História Even In The Rain - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Drama, Jikook, Lemon, Romance
Exibições 34
Palavras 1.751
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Escolar, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


É minha primeira fic Jikook
Não sei se continuo, vou escrever com cuidado ~desculpa se tiver algum erro~
Boa leitura
sz

Capítulo 1 - Desafio


Fanfic / Fanfiction Even In The Rain - Capítulo 1 - Desafio

Ventava forte. O sinal tocou e todos os alunos seguiam para suas respectivas aulas. Minha franja estava grande, cobrindo os olhos. Olhei para o céu e vi o tempo se fechar, mais tarde choveria. Sorri e fui para minha primeira aula do ano. Já estudava naquela escola há muito tempo. Sentei em minha carteira, uma perto da parede, a segunda. Um garoto com um capuz sentou-se em minha frente. A sala não demorou muito para se calar. A primeira matéria do ano seria Literatura. Gosto muito desta matéria. Hoseok-hyung, meu melhor amigo naquele colégio, sentou do meu lado.

- Está animado para conhecer pessoas novas? - falou sorridente - Esse na sua frente é o...

- Jeon Jungkook, eu sou de Busan, talvez vocês não conheçam o colégio que estudava - o garoto da minha frente estava em pé se apresentando para o professor

- Seja bem vindo. Próximo

- Park Jimin, já estudava aqui - falei rápido em meio a sorrisos. Todos se apresentaram e a aula começou.

[...]

O intervalo chegou. Fomos para o pátio aberto, ainda ventava muito, mas mesmo assim fomos.

- Jiminnie, não vai comer nada?

- Eu preciso manter a forma

- Yah! Você é muito inseguro! Pare com isso - deu um tapinha em minhas costas e riu. Sorri sem mostrar os dentes e senti os primeiros pingos de chuva caírem em meu rosto. Olhei para cima e Hoseok pegou meu braço, puxando-me para a área coberta, o refeitório. Aquele lugar estava lotado. Procuramos algum local com menos pessoas. Havia apenas uma mesa com um garoto que lia um livro. Parecia ser o...

- Jeon Jungkook! Prazer em conhecê-lo, sou Jung Hoseok e este é Park Jimin, estamos muito felizes por você estar aqui - ele nem deixou eu pensar e já me arrastou para lá. O menino nos encarava com a cara de quem não havia gostado da abordagem - Podemos sentar aqui? Está tudo tão cheio e... - Jeon Jungkook assentiu e voltou a ler seu livro. Sentamos

- Hyung

- Ele não gostou de mim? - sussurrou em meu ouvindo

- Talvez não seja isso, hyung. Ele parece querer ficar sozinho, vamos sair daqui - falei calmo e baixo para não incomodar a leitura do jovem

- Podem ficar aqui - abaixou o livro e sorriu sem mostrar os dentes. Hoseok correspondeu e eu também, já que fomos surpreendidos pelo moço calado

- Sério? Então não tem problema?

- Sério - sorriu novamente - vocês não precisam sair - o sorriso em seu rosto se desmanchou - Eu mesmo saio - saiu sem falar mais nem uma palavra. O sorriso em nossos rostos ficaram fracos

- Esse cara não é legal

- Hyung, nós o atrapalhamos

- Ah! TaeTae atrapalharia mais. Aliás, ele não veio hoje por que?

- Não sei... - o sinal tocou e voltamos para nossas aulas. Não vi mais o menino misterioso nas aulas seguintes.

[...]

Guardei meus materiais e peguei meus livros. Fui até meu armário e os guardei. Próximo de mim estava Jeon Jungkook, organizando seu armário. Decidi ir até ele pedir desculpas.

- Jeon Jungkook - falei devagar experimentando cada letra de seu nome - Nos desculpe por mais cedo, não queríamos te assustar ou expulsar... - ele virou-se para mim

- Só pelo fato de você ser humano já me irrita - o que ele quis dizer com isso?

- Me desculpe - curvei minha cabeça e saí. Jeon Jungkook talvez fosse mais amigável no próximo dia, ou como Hoseok disse ele não gostou da nossa presença. Hoseok estava me esperando na porta, acompanhado de Jin-hyung, não o vi hoje. Corri e o abracei, o mesmo correspondeu com muita alegria

- Jimin-ah! Quando você me viu não fez tudo isso! - falou choramingando

- É porque ele só abraça pessoas bonitas

- YAH! O que você quis dizer? - Jin e eu rimos - Hyung! Ah, sério! - o abracei para que parasse de fazer drama

- Vamos comer fora? - Jin sugeriu

- Você falando isso? Sempre quer empurrar alguma comida feita por você em nós - ri e Jin respirou fundo. Fomos para o Jonny Dumpling, lugar onde sempre íamos juntos. Pedimos nossas comidas e aguardamos.

- Conheceram alguém novo hoje? - Jin-hyung perguntou

- Sim... - Hoseok respondeu lembrando-se do que aconteceu mais cedo - Mas ele não foi nada gentil! Aquele...

- Hyung! - encostei em seu braço e ri

- Ah, algumas pessoas são assim no primeiro dia

- E você, hyung? Não te vimos no intervalo...

- Ah, sim, eu conheci alguém hoje. O nome dele é Kim Namjoon e eu estava mostrando algumas partes importantes do colégio para ele. Namjoon foi realmente atencioso e gentil comigo - sorriu

- Queremos conhecê-lo depois - falei

- Quando eu tiver certeza de que possa o apresentar para vocês, ok

- Precisa ter certeza? - Hoseok disse quase gritando

- É para a segurança de vocês - sorriu e nossas comidas chegaram - Também tem um outro novo aluno da minha idade, acho. Mas não consegui falar com ele...

