História Eu sou diferente, algum problema? - Capítulo 6


Escrita por: ~ e ~Sly_Death

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Itachi Uchiha, Naruto Uzumaki, Sasuke Uchiha
Tags Itanaru, Mpreg, Sasugaa, Yaoi
Visualizações 230
Palavras 1.048
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Festa, Harem, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura S2

Capítulo 6 - <3


??''em que posso ajudá-lo'', meu deus que voz é essa, é meio rouca e um pouco grossa, porém eu tenho a sensação que conheço, olho pra cara dele e me assusto se tá de zueira com a minha cara né, vejo que ele parece ter me reconhecido também, o sorriso que ele abriu dava pra rasgar a cara dele, sem zuação como ele ta lindo, cresceu, tá com os musculos mais trabalhados, seu cabelo vermelho está um pouco bagunçado , está usando uma calça um pouco colada e uma camisa de manga longa preta e branco, tudo isso contribui pra dar um ar sexy.

''Sou aluno novo, professor'' falei mesmo que minha voltade era de pular em seus pescoço e bater, por não ter mais me ligado, bom ele tá trabalho, não posso chegar e falar, ''''eai seu emburradinho, pode me dizer porquê o sumiço.'''' Claro que não até porquê vou esperar ele ta sozinho. 

Prof''claro emtre por favor'' ele falou vi que seus olhos está brilhando, e ele está se comtrolando pra não me abraçar, meu olhar dizia '''' você tera que me explicar muita coisa seu idiota''', entrei na sala estava pronto pra ir em qualquer cadeira vaga dali, quando ouço.

Prof ''se apresente pra sala'' falou, merda eu não vejo esse emburrado faz um ano, e quando agente se encontra ele quer fuder com a minha vida logo de cara, parei do lado da mesa do emburradinho, e vi que muitas pessoas me olhavam com curiosidade, pelo visto eu não fiquei na sala da ino nem na do gaara, mais duas pessoas me chamou a atenção no meio daquele povo, Neji e a quenga da Hinata, ele ta mais bonito mais alto, seu cabelo ta mais grande, mais aqua pose de babaca não mudou, não é que eu queira vingança por ele ter me humilhado, mais eu vou fazer ele engulir cada palavra que ele me falou, como eu sou um poço de educadeza eu me apresentei.

''Sou Naruto Namikaza, tenho 17 anos'' falei e vi algumas pessoas arregalar os olhos, provavelmente se lembraram de mim, logo começou cochichos baixos, uns não acreditando outros dizendo algumas merdas, não tava prestando a atenção, eu só tava dando um sorrisinho daqueles bem fila da puta, vemdo a cara do Neji e da Quenga de olhos arregalados. 

Prof ''perguntas pro Naruto'' perguntou o emburradinho pra sala, um monte de gente levantou a mão, quando o prof ia escolher um pra me perguntar eu fui logo cortando com toda educação do mundo.

''Eu não vou responder pergunta de ninguém, se fosse pra vocês saberem mais sobre mim eu taria falado'' falei, e vi os olhos de todo mundo se arregalarem, deu um sorrisinho falso e fui sentar na primeira carteira do canto, em frente a mesa do emburradinho, já que era o único lugar vago, estava escutando cada coisa uma mais absurda que a outra contra a minha pessoa, mais quem disse que eu ligo é nessas horas que eu aperto o botão do foda-se, o prof olhou pra mim com uma cara tipo ''''você não tem salvação'''' e começou a dar aula, que na minha opinião estava mó chata, tinha um monte de zoidos me olhando, merda não gosto de chamar atenção, aquela quenga da Hinata, não parava de lançar olhares do ódio pra mim, e o Neji parece que a ficha dele ainda não caiu, quando o sinal do lanche bateu, o prof dispensou os alunos ele ia indo embora quando olhou pra mim e eu le lançei um olhoar daqueles que dizia ''''ou você fica, ou você fica, escolhe!'''' Ele então voltou a se sentar-se na cadeira, eu guardava meus materiais devagarinho, quando a quenga passou do meu lado, fez cara de… não pera ela não fez cara de nojo não né, ela que morre, estava quase me levantando pra ir falar com ela quando alguém pigarreou falsamente, atraindo a minha atenção, vocês virão como eu amo caçar uma treta, olhei em volta e vi que eu estava sozinho com o meu prof, levantei do meu lugar indo até ele e o abraçando fortemente, sentindo seu cheiro que me acalma.

Prof ''''eu tava com saudades soare'''' , falou passando a mão em meus cabelos e dando um beijo em minha testa, encarei ele sorrindo aaaaaa que saudades desse ser meu deus.

''Saudades porra nenhuma, se você tivesse não teria parado de me ligar a um ano atrás, oque acomteceu com você emburradinho?'' Perguntei bravo, sou bipolar mesmo e daí.

Prof ''Descupe soare eu tava um pouco ocupado'' falou, enquanto eu sentava em seu colo.

''Sei tava ocupado, provalvelmente me trocou pra se atracar com alguma puta por ai'' falei inflando as bochechas e virando a cara emburrado.

Prof ''Lógico que não soare, eu não trocaria você por nada, mais aconteceu uns probleminhas ai e eu tive que resolver, me perdoa''' falou fazendo aquela carinha de cachorro que caiu da mudança, nem tem como falar não a esse ser, sorri e o abraçei ainda mais.

''É claro que eu te perdou meu emburradinho'' falei beijando sua bochecha, vocês devem estar se perguntando quem é esse prof né? Ou oque ele é meu?, eu me esqueci de falar mais esse é meu irmão 3 anos mais velho que eu seu nome Kurama Namikaze, ele é um alfa, a última vez que nos falamos foi a 1 ano atrás, ele foi me visitar na França, mais confessa vocês pensaram besteira né??? Seus safadinhos, e sim eu esqueci de falar pra vocês que eu tenho 3 irmãos mais velhos 2 alfas e 1 ômega, eles não mora com meu pai e eu, agora o porquê de eu chamar ele de emburradinho? Simples ele vive emburrado pelos cantos, é muito raro você encontra ele de bom humor, estava sentado ainda no colo do emburradinho, com a minha cabeça em seu pescoço, aproveitando seu carinho quando a porta da sala se abre, e por ela passa uma menina, de cabelos amarelos presos num coque, ela viu a situação que eu estava, e ficou corada, e com olhos arregalados. 

??''m-me d-escupe atrapalhar'' falou e logo bateu a porta, saindo correndo, olhei pro meu emburradinho e ele também estava com olhos arregalados. 

''Fudeu'' foi a unica coisa que eu disse, merda isso vai causar uma confusão da porra se aquela menina abrir a boca.



Notas Finais


Aqui esta o link, pra se por acaso vcs quiserem ler da minha outra fic Sasunaruru, que eu estou fazendo em parceria com #jheninamikaze.
https://spiritfanfics.com/historia/foi-por-acaso-9937385


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...