História Eu sou o ômega do presidente? - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Chanbaek, Hunhan, Kaisoo, Kristao, Menção!jikook, Menção!namjin, Xiuchen
Visualizações 211
Palavras 1.017
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Slash, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OIIEN AMORAS olha eu aqui de novo.
To tacando um foda-se no meu calendário de postar semanalmente, mas me entendam se o capítulo está pronto por que não att?
Enfim, obrigado pelos favoritos e comentários. Amo vocês.
Bom quem me segue ou fala comigo nas redes sociais sabe que adoro da uns spoilers no ar. Pois essa é a primeira fanfic que fiz o primeiro cap e o último, então tudo que acontece aqui está caminhando para um final já montado. Talvez tenha uma side Chanbaek, ainda estou vendo isso.
Acho que falei de mais né? Kitty cala o dedo.

Boa leitura.

Capítulo 3 - 03 - Descobrindo mais sobre mim


Kim's Home

  6:00 PM

Estavamos sentados um de frente para o outro no escritório dele, eu mordia meus lábios com  frequência. Era uma mania que eu tinha desde sempre, acontece na maioria das vezes que estou nervoso ou sem graça. Acho que sinto ambos os sentimentos agora.

JongIn  não me  ajuda olhando-me  tão intenso e  sem expressão alguma que  me frustrou de verdade, frustração não é o sentimento correto no entanto estou tão confuso. Por que ele não fala de vez o que quer?

- Amanhã irei te levar no seu trabalho na academia de música onde você ensina canto as crianças. E-e... - tosse um pouco limpando a garganta. - Elas sentem sua falta.

Abri minha boca busca de ar, eu tinha ouvido mesmo aquilo? Eu era professor de canto. Eu sempre adorei cantar  mas saber que eu ensinava era... Mais do que eu sonhei.

- Obrigado por me levar JongIn, de verdade. - disse lhe sorrindo formando o famoso coração que meu Omma falava.

- Não a de que, eu sou seu marido quero o melhor para você mesmo que não lembre disso. - respondeu ele olhando para os próprios dedos, mas áurea era triste. Eu sentia uma dózinha dele, mas ai eu lembrava do que me fez ser inimigo dele e logo essa dózinha  se dissipava. - Pare de ter pena e asco de mim, machuca! - ele  disse me tirando dos pensamentos confusos do eu de 16 anos.

- Desculpe? - o olhei confuso me perguntando como ele sabia. E quase bate em minha própria testa, era óbvio que ele sabia, a maldita marca no meu pescoço fazia isso.

- Só pare. Irei dormi no quarto de hóspedes, tenho certeza que não me quer no nosso quarto... - decretou  ele se levantando  e  indo até — acho eu — o  quarto  que dormiria.

Suspiro frustrado pois nenhuma das minhas dúvidas foram sanadas, tudo ficava rodando  na  minha cabeça a  fazendo doer. Não era do meu fetil  mexer no que não pertence, mas quando me  casei tudo  que era do  JongIn  passou  a ser meu. Então dá uma  pequena investigada  por  aqui. Me  levantei  de  onde  havia sentado  e rodei  a  mesa do escritório. Abri a primeira gaveta e lá continha uma  espécie de  álbum, apenas o  peguei  fechei  a gaveta e sai apressadamente do escritório.




                    ***KJ***




9:00 PM


Eu  já estava dentro do mesmo quarto que  hoje de manhã, resolvi  por  fim  tomar um banho e foi o que fiz. Minutos depois lá estava eu  fuçando  o quarto inteiro, eu nem ao mesmo tinha vestido uma roupa estava apenas de roupão felpudo preto e cueca box azul  marinho. Após procurar algo que nem eu mesmo sabia  o que era, achei uma caixa mediana com meu nome, por curiosidade a abri e vim uma espécie de diário digital. Usei meu polegar onde havia um reconhecedor de digital, e assim ele se abriu.