- Min Yoongi? - Hoseok perguntou

- Como sabe o nome dele, hyung?

- Ah, todas as garotas estão falando dele

- Isso quer dizer que Hoseok anda com as garotas - Jin-hyung riu alto tampando a boca com a mão

- Yah! Não é isso! Elas falam um pouco alto e eu só...

- Nós entendemos, hyung - ri baixinho.

[...]

Eu não enxergava nada além de uma imensidão branca. Tudo era vazio. O espaço é vazio. Que espaço? "Ele precisa ser preenchido para que haja batimento" era o que gritavam em meus ouvidos. Corri o mais rápido que consegui, mas mesmo assim... não tinha fim.

[...]

- Omma! Já estou em casa - tirei meus sapatos e coloquei minha surippa - Omma? - Fui até a cozinha e ela estava encostada na geladeira - Está tudo bem?

- Park Jimin... Seu pai...

- Ele fez de novo, omma? - cerrei meus punhos

- Não brigue com ele, por favor - respirei fundo e segui seu pedido. Peguei alguns curativos no banheiro e levei minha omma até seu quarto - Eu faço, obrigada, meu filho. Como foi seu primeiro dia?

- Normal - sorri fraco - tem um novo garoto na sala, mas não acho que ele irá querer falar comigo ou com algum dos meus amigos

- Por que? - disse passando pomada em seus machucados

- Ele disse que somos irritantes, omma. Melhor o deixar sozinho...

[...]

Estava esperando meus amigos no mesmo banco de sempre. O dia frio fez com que todos os alunos estivessem usando blusas grossas. Hoseok não demorou muito para aparecer, ao seu lado, Taehyung.

- CHIMCHIM - correu para me abraçar. Correspondi

- Yah! Por que faltou ontem? Precisávamos de você aqui! - o empurrei fraco e ri

- Jimin-ah, por que nunca me recebe assim? Estou com ciúmes - ri e o abracei

- Se acalmem, Taehyung-nim está aqui e tudo ficará bem - falou colocando a mão na cintura e fazendo uma pose engraçada. Rimos e o sinal tocou. A primeira aula seria música. Jeon Jungkook sentou em minha frente novamente, Taehyung sentou atrás e Hoseok no mesmo lugar.

- Bom dia. Eu andei conversando com a diretoria e nós decidimos trazer uma empresa aqui... Para fazer audições e descobrir novos talentos! Tenho certeza de que nossa classe está cheia de talentos. Se algum de vocês quiserem participar, terão que assinar seus nomes em uma lista que ficará na entrada do refeitório, façam isso no intervalo. Pensem bem! É uma chance única - o murmúrio tomou conta da sala - SHHH, atenção, irei deixar esta aula ser livre para que pensem mais sobre o assunto. Se tiverem dúvidas, por favor, perguntem

- Como saberemos o dia da audição? - alguém perguntou

- Isso será avisado logo depois que as listas forem preenchidas. Não se preocupem, irei mantê-los bem informados - eu deveria participar?

- Hyung - Tae chamou Hoseok

- Sim?

- Vamos participar?

- Ah, eu não acho algo divertido... Os jurados irão nos humilhar, isso é chato

- Será sim, vamos, por favor! - juntou suas mãos

- Ok... E o Jiminnie?

- Eu o que?

- Ele também vai participar, né Jimin - piscou para mim

- É melhor esquecer isso, Taehyung

- Eu quero participar - sorri - parece ser legal

- Ok...

- Podemos chamar o Jin-hyung também - falou animado

- Ele não deve se interessar por isso, TaeTae - Jeon Jungkook riscava um papel que parecia estar escrito letras de músicas do... Big Bang? Inclinei-me um pouco para frente e sussurrei em seu ouvido

- Você gosta de K-pop? - ele se assustou e virou rápido para mim

- Como você...

- Não sou cego - fez um rosto sem expressão - me responda

- O que isso interessa?

- Vai participar da audição, Jeon Jungkook? - sorri e ele olhou em meus olhos e abriu a boca, mas nada falou - Será que você sabe falar?

- Isso não é da sua conta, Park Jimin, se eu for ou não fazer as audições não fará diferença para você

- Podemos cantar uma música juntos - sorri mais ainda. Ele estava se irritando e virou-se de volta

- Jiminnie - Tae chamou

- Sim?

- O que foi isso? - Hoseok perguntou

- O que? - os dois se olharam, me olharam, se olharam novamente e riram. O intervalo não demorou muito para chegar. Fomos para a área aberta e lá estava Jin-hyung com seu mais novo colega.

- Hyung! - Tae correu e o abraçou

- Jimin, veja como esses dois são falsos

- Por que? - ri

- Compartilham amor somente entre eles

- Hyung, eu ouvi isso - Taehyung falou bravo

- Olá, Kim Namjoon

- Como eles sabem meu no...

- Ah, falei de você ontem - sorriu

- Hyung - chamei Hoseok - vou colocar nossos nomes na lista - assentiu e saí. Chegando perto do livro, vi Jeon Jungkook o olhando de longe. Ele foi andando devagar até chegar lá. O surpreendi quando ainda estava escrevendo seu nome - Você tem cara de cantor - sorri

- Você também irá participar? Boa sorte, mesmo que você e seus amigos não pareçam estar lá para algo sério... - saiu. O que foi isso? Um desafio? Bom... Tanto faz, irei cantar de verdade. Vamos ver o potencial deste moço.


Notas Finais


Obg por lerem
asod-jadk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...