História Eu Te Odeio, Mas Te Amo - Segunda Temporada - Capítulo 22


Escrita por: ~ e ~LittleDude

Postado
Categorias Big Time Rush, One Direction
Personagens Carlos Pena Jr, Harry Styles, James Maslow, Kendall Schmidt, Liam Payne, Logan Henderson, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Sarry, Sogan
Exibições 30
Palavras 2.523
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


~~Bye~~

Capítulo 22 - Final Alternativo - Sarry - The End


Fanfic / Fanfiction Eu Te Odeio, Mas Te Amo - Segunda Temporada - Capítulo 22 - Final Alternativo - Sarry - The End

Que lugar é esse?

Branco e mais branco? Estava ali sozinha. 

- OI - Gritei e minha voz ia como eco, seguia até sumir, dei passos para frente e pude ver duas pessoas na frente, corri até elas e quando cheguei perto era eu e Carlos quando tinhamos 15 anos, eu estava rindo de uma piada que ele havia contado e ele sorria tentando também não rir. Tentei tocar nele mais minha mão passou por ele, afinal era apenas uma lembrança e do nada eles sumiram como vento e quando virei de costas vi eu e minha mãe, quando eu tinha 6 anos e ela tava me ajudando a andar de bicicleta sem rodinhas

- Você consegue Filha, acredite - A voz da minha mãe eccou, aquilo provocava lágrimas, eu sorria alegremente quando minha mãe me soltava e eu conseguia andar sozinha e minha mãe batia palmas e estava com seu melhor sorriso estapado no rosto

- Eu consegui mamãe, eu consegui - A minha voz criança e junto com a minha voz de agora soaram juntas, eu chorava com aquela cena, mas sumiram também e foi ai que eu desabei em lágrimas, mas logo pude ouvir risadas, era dele. Era do Harry. Segui sua risada até ver eu e ele, sua risada ocupava todo o silêncio daquele lugar, ele ria de mim de algo que fiz mais eu não estava brava eu estava feliz eu estava sorrindo, mas logo Harry parava de rir e eu abraçava ele e depois ele me beijava, que tortura. Mas eles sumiram como areia no vento, aos poucos. 

-Sophia - Um voz atrás de mim soou, era a voz de Logan. Me virei drasticamente e vi ele, o mesmo possuía uma expressão aliviada e leve, corri em sua diração e assim que cheguei perto dele, eu o abraçei ele parecia ser real.

-Onde eu estou? - Perguntei nervosa e feliz 

- Na sua conciência - Falou ele olhando em volta - Sophia, eu vim conversa com você

- Me desculpa Logan, eu não devia ter te traído - Falei com voz trêmula e ele abaixou o olhar e coçou a nuca - Eu sou a pior pessoa do mundo

- Sophia, cometemos erros, isso é normal - Falou ele me olhando com uma expressão que ficou séria - E pelo menos uma vez na vida, um erro grande

-Mais eu devia...

- Sophia, esqueça isso. Não é por isso que vim falar com você - Falou ele soltando um suspiro, ele precisava falar algo importante - Sophia, você quase tirou sua própria vida

- Eu não aguentava mais...- Eu ia continuar mais Logan me interrompeu

- Sophia, suícidio não é a solução. Eu sei que as coisas ficaram insuportáveis, não tinha ninguém para lhe ajudar, não tinha em que se apoiar, eu passei por isso eu quase peguei o mesmo caminho mais eu sabia que isso não era a solução. Eu quero que você viva Sophia, eu quero que você viva cada momento, viver cada respiração, viver cada batida do seu coração. Infelizmente eu não posso mais ter essa oportunidade, mas você ainda tem você tem a chance de mudar a sua vida

- Mais sem você é impossível - Falei lamentando 

-Eu sei que consegue Sophia, você vai conseguir com a ajuda do Harry - Ele falou com um sorriso leve, como tudo oque ele precisasse falar ele falou

- Como pode dizer isso pra mim?

