História Eu e Você! - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Chloé Bourgeois, Hawk Moth, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nathanaël, Nino, Personagens Originais, Plagg, Sabine Cheng, Sabrina, Tikki, Tom Dupain
Exibições 116
Palavras 1.075
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Escolar, Magia, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


E-Eu, senti muita vontade de chorar nesse cap, sério...
Desculpe os possíveis erros!
~Boa leitura.

Capítulo 21 - Desequilíbrio! Adeus, Tikki, Plagg...


Fanfic / Fanfiction Eu e Você! - Capítulo 21 - Desequilíbrio! Adeus, Tikki, Plagg...

Marinette  ON

-OLHA!! Rápido!!- Digo me desprendendo dele e apontando para uma direção, assustada. Ele se vira e vê a Alya e o Nino se beijando, ai, como eu SHIPPO!

-Eles... estão namorando? Oquê eu perdi aqui?

-Haha, em 2 anos houve muita pegação e paixonite, porém eles não estou namorando, ainda.- Eu noto que eles iam se virar então puxo o Chat para trás de um muro.

-Você esqueceu? Ainda está como Chat! 

-Ixe... é mesmo, vem!- Ele me puxa, pega o seu bastão e me leva para cima de um prédio.

-Nossa... como eu estou desacostumada com a altura...- Digo virando o rosto, estou um pouco enjoada.

-Enjoou?

-Hu-hun...  faz tempo que não viro Ladybug.

-Porquê?

-A cidade está calma de mais, sem akumas, Cats Girls a solta... sem confrontos.

-É... sabe, lá na Inglaterra, tudo também era calmo. 

-Hum... eu até sinto saudade... saudade do cupido negro... da princesa perfume... da antibug, haha. Apesar de tudo... eu gostava de ser a Ladybug.

-Não gosta mais?

 -Não é isso... em breve teremos que devolver os miraculous e os Kwamis, você sabe, né?

-Sim...- Diz ele triste.

-Maaas... ficará tudo bem. Já está tarde... eu tenho que ir.

-Quer que eu te leve?

-Não precisa, eu vou sozinha. Tikki, transformar! Yeh!

-Prontinho, chego lá rapidinho! Tchau, Chat.

-Ei...

-Hum?

-Deixa pra lá. 

-Tá. Tchau!

Eu jogo o meu ioiô e vou até em casa onde na varanda de meu quarto, me destransformo.

-Tikki, venha.

-Urg...

-Tikki?!- Digo indo até a pequena, que parecia sentir dor, ou algo assim.

-M-Ma... marinett...e...- Ela desmaia.

-TIKKI!!  Tikki!! Ai meu deus!! Eu preciso ir até o Mestre Fu!

Marinette OFF

Adrien ON

Eu me destransformo e entro no quarto pela janela.

-Pronto, agora... você quer camembert?- Digo pegando o pote com o queijo fedido dentro e me virando para ele.

-A-A...dr...ien... a-ajud- Ele desmaia.

-PLAGG!!! ACORDA!! EU PRECISO IR ATÉ O MESTRE FU!

Adrien OFF

Narrador ON

Eles correram o máximo que podiam, assim, chegaram ao mesmo tempo na casa de Mestre Fu.

-MESTRE! Preciso de sua ajuda, a Tikki...

-MESTRE! Preciso de sua ajuda, o Plagg...

-Hã? Com você também?- Diz a mestiça.

-Sim...- Responde o loiro.

-Ho... Chat Noir e Ladybug...   me dê eles.

-Sim.

Eles dão os Kwamis ao Mestre Fu, que pega os mesmos, colocando-os na caixa do miraculous.

-Podem me dar os seu Miraculous?

-Mas eles vão desaparecer!- Diz a azulada.

-É por isso que preciso dos brincos e do anel.

-Hum... ok.

Eles entregam os seus Miraculous e como dito, os Kwamis somem.

-Preciso voltar com o equilíbrio de novo...

-E como se faz isso?!- Pergunta desesperado o loiro.

-Se a um desequilíbrio... é porquê a missão deles já acabou.

-Como assim?!

-Simples, eles não precisam mais servi-los. A missão deles já acabou desde a luta final, há 2 anos. Então desde aquele dia, eles vem se enfraquecendo, e agora perderam as energias de vez. 

