História Eu fui obrigada a isso - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias ASTRO, Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Eunwoo, Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jinjin, Jisoo, Jungkook, Lisa, MJ, Moonbin, Rap Monster, Rocky, Rosé, Sanha, Suga, V
Exibições 35
Palavras 692
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii, tudo bom?
É minha primeira fanfic, espero que gostem e me dêem dicas nos comentários para que eu possa deixa lá melhor.
Aproveitem a fanfic ♥♥

Capítulo 1 - Capítulo 1: Escola chata


Fanfic / Fanfiction Eu fui obrigada a isso - Capítulo 1 - Capítulo 1: Escola chata

EU NÃO ACREDITOOO. Além de me obrigar a me mudar para um outro país, a minha mãe me manda pra Coréia do Sul. Quando sai do avião e vi onde estava eu dei um grito tão auto que achei que até minha mãe, que morra no Brasil, iria escutar.

-Oi, tudo bem moça?- disse uma menina que havia se assustado com o meu grito -Perdeu algo?- perguntou ainda confusa pelo grito.

-Sim- eu respondi- o afeto pela minha mãe- respondi e sai bufando. 

Sai do aeroporto e peguei um táxi para o endereço que minha mãe me passou. 

       ~Quebra de tempo~

Cheguei em um apartamento até que bem bonito. Entrei no elevador e apertei o botão número 402. Ao chegar entrei no apartamento, tranquei a porta, larguei minhas malas no chão (até que enfim, elas tava pesadas) e logo percebi que meu celular estava tocando. Depois de tanto procurar acho meu celular que estava dentro da minha mala, olhei para ele e vê que era a minha mãe (primeiro, como foi parar lá? Segundo, tenho que arrumar minha mala e terceiro, porque em nome de Deus ela tá me ligando).

^Ligação^

-ALO- ela disse gritando- É a Nikki?

-Não grita mãe, sou eu sim porque?- digo mostrando que estou brava.

-Tá bravinha porque? Eu queria estar no seu lugar, você tem muita sorte sabia?- disse super felizinha.

-Primeiro, eu tô brava pelo fato de... EU TER SIDO OBRIGADA A VIR PARA CÁ PORQUE VC QUIS. Segundo eu não acho que tenho sorte, pois se tivesse não estaria aqui- disse já sem paciência. 

-Af menina, só queri saber se chegou bem, mas vejo que chegou então tenho que desligar. Se cuida viu, tchau- disse esperando eu dar tchau. 

-Thau- disse desligando

^Fim da ligação^

Olhei para o relógio e já eram 22:00, MEU DEUS, corri e comecei a preparar minhas coisas. Havia me esquecido completamente que amanhã teria aula, merda.

       ~Quebra de tempo~

Acordei e olhei para o relógio, fiquei aliviada de ver que tinha acordado cedo e teria bastante tempo para me preparar psicologicamente.

Tomei um banho botei o uniforme (que por sinal já tinha comprado para ninguém me ver com meu estilo de roupa e dizer que sou fora da moda), tomei um café, peguei meus materiais e sai. Assim que sai, tranquei meu apartamento, guardei as chaves e desci o elevador. Como sou burra, pois depois de fazer tudo isso eu percebi, COMO EU VOU PRA ESCOLA. Fui até a garagem, porque de uma coisa eu sabia, o primeiro que saísse desse prédio me daria um carona. Quando entrei na garagem eu vi, meu lindo carrinho, minha mãe deve ter mandado entregaram (eu tinha uma cópia da chave que levei comigo para poder pegar ele quando quise quando eu isso ao Brasil, é meu carro)(tô menos brava, mas ainda tô brava).

       ~Quebra de tempo~

Cheguei na escola, estacionei meu lindo carrinho, (bem afastado dos outros pra ninguém riscar ele, se não eu tinha um troço) e entrei na escola. QUE VERGONHA, todo mundo estava me olhando, olhei para os lados e vi uma porta em que estava escrito "diretoria" (sei ler, escrever e falar tanto coreano como inglês, português obviamente pois sou do Brasil) (também tenho amigos daqui, tipo bff)

Entro na diretoria desfarsando a vergonha, me vendo a diretora logo diz:

-Olá, vc é aluna nova por acaso?- diz sendo muito gentil.

-Como sabe?- digo curiosa.

-Vc parece estar nervosa e com vergonha, além disso eu estava lendo sua ficha agora.

Nós duas rimos, ela era tão gentil. Logo ela pegou um papel e me deu.

-Aqui esta o seu horário, o número  e a senhado seu armarmário, vc pode mudar ela pra qualquer senha ok? E este é o número da sua sala. Espero a que seja bem recebida, e se precisar de ajuda me avise- ela dizia tudo com um lindo sorriso estampado no rosto (melhor diretora que já tive)

-Ok, muito obrigado. Mas agora já vou para não me atrasar- disse e sorri para ela- Tchau

-Tchau- me respondeu enquanto eu me levantava e saia

Sai da sala e mesmo com vergonha eu procurei a minha sala e achei (sou demais), entrei e sentei bem lá trás para o professor não me ver e fazer eu me apresentar.


CONTINUA..


Notas Finais


Obrigado por ler! Espero que tenham gostado.
E um beijo pra todos♥♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...