História Evil Girls - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens Jackson, JB, Jimin, Jungkook, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, V
Tags Jimin, Mark, Mistério, Rap Monster
Exibições 36
Palavras 1.472
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Terror e Horror, Violência
Avisos: Canibalismo, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


DEPOIS POSTO CAPA AMORES... TO POSTANDO ESCONDIDO

Capítulo 9 - Capitulo 9


Fanfic / Fanfiction Evil Girls - Capítulo 9 - Capitulo 9


POV Meghan
   

    Bella subiu com o Mark para "dormir",Liza sumiu com o Jimin, Luana foi dormir com o Tae pois acho que ela devia estar super bebada. Akary e JB estavam brincando de 7 minutos no céu no quarto e a minha pessoa que não é obrigada a nada nessa vida-só comer por que comer é safiqgrado- fiquei com belissima missão de encerrar a festa.
 

    Toda festa a Bella que fazia isso junto com a Liza e não eu,injusto enquanto elas estão lá no oba oba com os boys magias delas eu fico aqui mandando esse povo embora.
 

  Ta eu confesso,bebi e bebi muito mesmo,bebi muito mais do que eu to acostumada. Se um Alien aparecer na minha frente querendo me sequestrar eu juro que vou achar que é o Justin Bieber vindo me beijar. Eu bebi TequilaGold,Vodka com alguma coisa,Martini e varias outras coisas que eu nem sei o que era.
 

   Estava na sala tentando acordar um grupinho de jovens que estava jogado no chão dormindo -bateu uma inveja deles agora-,pra falar a verdade eu estava tentando não me jogar em cima deles e dormir ali mesmo.
 

 -Vai gente levanta a festa acabou - minha voz saiu super baixa e eles nem se mexeram.

  -Levanta cambada de vagabundos a porra da festa acabou,não ouviram a garota- essa voz era grossa e acho que não é minha ja que tem um gato na minha garganta,bom pelo menos deu certo ja que todos que dormiam levantaram assustados e sairam da casa.

   Me virei e vi NamJoon atras de mim,até que essa fantasia de noivo caiu bem nele.
 

 -A noivinha aqui precisa dormir não é mesmo?-ela ergueu uma sombracelha e sorriu mostrando as suas lindas covinhas. 

      Fiquei um tempo olhando para seu rosto,o formato de sua boca,suas covinhas tudo simplesmente perfeito. Ele percebeu que eu estava olhando pra ele e seu sorriso se abriu mais ainda me fazendo corar. Quando pensei em falar alguma coisa uma chuva horrivel começou a cair lá fora e eu tremi da cabeça aos pés. Tenho pavor de chuvas.

  -Ei,calma e só uma chuvinha-disse ele se segurando pra não rir. 

    Um trovão alto e forte o suficiente pra fazer a casa toda tremer foi ouvido e eu corro pro sofá que estava mais proximo e agarrei meus joelhos para apoiar minha cabeça, meu corpo todo tremia e agora eu nem sabia meu nome. NamJoon se abaixou na minha frente e acariciou meu cabelo tentando de alguma forma me acalmar.

   -Tem medo de chuva né?-perguntou com aquela voz rouca maravilhosa e eu assenti -O quer fazer até a chuva passar?- ele se sentou do meu lado, eu não quero você aqui e não vou falar nada.-Meghan?-perguntou e bem na hora outro trovão surgiu do alem. Eu me balancei mais rapido.

   -Minhas irmãs e eu contamos histórias até a chuva passar- falei bem baixinho ja que o medo me consumiu por completo.
 

 -Então eu irei contar uma e vou ficar aqui com você tudo bem?-perguntou sorrindo.
 

  -Obrigada!-agradeci.
     

 -Diz a lenda, que Lucifer se apaixonou por uma humana, mas ela não o amava, enfurecido ele a arrastou para o inferno assim a obrigando a se tornar sua esposa para toda eternidade! -começou ele e eu conheço muito bem essa historia. -Com o passar do tempo Lucifer decidiu que queria ir além do inferno, e assim, tomado pela ganancia ele procurou por sua amada esposa e a obrigou a lhe dar filhos. Assim a mulher fez e lhe deu uma filha,mas a ganacia de Lucifer ia além do que o pobre corpo da mulher pode aguentar, então ele a tornou imortal e encurtouseu tempo de gestaçao para um més. Depois disso 5 filhas vieram ao mundo e sem um pingo de compaixao ele enviou as duas primeiras filhas para a terra,para um orfanato!- ouvir essa historia não estava nem um pouco me acalmando afinal- Elas eram lindas,porem, seus crescimentos anormais iriam atrapalhar os planos de Lucifer, ele entao esperou que seus corpos chegassem a aparencia de terem 8 anos. Quando a mais velha completou 10 anos ela conheceu a magia e, sem querer descobriu os planos de seu pai tinha pra ela. Com medo ela fugiu para longe, longe da irmã.- essa parte da historia eu nem lembrava. -Enfurecido,Lucifer foi fazer uma visitinha para filha que havia sido abandonada,ele se aproveitou de sua filha naquele dia,mas o que ele nao esperava aconteceu,o lado humano dela se apaixonou perdidamente por ele.

