História Eu sempre vou voltar pra casa - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Sasuke Uchiha
Tags Amor, Hinata, Naruto, Romance, Sasuhina, Sasuke
Exibições 161
Palavras 385
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olá! Hoje, vou trabalhar mais com a história. Tivemos menos que 8 favoritos, e nenhum comentário :( mas é minha primeira fanfic, meio ruim, vou me conformar. É sério, adoro que comentem. No entanto 62 pessoas viram, e isso me alegra! Fiquem com o capítulo. ;)

Capítulo 2 - Relógio


Fanfic / Fanfiction Eu sempre vou voltar pra casa - Capítulo 2 - Relógio

Hinata bateu os dedos longos nas bochechas coradas harmoniosas.tudo nela estava harmonioso. O vestido primaveril azul e amarelo e as sapatilhas rosadas, os cabelos azulados correndo como cascata nos ombros finos e a franja longa jogadas para o lado. Olhou para o relógio de flor,uma bobagem desnecessária para um café sem flor alguma nas mesas.A morena estava nervosa e inquieta, sentia algo no peito.
Ele chegou na Vila de forma repentina, que machucou Hinata. Desde que ele a viu com Naruto, os encontros acabaram, então, ele não avisou. Provavelmente ele tinha outra agora, mas Hinata o amou e o ama tanto que ainda ficou parada nos dias em que ele a abraçava.
Hinata olhou de novo para o relógio.Quantas horas ela passou ali,esperando ele?
O Moreno havia marcado um encontro com Hinata por meio de um bilhete rápido, e isso já fazia horas, se Hinata não fosse apaixonada pelo rapaz, já teria se cansado.
Olhou para o relógio de novo. Quando se apaixonou por ele? Quando ele passou a frequentar sua casa? Não. Na biblioteca? Não. Foi no Jardim de Rosas azuis de Hinata. A pequena menina as plantava atrás do Monte hokage, e quando Sasuke o descobriu, ele passou a plantar Rosas vermelhas, por causa de seu clã. Logo,o Jardim tomou novas cores de pessoas que também colocavam suas próprias plantinhas das mais delicadas ali. E Hinata e Sasuke um dia se viram. Um deles ia mais cedo. O outro mais tarde. Mas quando Sasuke e Hinata se encontraram, logo sentiram que aquele Jardim era deles. Não apenas dela. Então,começaram a plantar juntos.
Sim, foi isso mesmo.
Hinata foi tirada de seus devaneios pelo som do sino de alarme. Era suave e melodioso, já que Hinata estava na expectativa, mas não se virou. Abaixou a cabeça e sentiu um calor. Era bom e esquentou o corpo inteiro, se sentiu bem. Sentiu ele se aproximar pelo calor. Quando sentiu a testa dele se encostar com a dela, sentiu as lágrimas dele, chorou também:
-Me desculpe, Hime. Eu não te amo mais.
- Eu entendo-Ela sorriu-Quem é a sortuda?
-Acho que tenho um futuro com Sakura. Estamos marcados.
Hinata sorriu e chorou. Sentiu um grande infelicidade. Depois tristeza. Depois raiva. Pegou o café e se desencostou de Sasuke. Foi embora sem nem ver como ele estava.

Notas Finais


PODEM ME MATAR, mas pra história ter enredo, precisamos fazer alguém sofrer, e como Sasuke não é tão cheio de sentimentos,precisou ser a Hina. Vou voltar logo, gostaram? Favoritem e COMENTEM!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...