- Sophia você tem que entender que eu não vou estar mais lá do seu lado, eu não vou mais rir com você, você não precisa mais me esperar para chegar do trabalho. Mais você pode estar ao lado do Harry, ele vai poder rir com você, você vai poder esperar ele chegar do trabalho. Siga a sua vida Sophia e se não for comigo, tenho orgulho e prazer que seja com Harry - Falou ele e soltou outro suspiro - Você consegue Sophia

- Tchau Logan - Falei indo até ele e abraçando ele, eu possuia um sorriso largo nos lábios - Obrigada, eu vou seguir por mim, por você

-Tchau Sophia - Ele falou e depois sua pessoa sumiu, olhei para trás tinha um porta e fui até ela e assim que entrei, eu estava em um hospital. Olhei para trás, tinha um porta e ao lado estava escrito Sophia Beatriz Maslow entrei no quarto, e vi meu corpo adormecido na cama de hospital e aquele som irritante dos cardiogramas soava no silêncio do quarto, e ao meu lado estava Harry que estava com a pior expressão do mundo, seus olhos estavam inchados como se tivesse chorado por horas e suas olheiras estavam muito fundas

-Bom, eu compus uma música assim que você foi embora para o Texas - Falou ele com um sorriso fraco, e estava com um papel na mão, ele pegou o violão que estava do lado - Eu não tive coragem de cantar para ninguém, mais espero que lá no fundo você ouça

Ama-la é como dirigir um Maserati novo em uma rua sem saída - Ele começou a cantar, sua voz rouca prenchia aquele quarto, tirando o som do cardiograma - Mais rápido que o vento, apaixonado como o pecado

Acabou tão de repente

Ama-la é como tentar mudar de ideia, uma vez que você esta voando em queda livre

Como as cores do outono, tão brilhantes 

Pouco antes de perder tudo

 

Perde-la foi azul como se eu nunca tivesse conhecido

Sentir sua falta foi cinza escuro, completamente sozinho

Esquecê-la foi como tentar saber sobre alguém que nunca conheci

Mas ama-la era vermelho

Ama-la era vermelho

 

Toca-la foi como perceber que tudo o que eu queria estava na minha frente

Memoriza-la foi tão fácil quanto saber todas as palavras

Da sua velha canção favorita

Brigar com ela foi como tentar resolver palavras cruzadas

E perceber que não há resposta certa

Lamentar por ela foi como desejar que nunca tivesse descoberto 

Que o amor pudesse ser tão forte

 

Perde-la foi azul como se eu nunca tivesse conhecido

Sentir a sua falta foi cinza escuro, completamente sozinho 

Esquecê-la foi como tentar saber de alguém que nunca conheci

Mais ama-la era vermelha

Ama-la era vermelho

 

A lembraça dela vem em flashes, em ecos

Digo a mim mesmo que agora é a hora , tenho que deixa-la ir

Mais seguir em frente depois dela é impossivel

Quando ainda vejo tudo na minha cabeça

 

Vermelho ardente

Ama-la era vermelho

Ama-la era vermlho

Sim, sim vermelho

 

Eu via lágrimas em seus olhos, sorri com aquele música e ele suspirou 

- Sophia, por favor fica - Ele falou com voz triste - Fica comigo 

- Eu fico - Falei, mas ele não havia ouvido - Eu fico com você

- Eu sei que eu sou um babaca, que eu sou a pior pessoa do mundo - Falou ele chorando - Mais eu te amo, não me deixa por favor

Olhei para janela, e a luz do sol ia aumentando e aumentando até um ponto que era impossivel olhar...

...

...

...

...

- SOPHIA - A voz de Harry sou, eu estava lá...No quarto de hospital - Sophia, pode me escutar?

