História Eu preciso de você - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Exibições 8
Palavras 1.252
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - Quinto


Namjoon estava sentado na ponta da cama de Jin esperando o mesmo sair do banheiro. Seokjin havia pedido para a maior dar aulas de inglês e física para ele, já que Namjoon era bom em todas as matérias. No começo, Kim Namjoon recusou, mas bastou apenas um bico e forçar uma lágrima cair que Jin conseguiu fazer com que o garoto gênio aceitasse.

Jin saiu do banheiro apenas com uma calça moletom rosa e andou até Namjoon, pois o mesmo estava com o olhar fixo na parede branca do cômodo.

- Hey! - Jin chamou sorrindo e Namjoon o olhou e não disfarçou nem um pouco quando os seus olhos passearam pela parte de cima exposta do mais velho. Jin estremeceu de vergonha.

- Você é bonito Seokjin. - o maior elogiou fazendo um certo menino ficar vermelho.

- Obrigado. - sussurrou.

- Então, vamos começar? - perguntou Namjoon com um sorriso de canto.

- Claro, só me deixe por uma camisa.

Namjoon balançou a cabeça concordando e logo pegou os livros da matéria de inglês e física. Se sentou no chão e esperou que Jin fizesse o mesmo.

- Você sabe um pouco de inglês, não é?  - Namjoon sorriu pra Jin que confirmou desviando os olhos do sorriso do seu amado.

- Eu sei o básico. - Jin disse.

- Entendo. - Namjoon fixou seus olhos no livro de inglês e leu o que lá tinha escrito. Procurava uma maneira mais fácil de fazer o Jin aprender inglês.

Namjoon pediu a atenção do menor e começou a falar inglês e em seguida falava para Jin a tradução de tudo que estava falando. Jin tentava prestar atenção nas frases, ele jura que tentavam mas era tecnicamente impossível. A única coisa que o mais velho prestava atenção era nos lábios avermelhados e carnudos do seu crush. Desejos aleatórios começaram a surgir na mente ingênua de Jin.

Naquele momento, ele não pensava mais em nada além de querer beijar Namjoon.

- Entendeu? - Namjoon perguntou olhando para um Jin fora de si. - Jin?

Namjoon chamou umas três vezes e nada. O mais confuso era que Jin estava olhando para o seu rosto, pra ser mais específico, para para a boca dele. Namjoon sorriu e começou a cogitar as palavras que Tae disse na lanchonete. Talvez Jin realmente nutri algum sentimento pelo maior.

Namjoon se aproximou de Jin que logo o olhou nos olhos. Só assim para o mais velho tirar os olhos da boca de Namjoon?

- O quê estava pensando? - indagou Namjoon com um sorriso travesso. No estado que o Jin o olhava, não era difícil adivinhar as coisas que aquele garoto pensava.

Jin ficou mais vermelho que o normal e abaixou os olhos constrangido.

- Você não irá gostar do spensamentos. - Jin confessou ainda mais constrangido.

- Talvez eu goste. - Namjoon se surpreendeu com o que ele mesmo disse. O maior balançou  a cabeça pra afastar o que quer que seja.

- Quer mesmo saber? - Jin perguntou receoso.

- Estava somente brincando Jin. - Namjoon sorriu com os lábios unidos.

Jin assentiu e fez um sinal para que Namjoon continuasse a explicar sua aula. Assim fez o maior, prosseguiu com a aula calmamente se livrando do caos que estava sua mente.

Paciência. Isso era algo que Namjoon necessitava para dar aula pra Jin. Seokjin não era nem um pingo bom em inglês, ele sabia o básico do básico.  A cada assunto explicado um revirar de olhos tinha do maior. As vezes Namjoon chegou até a alterar a voz, aquilo era estressante para ele.

- Namjoon, me desculpe por ser burro. - Jin se desculpou com um semblante triste. Talvez não tenha sido uma boa idéia pedir ajuda a ele.

- Eu... - Namjoon o olhou e ficou desconcertado. - Aish, não precisa pedir desculpas Jin, eu falei que te ajudaria, e farei isso da melhor forma possível.