   -Quem te contou essa história?-perguntei.
 

   Ele fez sinal para eu me aproximar e eu me aproximei, a chuva ainda estava forte lá fora e eu ainda estava meia abalada. Ao me aproximar dele,ele me surpreendeu ao me colocar sentada em seu colo,seus braços me acolheram igual uma mãe faz com seu bebê. Mas, a unica diferença e que agora o bebê estava no colo de um pai super bombado.
 

  Aconchegada em seu colo que deitei minha cabeça em seu peito sentindo seu maravilho perfume,enquanto uma de suas mãos acariciavam a lateral de minha cintura a outra trabalhava em afagarar meus cachinhos.
 

  -Eu li isso uma vez em um livro na escola e meio que decorei depois de ler umas mil vezes- rimos baixinho,e ao ouvir um trovão eu me encolhi mais em seus braços.
 

 -Continua- pedi.
   

-Para seu plano prosseguir sem que nada o atrapalha-se, Lucifer criou suas 4 filhas de apenas 2 anos pessoalmente. Mas,houve uma pequena falha em seu plano...sua segunda filha iria completar 11 anos em apenas 1 més enquanto as outras nem chegaram a 3,ele a tirou do orfanato e a colocou em uma mansão afastada na floresta, sozinha e desprotegida. -de repente a imagem de Bella mais nova me veio a mente.- Foi questão de tempo para todas suas filhas se juntarem a mais velha na terra e terem a aparencia esperada para estar na 6º serie, e assim as idades ficaram parecidas com apenas meses de diferenças.
 

 -E o resto? Acabou? Por que mulheres e não homens? -eu sabia de toda historia e inclusive a parte oculta.
 

 Ele deu um tapinha na minha perna indicando que era pra eu levantar e assim eu fiz, ele se levantou tambem e puxou o sofá que virava cama,se sentou e meu puxou novamente para seu colo.
 

 -Eu só conheço essa parte da historia-disse ele.
 

 -Eu só conheço a parte oculta-digo e bocejei.
 

 -Me conta-pediu ele com os olhinhos brilhando.
 

  -Amanha-sorri e ele retribuiu-To com sono-bocejei novamente.
   

  NamJoon me jogou no sofá  e ficou em cima de mim,dava pra ver um pingo de malicia em seu olhar. Seu rosto estava proximo ao meu,eu podia sentir sua respiração se misturar com a minha. Um raio super barulhento caiu e a luz se apagou dando lugar a escuridão,quando pensei em gritar eu senti seus labios macios se juntarem ao meu.
   

Ele deu inicio a um beijo calmo,nossas linguas dançavam sensualmente em uma sincronia impressionante. Outro raio foi ouvido por mim e eu quase interrompi para gritar. Porra,ja não basta estar no escuro e ainda tem que ficar ouvindo raios?
 

Escuro.
 

  Lembrei que no escuro eu não respondo por meus atos e não vou mentir,eu estou com fome. Parei o beijo e tirei delicadamente NamJoon de cima de mim que me olhou confuso,sentei no sofá e tirei meus saltos com cuidado para ele não ver que meus olhos ardiam em um vermelho sangue -sim eu sabia que eles mudaram,mesmo sem olhar no espelho.
 

 -Desculpa NamJoon eu realmente preciso dormir- me levantei e segui para as escadas e ele me seguiu.

  -Tudo bem,eu tambem preciso dormir-disse ele sorrindo sapeca.

  Minha santa mãe do duplo sentido.
 

  Fui seguindo em direção ao meu quarto e ele continuava a me seguir,o dia estava começando a clarear mas ainda sim estava escuro. Parei na porta do meu quarto,destranquei a porta e eu entrei,joguei meus sapatos em qualquer cantos e olhei para a porta que NamJoon fechou ao entrar.
 

 -Onde você pensa que vai?-perguntei vendo ele indo em direção a minha cama.
 

  -Dormir?- ele disse o obvio.
 

 -Mas,esse é meu quarto.
 

  -Jura? Nem sabia-debochou.
 

 -Hum-resmunguei,prendendo meu cabelo em coque frouxo após tirar a coroa de flores    
 

 -Dois.
 

  -Cinco,dedos na sua cara-ja deu pra perceber que eu mudo no escuro ne? Por que a minutos atras estavam quase se engolindo.
 

  -Duas,mãos na sua bunda- mesmo no escuro eu conseguia ver seu sorriso malicioso.
   

  Imaginei eu sentada em seu colo lhe arrancando o coração e me deliciando com o seu gosto,meu estomago roncou. Antes que eu fizesse algo que eu me arrependa depois eu sai do quarto  as pressas, desci as escadas correndo sem me importar de estar descalçaou ou se iria cair. Dei de caras com as minhas irmã e...Kristin? Não vou nem perguntar.
 

  Não foi dificil saber o que todas estavamos fazendo ali,todas tinhamos fome. A chuva ja havia passado e então, saimos em plena madrugada para matar nossa fome.
 


Notas Finais


POR FAVOR NÃO DEIXEM DE COMENTAR E IMPORTANTE
DUVIDAS:https://chat.whatsapp.com/E7imitK6vfuK2highjushG

BEIJAO


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...