- Ha-harry - Falei quase em um sussurro, e seus olhos verdes entravam em meu campo de visão 

-Meu Deus, você ficou - Falou ele sorrindo, sorri de volta 

-Voltei pra ficar - Falei baixo e ele sorriu mais - Com você 

Os lábios de Harry encontraram o meu, seus braços seguraram minha nuca de forma gentil, a porta foi aberta e nos separamos e sorri para ele, chegaram os enfermeiros e médicos e Harry falou com eles, e depois me olharam com sorrisos vitorisos.

 6 MESES DEPOIS 

- Eu preciso fazer isso - Falei para Harry que me olhou meio confuso - Antes de irmos embora

- Ta bom - Falou ele com um sorriso orgulhoso de mim, fomos até o cemitério onde estava enterrada minha mãe, sentei na grama  e peguei o violão e o papel e Harry estava ao meu lado me olhando e eu comecei a dedilhar as notas da música que eu fiz

Eu daria tudo para ter 6 anos de novo

Imagino o que faria se você estivesse comigo 

Imagino o que seria se tudo aquilo não tivesse acontecido

Você ajudaria a me maquiar? 

Me ajudaria a fazer a tarefa de casa?

Me abraçaria quando eu tivesse pesadelos? 

Iria de rir de mim quando eu usasse suas maquiagem e suas roupas?

Brigaria comigo quando eu quebrasse algo?

 

Eu mudei, espero que esteja orgulhosa do que eu me tornei

Eu queria que você estivesse comigo agora

Me apoiando nas minhas escolhas.

Eu queria poder falar para você dos meninos que eu gostava 

Você seria a minha melhor amiga nos momentos bons, ruins, tristes e felizes

Imagine as broncas e castigos

Brincando comigo de bonecas

Lhe acorda no dia do meu aniversário e no natal

Correndo pela neve e fazendo bonecos de neve

Oque eu não daria para ter esse momentos?

 

Lembro de quando você contava histórias para mim dormir

E depois beijava minha testa e dizia "Boa noite minha bonequinha"

Vamos nos encontra novamente, eu espero esse dia

Até o fim você estara em minha mente

Sempre será lembrada por mim

O céu tem a estrela mais bonita, que é você

Minha Mãe em breve te verei

Eu sinto sua falta

Como o sol em um dia chuvoso 

Eu sinto sua falta

Eu só queria ter 6 anos de novo

 

Soltei o violão no chão, e uma lágrima correu no meu rosto. Harry me abraçou de lado e beijou minha testa 

- Parabéns Sophia - Falou ele com um sorriso de orgulho

[...]

- FINALMENTE - Falei assim que cheguei o avião pousou, meu sorriso não podia ser maior e Harry também sorria, New York. Eu queria mudar de Londres, como Logan me disse eu tinha que mudar a minha vida, vou começar a minha vida do zero com a ajuda de Harry.

Fomos para Casa que Harry comrpou com a herança de seu pai, Harry tinha as mãos dadas com a minha. Eu realmente não esperava que eu pegasse esse rumo, quando eu voltei a vida meu Pai apareceu, fiquei um pouco feliz por estar se preocupando um pouco. Mais claro, depois desse dia raramente falava comigo então falei com Harry, e disse que não iria morar em Londres, que com meu pai ou não na minha vida, eu toca minha vida na frente. Carlos e Manu me desculparam mais não era mais aquilo, Carlos me disse que nossa amizade nunca voltaria ao mesmo, fiquei triste por isso porque ele nem se quer tentou.

Sorri assim que vi a casa, que era na frente de um bosque, tinha 1 andar e o jardim era imenso, olhei para Harry que sorria orgulhoso e me olhou de volta e eu abraçei ele como nunca abraçei ninguém. Eu sabia que Harry já havia cometido muitos erros comigo, mais quando é para ser vai acontecer.

