História Eu sou apenas eu - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Romeu e Julieta
Tags Romance Gay
Visualizações 7
Palavras 1.152
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Hentai, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Era apenas um dia como sempre mais ñ como sempre um dia que mudou tudo _ bom pessoal espero que gostem

Capítulo 1 - Era apenas um dia como sempre


Oi será que vc me conhece? Bom deixe eu me apresentar sou Eduard Walther tenho 16 anos  sou um menino de cabelo negro como a escuridão olhos verdes como os campos, tenho 1.81metrôs  e sou um pouco magro acho que é isso . Hoje era um dia intediante como sempre mais hj eu estava saindo de Jacksonville para ir para Miami que tédio odeio viajar mais parece que terei que ir pq a querida da minha mãe colocou td essa baboseira na cabeça do meu pai.

-Mais mãe pq a gente tem que ir? Aqui está  ótimo!! -  assim eu falava , parece até que iria adiantar aff,

-Eu já falei nois vamos e ponto final, seu pai já está com td pronto- ela fala assim pq é fácil não  é ela que tem que deixar todos os seu seus amigos e escola...

Nois entramos no avião e venho aquela voz chata pra cacete das aeromoças eu ñ entendo meus pais... Bom eu peguei no sono e quando eu me acordei estávamos no aeroporto de Miami bom o que falta dessa city era linda noiz ñ precisarmos de guia por que meu pai já tinha vindo em Miami quando nois chegamos em um lugar que provavelmente seria nossa casa , o lugar era um prédio gigantesco Trump Hollywood ele tinha uma vista maravilhosa era muito espaçoso e era na frente da praia de Miami.

Mais mesmo assim não me impressionou porque eu queria ficar lá 

-gostou filho - meu pai falou na expectativa de me alegrar 

-é da para o gasto-  adoro me fazer de difícil... 

Meus irmão mais pequenos um de 14 e o outro de 10 estavam igual a criança quando ganham pirulito hahaha, minha escola era muito grande, mais tem um grande problema ODEIO TROCAR DE ESCOLA!!! Será que eu vou me dar bem lá só Deus sabe .

Por quer... o que será que eu fiz para Deus para merecer isso como ainda era sábado eu estava muito cansado então fui tomar um banho depois fui para meu quarto que claramente estava todo desarrumado por causa da mudança então fui arrumando aos poucos

[...] Depois depois que estava quase todo arrumado tive a brilhante idéia de ir a um super mercado comprar algumas coisa , como nois chegamos depois do meio dia eu  estava com fome (como sempre) então fui lá e comprei algo para comer depois sentei no sofá que por incrível que pareça era muito macio e cochilei, acordei com minha mãe me chamando.

-Eduard... Edu se acorda moleque vc está dormindo no sofá vai dormir em seu quarto vai- então eu fui parecendo um zumbi para o quarto e durmi  mais um pouco 

[...] me acordei ir era umas 19:00 pm então nos arrumamos e fomos até um restaurante... era muito chique tudo la lá dentro então logo fomos atendidos por um dos garçom eu pedi frutos do mar e meus pais e irmãos outros coisas estava ,comendo então me lembrei que  segunda já tinha que começar na escola nova... Então perdi o apetite

-Está tudo bem Eduard - minha mãe perguntou então eu falei

-Um pouco estou preocupado com ter que ir na aula segunda- exclamei revirando os olhos.

-Não fique assim filho, também não precisa fazer tanto drama assim- meu pai então falou enfiando uma colherada de comida na boca 

-Eu sei pai mais é dificil recomeçar novas amizades etc- eles acham que tudo para mim tem que ser fácil 

[...] voltamos para casa e logo fomos dormir mais eu tive um sonho com alguém que nem eu conheço era um menino cabelo ondulado pelos ombros olhos castanhos forte. Logo me acordei e me deparei que já eram 20:00 então me acordei foi rumar banho e fazer minha higiene deci as escadas e me deparei com Anastácia  minha avó ela estava na sala com meus pais corri de sei um abraço forte nela.

-Como está meu neto bonito?-exclamou a senhora tão simpática 

-Estou bem vovó e a senhora -como se tudo estivesse um mar de rosas só que não 

Estou ótima- adoro minha avó já disse isso 

Então deixei eles conversando e fui fazer meu desjejum  meus irmão  estavam na cozinha Daniel o de 14 estava mexendo no celular e Lucky estava assistindo desenho então falei 

-Então quer dizer que ninguém mais se fala Aqui dentro agora?

-Haaa você esta ai Eduard ñ tinha te visto- Daniel falou sem tirar os olhos do celular, há e só pra saber ele tinha me visto sim é que ele é um pouco provocativo 

-Sim estou aqui se vc ñ viu ou estou atrapalhando a conversa com a namoradinha- revirei os olhos 

Então tomei meu café da manhã e então fui para as piscinas látinha um punhado de gente era bem calmo então resolvi dar um passeio pela praia caminhai um pouco então sentei beira ao mar... quando eu olho para o lado me deparo com uma pessoa meia que familiar então me lembrei era o menino do meu sonho eu congelei por uns 5 minutos tivee que confeçar para mim mesmo que sou hetero que ele era muito bonito tão bonito que era para estar em meus sonhos mais logo ele se foi e eu nem tomei coragem para me apresentar poxa que !!PORRA!!! Caralho me lembrei que amanhã tem aula um frio na barriga percorre por tds os lugares aiii então fui para minha casa eram 12:00 almocei pensando naquele menino mais por um segundo falei comigo mesmo- Eduard o que é isso vc é um menino- então me aliviei mais começou uma dor de cabeça dos diabos que não parava nunca deitei para ver se parava a dor de cabeça 

[...] deitei um pouco e fiquei pensando nas possibilidades de dar tudo errado amanhã então comecei a me preocupar eu tive que tomar uns remédios vai aí que perei então fui para dar umas voltas pela cidade e achar algum lugar para descansar então achei um parque muito bonito e calmo me sentei  em um banco e fiquei por uma hora observando pássaros entre outros observava casais perfeito  mais me deparei com um casal lindo de duas meninas parece que elas foram feitas uma para a outra era muito bonito de se ver (eu tava parecendo um louco vendo duas meninas se beijando) então me veio à mente o menino da prai eu ñ conseguia esquecer aguele sorriso lindo dele com suas covinhas perfeitas aaaaaiiiii  PARA !!! Eduard Walther se controla então ia já eram 3:00 eu fui para uma biblioteca pública que eu gosto muito de ler então fiquei o resto da tarde lendo livro mais um livro me chamou a atenção o título dele era *Sera que sou gay *  entaoneu fui pensativo com aquele título para casa então muito cansado deitei e fui escutar música mais aquele título ñ saia de minha mente mais esqueci as pouco fui fechando meus olhos e entrando em um sono profundo...


SERÁ QUE SOU GAY... SERÁ HUMM?


Notas Finais


Estamos ficando por aqui mais ñ se esqueçam de ficar por dentro dessa maravilhosa história que apenas começou bjs até o próximo ❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...