História Eu vivo para matar - Marichat - Capítulo 27


Escrita por: ~

Visualizações 157
Palavras 313
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yuri
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


A FANFIC ACABARÁ AMANHÃ OK?!

Ela irá até o cap. 30.

Boa leitura!

Capítulo 27 - A Revelação (últimos capítulos)


Fanfic / Fanfiction Eu vivo para matar - Marichat - Capítulo 27 - A Revelação (últimos capítulos)

Lila vai embora e Ladybug e Chat Noir ficam no local da "batalha"

- Ladybug, posso te perguntar uma coisa? 
- Pode sim.
- Porque você ficou com tanto ciúmes quando a Lila veio falar comigo? 
- Ah... acho que você precisa saber a verdade.
- Verdade? - Chat fica confuso.

Os brincos de Ladybug começam a apitar.

- Seus brincos!
- Eu vou... ficar. Você precisa saber quem eu sou.
- Tem certeza Lady?
- Sim. - O último "bip" é dado, Ladybug volta a ser a menina azulada.
- M-marinette? - Chat Noir fica de queixo caído.
- Oi Chat.
- Eu não acredito! É você! - Chat Noir a abraça.
- Siim. - ela retribui.
- Pera, a menina que eu mais amo nesse mundo era a minha inimiga?
- Aham hahahaha!
- Hahaha, bem acho que você também precisa saber quem sou eu.
- ...
- Que foi?
- N-nada.
- Não quer saber eu sou eu?
- Quero sim...
- Olha, não precisa ter medo, eu to aqui com você ok?
- Sim.
- Bem... então lá vai.

Chat Noir tira seu anel.

- ADRIEN????
- Surpresa! Hahaha
- Ahhh não acredito!
- Oque?
- Eu fiquei em dúvida entre você e você! Hahahaha!
- Hhahahaha! Verdade!

Eles se abraçam.

- Então... toda aquela conversa na escola sobre ser virgem.... eu estava falando com o cara que eu perdi a virdindade? - Marinette cora.
- Hahaha pois é!

- Adrien...agora que sabemos quem somos... nós podemos derrotar o Hawk Moth juntos e... quem sabe até... achar a sua mãe.
- Q-que?
- Se você quiser claro.
- É... uma ótima ideia Mari.
- Ótimo! E não se preocupe, eu to aqui com você ta?

Eles se beijam, um beijo intenso e cheio de amor.

- Mas primeiro... precisamos descobrir o lugar secreto de Hawk Moth. - diz Adrien.


Notas Finais


Até amanhã gente!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...