Peguei  uma blusa branca qualquer que pelo tamanho e o cheirinho forte pude notar que pertencia a JongIn. Apenas dei de ombros me sentando na cama e começando a bisbilhotar meu próprio diário.


Querido  diário,
Hoje é meu primeiro dia na cidade nova, eu  conheci no parquinho um menino super legal o nome dele é JongIn. Mas eu prefiro chama-lo de Nini.
Eu estava sozinho andando pelo parquinho meu Omma havia ido comprar sorvete para nós. Tanto eu quanto meu Omma SungJae tinhamos um vício particular por doces. Estava tão distraído que não percebi quando um garoto bem mais alto que eu correu em minha direção e não deu tempo de desviar só me chocar contra o corpo dele, mas antes que eu pudesse ir ao chão braços me seguraram pela cintura me impedindo de cair. Não pude me conter em abraçar com todas as minhas forças meu salvador.
Hoje ainda descubri que o meu Nini  gosta de Poporo como eu.
Ele é tão fofo.
*Desenho de  coração*


No  final  vi um coração bem grande. Eu quis chorar ao terminar de lê, eu  lembrava desse dia e também lembrava que o JongIn me segurou quando um garoto esbarrou em mim,  meses depois descobri o nome do garoto Jay Park o filho fruto de uma noite de bebedeira do pai de Chanyeol. Agora me recordo que Baek disse: Irmão bastardo do meu marido. Ele se referia a Chanyeol. O Byun realizou seu maior sonho casar-se com crush desde o fundamental. Fico feliz pelos mais velhos.

Fui tirado de meus pensamentos e guardei tanto o álbum quanto o diário na primeira gaveta do criado mudo, ao mesmo tempo um montinho cabelos negros invade meu quarto com um rostinho corado. Ah Jungkook. Ele me olhou arregalando seus olhinhos o fazendo parecer o gato de botas.

- Omma Soo posso dormi com você? - pediu fazendo biquinho e eu não consegui dizer não.

O trouxe para os meus braços e me deitei nos cobrindo.

- Omma você ainda gosta de mim? - perguntou com rostinho enfiado na curva do meu pescoço.

- Claro que gosto, mas que pergunta é essa? - o olhei preocupado mesmo que minha falar tinha de repressão.

- Porque você parou de gostar do appa e pode parar de gosta de mim e da SooInnie? - falou com uma vozinha de choro.

- Oh céus Jungkook.

Pus minhas mãos em minha testa pensando o quão perdido estou agora. Acaricio os fios lisos do pequeno.

- O  senhor não me respondeu a minha pergunta Omma. - ele se remexe nos meus braços e levanta o rostinho para me olhar.

- Eu nunca disse que não gostava do seu Appa ou dos meus dois tesouros? Tire isso da cabecinha  e vamos dormi. - o responde dizendo o que o menor queria ouvir, uma meia verdade. Em seguida selei sua testa com um beijinho. - Boa noite Jungkook.

O vi fechar os olhinhos e suspirar. Era um menino tão esperto para a pouca idade, mas isso lembra a mim mesmo quando tinha sua idade.

- Boa noite Omma. Eu te amo e o Appa também.

E com essa última sentença o pequeno se entregou ao sono, enquanto eu sentia meu coração se acelerar com mais e mais frequência. O que é isso que estou sentindo? 


Notas Finais


Se você chegou até aqui já te considero pakas, todos os meus leitores estão dentro do meu kokoro. Desculpem os erros, eu não revisei mas foi betado pela @kaifazendoshownu

Quem acompanha minhas outras fics, estou tentando refazer os capítulos perdidos e logo estarei atualizando.

Sobre o capítulo, genteeeee eu tenho um amor por esse Jungkook bebê aaaaaawn. Soo ta fazendo Suga doce.

E pra quem me perguntou sobre as tags, Xiuchen, HunHan, Chanbaek, Kristao, Sulay não estão ali por acaso. Logo iram entender.

Até o próximo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...