava novamente o rosto, provavelmente ainda estava vermelha, tenho que controlar essas emoções desnecessárias, respirava calmamente até ficar mais confortável.

 -Ei o que estamos fazendo? Precisamos fazer esse trabalho- ele falava e eu começava a ler o livro.

 -Tens razão.

 Combinamos de ele ler uma página e eu ler outra, até que ele era inteligente, gostava de escutar as opiniões dele em relação os fatos ocorridos, ele era engraçado. O sinal para a próxima aula batia, e antes de a professora sair da sala ela nos mandou um recadinho:

 “ Quero esse trabalho amanhã, se quiserem podem combinar de fazerem na casa do colega, nada de brigas, prof ama vocês  ”

 -Então na minha ou na sua?- eu perguntava.

 -Na minha, meus pais não vão estar lá hoje então... Vai ser melhor para estudar, o que acha?

 -Ok então.

 Ele me dava o endereço, e combinava de eu ir hoje umas 3:00 da tarde, até que a companhia dele era legal, creio que hoje a tarde vai ser bem divertido.


Notas Finais


Hummm.... Tá começando a ficar legal....
Obg por lerem, até o próximo cap.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...