-Eu te amo Sophia - Falou ele segurando minha cintura e seus olhos verdes me encarando - Eu te amo até o sol morrer, eu nunca devia ter lhe magoado, eu nunca devia ter te deixado ir

- Harry, está tudo bem - Falei sorrindo, eu tinha que ficar na ponta do pé para ser da altura dele, ele me beijou com toda a fé que possuia em seu corpo,  apertava minha cintura de forma leve e suave, nosso beijo foi o sinceros dos beijos, aquele que sai faícas. Eu tinha Logan, eu o perdi. Agora que tenho Harry, não posso perde-lo não de novo -Também te amo cachos

[...] Muitos Anos Depois / Autora On*

-  Sasha - A voz de Luke ecoava na casa, Sasha foi em direção a Luke, assim que ela chegou perto dele ela viu uma carta velha, que tinha escrito 

De: Harry Styles

Para: Sophia Maslow

 

Depois de muitos anos, depois de muitas batalhas. Eu estou com você de novo

Lembro de quando erámos jovens  e brigavámos por qualquer coisa, das implicações e de todas as brigas. De quando iámos para diretoria e deduravamos um ao outro. Aqueles olhares cheios de ódio, mais que se transformaram em olhares diferentes e que nem eu e nem você aceitavámos, afinal erámos inimigos, certo?

Sophia, eu te amo com todas sentidos, letras e pronúncias, em todas as línguas e lugares. Com todo sentindo Sophia. Tudo Sophia que passamos pra estamos aqui, valeu a penas porque estou com você. Toda essa história de amor, nenhuma outra pessoa vai conseguir fazer igual. Nosso amor é perfeito, nosso amor é tão certo quanto 2+2 = 4.

Claro que eu não fui o único a me apaixonar pelo seu jeito, alegre e meigo, pela sua temosia e pelos sua risada e seus sorriso, pelo seu jeito, pelo seu corpo, você pode negar mais você é Perfeita. A vida é muito imprevísivel, um dia você deseja nunca mais ver a pessoa e no outro você não consegue mais ficar longe dela, é aquele ditado "O amor e ódio, andam de mãos dadas"

Você é assim, um sonho para mim. Agora eu posso dormir tranquilo, sabendo que estou com a melhor mulher do mundo.

Nem Picasso pintou, nem Shakeapeare recitou, nem Hollywood gravou e nem Albert Einstein leu a mais perfeita história de amor, entre eu e você.

Harry Edward Styles 

 

- De quem é a carta? - Luke perguntou para sua mulher, Sasha que chorava de felicidade, estava com um sorriso estapado no rosto, guardou a carta com maior cuidado na gaveta onde Luke encotrará.

- Meus bisavós - Falou Sasha emocionada com a carta. - Sophia e Harry Styles.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

 

Bom, olha eu aqui! Bom, foi um prazer escrever Eu te odeio mais Te amo, foi uma experiência gratificante, eu posso ter parado a fic do nada, e ter perdido todo animo de postar. Bom, a fic começou com eu e a Myllene, e terminou só comigo :) Mas tenho certeza que ela também adorou a experiência com essa Fic, com leitores maravilhosos e comentários que eu ficava lendo por horas, você faziam essa fic andar. Por mais que eu e My deixamos de lado a fic, eu me sentia mal por deixa-la... Estavámos com a ideia de excluir, mais sabiamos que nós arrempederíamos para sempre. Porque seriam horas e dias e anos jogados fora. Seria criatividade para nada, seria como parte da nossa vida jogada fora...

Não tenho muito oque dizer, queria poder ter feito um fic melhor e me dedicado mais e ter tido ideias melhores. A primeira temporada que foi nossa primeira fic foi a melhor experiência que eu tive, conheci pessoas maravilhosas e tive a sensação de ter alguém gostando do que escrevia. Essa fic foi mais ou menos inspirada em nossas personalidades...Bom, espero que tenham gostado do final alternativo, que eu vou dar créditos para a leitora que pediu esse Cap..

Obrigada a todos, obrigado por vocês terem feito parte de nossas vidas...

" Toda história tem um fim, mais nada vida cada fim é um começo"

~Little Dude~   

- @fr3nk1ng - Meu 

- @islarryfeels - My 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...