História Eu Não Sei Sobre Os Anjos, Mas É O Medo Que Dá Asas Ao Homem - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Charlotte, Dajan, Dakota, Iris, Kentin, Kim, Leigh, Li, Lysandre, Melody, Nathaniel, Peggy, Personagens Originais, Professor Faraize, Professora Delanay, Rosalya, Senhora Shermansky, Viktor Chavalier, Violette
Visualizações 11
Palavras 635
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Artes Marciais, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiii! Demorei, mas cheguei! Eu iria postar ontem, mas me meti em uma treta e eu acho que vou criar uma nova personagem aqui! Só de raiva! E o que eu não posso fazer na vida real, a Evinha fará aqui na fic! 😈 Sou do mal! Kkkk espero que gostem!

Capítulo 8 - Trabalho com o Tomate part:3


Fanfic / Fanfiction Eu Não Sei Sobre Os Anjos, Mas É O Medo Que Dá Asas Ao Homem - Capítulo 8 - Trabalho com o Tomate part:3

P.V.O Evelyn

Nossa, que vergonha! Eu tenho que me lembrar de dar o troco depois..

Fui até o quarto do Castiel, que estava mexendo no guarda roupa, procurando alguma coisa.

- Castiel? - o chamei fazendo o mesmo olhar pra mim - Já avisei ao Alexy. - ele acentiu e continuou a procurar sei-lá-o-que - O que você tá procurando?

Castiel- Uma camisa pra você. - falou simplesmente.

- Tá.. - deitei na sua cama (que era MIL vezes mais macia que a minha) até que sinto um "pano" no meu rosto - Ai, caralho! - falei tirando o "pano" que descubri que era uma blusa.

Castiel- Pode ir tomar banho, Tábua. Tem toalha no armário! Enquanto te espero, vou pedir uma pizza, vai querer de quê? - falou já saindo.

- Portuguesa! - gritei já que ele já tava longe. Entrei no banheiro, tirei minhas roupas, e entrei no chuveiro. Lavei meus cabelos com o shampoo dele (que tem cheiro de morango! Vey, agora vou ficar cheirando o meu cabelo. O cheiro é bom). Sai do chuveiro, visti a minha calcinha e a blusa dele. Ficou um pouco curta mas pelo menos tapa as minhas partes íntimas. Sai do banheiro, e fui pra sala. O Castiel estava no sofá mas quando ele me viu fez uma cara engraçada! 

P.V.O Castiel

Depois que sai do meu quarto, fui para a sala e liguei para uma pizzaria e fiz o pedido. Depois de alguns minutos a pizza chega, eu pago e a coloco na cozinha. Fui pra sala de novo e fiquei assistido alguma série aleatória, até que a Eve chega na sala. Até que ela não é tão Tábua, acho que estou parecendo um idiota já que ela está rindo de mim. Fiz um sorriso malicioso.

- Até que você não é tão Tábua assim. - ela revirou os olhos.

Eve- Rá, rá! Estou rolando no chão te tanto rir! - falou com um tom de deboche - Eu sei que sou gostosa, admita! - ela fez um sorriso malicioso e deu uma volta fazendo a blusa subir um pouco mostrando a poupa da sua bunda.

- Tá bom, senhorita gostosona! - falei em deboche, ela senta ao meu lado e pega o controle. - Hey! - falo tentando mudar, mas ela desvia e muda pra Crepúsculo que estava passando na Fox. - Caralho! Devolve essa merda, eu quero assistir um filme de terror! - tentei pegar o controle da mão dela, ela iria desviar mas acabou caindo e me levando junto. Acabei caindo encima dela, entre suas pernas fazendo o vestido subir até a sua cintura o que fez as nossas intimidades se chocarem uma contra outra. Ficamos nos encarando, ela estava corada e os lábios entreabertos. Que lábios.. Rosados e carnudos.. Tão convidativos.. Os nossos rostos se aproximaram, quando nossos lábios estavam a centímetros de distância, ela vira o rosto e agarra o controle.

Eve- V-vamos assistir "O chamado"! - ela gaguejou um pouco - Pode sair de cima? - falou olhando pro meus olhos, ela estava corada. Suspirei e sai de cima dela e a ajudei a levantar.

- Desculpe, Eve. - sussurrei, acho que ela ouviu já que acentiu e colocou no filme. Ficamos assistindo até que sinto um peso no meu ombro, olho para o lado e a vejo dormindo igual a um anjo. Desligo a TV e a pego com todo o cuidado do mundo, e a carrego para o quarto. A coloco deitada na cama, vou para o banheiro tomar banho.

O que iria acontecer se eu a beijasse?.. Como seria beija-la? Balanço a cabeça para afastar esses pensamentos. Ah.. Eve.. Você é tão.. Cheia de surpresas! Terminei o banho e fiquei só de cueca mesmo, fui até a cama e deitei ao seu lado, até que ela se vira e se aconchega no meu peito.

Eve.. Você irá me enlouquecer algum dia...






~~~~CONTINUA~~~~~


Notas Finais


Oiii! Espero que tenham gostado! UM CHERO NO SUBACO E ATÉ A PRÓXIMA! TCHAU!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...