Namjoon deu seu melhor sorriso com covinhas e Jin retribuiu ainda tristonho. Pedir a ajuda de Namjoon realmente não foi uma idéia saudável.

Jin estava decepcionado e carente. Namjoon estava estressado e cansado.

- Acho melhor, ver vídeos aulas. - se pronunciou Jin com um sorriso forçado. - É melhor pra mim e também pra você que não vai precisar se estressar comigo.

Namjoon se sentiu culpado. Talvez tenha sido muito rígido com o menor.

- Kim Seokjin, eu serei seu professor. Eu falei que te ajudaria, e não vou quebrar com isso. - Namjoon falou sério. - Esse é só o primeiro dia, nós iremos se acostumar.

Jin o olhou procurando algum vestígio  de que aquilo era uma mentira. Mas, não era. O menor sorriu logo recuperando sua felicidade. O seu crush não tinha desistido dele, aquilo era ótimo.

- Obrigado Jonnie! - Jin abraçou Namjoon fazendo o mesmo cair  no chão.

Os olhos de Namjoon brilharam intensamente com o afeto que o menor demonstrava por ele. Mas, logo Namjoon se deu conta que aquilo não era necessário então afastou suavemente Jin de cima dele e sentou novamente com a expressão serena.

- Eu preciso ir Jin. - Namjoon falou sério levantando.

Jin ficou estático no lugar se perguntando o porque daquilo. Por acaso era errado um amigo abraçar outro amigo ? 

- Você não gostou do meu abraço? - Jin perguntou para o maior sem olha-lo. Seria deprimente de mais.

- Claro que gostei Jin. - diz o mais novo sorrindo. - Você, é um doce de pessoa. Mas eu sou assim, raramente alguém me abraça e isso fica estranho para mim, entende?

- Não. - sussurra Jin. - Como assim, quase ninguém te abraça?

- As pessoas não costumam demonstrar afeto por mim. - Namjoon diz. - Eu tenho problemas em questão a isso. - sua voz é calma porém distante. - Prefiro não falar disso. Só, se acostume.

Jin assentiu. Ele queria perguntar para Namjoon quais eram os problemas dele, Jin queria ajuda-lo. Mas, ele sabia que pra isso, teria que conquistar todo o amor do mais novo.

- Eu sou seu amigo Namjoon. - Jin sorriu olhando para o maior que o fitava sem sentimento algum. - Se acostume com as minhas demonstrações de afeto.

Jin se levantou e saiu do quarto deixando um Namjoon perplexo. Jin era realmente diferente, era surpreendente e inacreditável.

- Ele é um doce. - confirmou novamente pra si mesmo o que já estava óbvio.

Namjoon pegou sua mochila e saiu do quarto para encontrar Jin, o mesmo estava encostado na porta da saída esperando o maior.

- Obrigado Jonnie. - Jin se curvou diante do maior e logo voltou a posição de antes. - Virá amanhã aqui?

- Sim, mas, chegarei mais tarde. Pra ser mais exato, de noite. - Namjoon falou. - Você, poderia livrar o caminho?

- Ah, claro me desculpe. - Jin saiu da porta e abriu. Namjoon passou e acenou com a cabeça pra Jin se despendido. - Jonnie? - o maior o olhou. - Se cuide.

- Digo o mesmo pra você. - Namjoon sorriu e voltou a andar mas parou quando não ouviu a porta da casa de Jin se fechar. Ele se virou e olhou para o garoto que o encarava com um sorriso. - Porque estar sorrindo que nem bobo?

- Nada muito importante. - Jin ficou vermelho. - Até amanhã Jonnie.

- Até. - O maior sorriu docemente e entrou no seu carro logo dando partida.

Jin era um tipo de pessoa que, qualquer ser existente na terra gostaria de ter a amizade dele. Namjoon agradeceu mentalmente por Jin ter esbarrado nele naquele dia. Com um sorriso satisfeito nos lábios, o maior seguiu seu caminho rapidamente para  casa.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...