-Então...

-É... eles terão que descansar, no caso esperar até que precisem voltar, então outros  portadores ocuparão o lugar de mestres de vocês. 

-OQUÊ?! NÃO! Eu preciso da Tikki!!

-Entenda, Marinette. A missão deles não é fazer companhia  à alguém... a missão deles é ajudar e proteger as pessoas do mal, junto ao seus portadores.

-ENTÃO PORQUÊ ESTÁ COM O WAYZZ?! VOCÊ NEM SE QUER LUTA MAIS!!- Diz a Azulada com uma mistura de frustração, raiva e tristeza, com lágrimas caindo de seu rosto.

-Eu fui escolhido como um Mestre, então ele tem que ficar comigo, até minha morte. 

-F-Fique calma, Mari...

-NÃO! NÃO DÁ PRA MIM VIVER SEM SER A LADYBUG! NÃO DÁ! A Tikki... é mais que um Kwami pra mim... ela é minha amiga! Nós estamos a 4 anos juntas! EU NÃO ACEITO ISSO!- Ela diz e sai correndo dali.

-Des... desculpe, Mestre Fu...

-Não se preocupe, ela ficará bem.

-Está sendo difícil para nós dois... acredite... apesar de tudo, o Plagg era o meu amigo... mesmo irritante as vezes... eu sei que ele se preocupava comigo.

-É difícil... mas as vezes, temos que sentir dor para poder prosseguir.- Diz o mais velho colocando a mão sobre o ombro do mais novo, então ele se vira e sai.

Com Marinette...

Ela estava sentada na calçada, olhando para o céu.

-Porquê, Deus? Eu... eu...- Lembranças com sua amiga, Tikki, vem a cabeça.

-Mas... até que o Adrien é bem bonitinho.

-Haha, Tikki! 

-Ué, é verdade, Marinette!

******

-Marinette! Você consegue! Não fique assim...

-Obrigada, Tikki...  mas... eu ainda o amo... e eles está longe!

-Aguente firme! Ele também deve estar sentindo sua falta!

******

-Será que eu vou passar nessa prova?!

-Claro que vai! Você é a melhor design que já vi!

-Haa, Tikki! Nem é pra tanto!

-Hihi! É sim!

******

-Sem a Tikki... qual sentido vai ter minha vida? Primeiro o Adrien... depois a Tikki...

-Eu também estou sentindo a falta do Plagg. Mesmo tendo aquele jeito chato dele... nós éramos bons amigos!- Diz Adrien se sentando ao lado dele.

-Adrien...

-Sim?

-Lembra... de quando falamos sobre o nosso futuro? A dois anos atrás?

-Sim.

-Agora... não teremos mais um papel de heróis para se encaixar ao nosso futuro... mas se´ra que o nossof uturo será tão bom assim... 

-Porquê está falando isso?! É claro que será!

-Não... sabe, parece que minha vida é amaldiçoada... você se foi... mas voltou, agora ela não voltará...

-Ei! Não pense isso! Quem sabe o nosso filho ou filha vire Ladybug ou Chat Noir?

-Eu não sei... *Suspiro* está tudo confuso, afinal,  são 4 anos de Ladybug e Chat noir... "Os heróis mais amados de Paris".

-É... o tempo voou.

-Sim, voou... oquê faremos de agora em diante?

-Não sei. 

-Eu vou sentir falta do meu gatinho.

-Como assim? Eu estou na sua frente!

-Eu sei, é que as personalidades mudam bastante quando viramos heróis... e sem isso... uma parte de mim morre.

-Vou tentar ao máximo virar o famoso, lindo amado, musculoso...

-Chega!  Viu? Você  já virou ele! Na verdade... você sempre foi ele, só não sabia.

-Eu sei. A minha mãe voltou, meu pai mudou um pouco, mas... minha vida não continua como eu esperava...

-É... sem eles...  eu também fico um pouco vazia...

"Adeus, Tikki, eu nunca me esquecerei de você, pequena." Pensa a azulada, enquanto deixava sua cabeça cair sobre o ombro do loiro, que por sua vez, pensava o mesmo de Plaag.

Será mesmo o fim de Ladybug e Chat Noir? 

CONTINUA...

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...