História Experience - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amor, Drama, Lesbian, Revelaçoes, Romance, Triângulo Amoro, Universidade, Yuri
Exibições 2
Palavras 727
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - 1- Detalhes


Existem quatro tipos de pessoas em um colégio:

1- As patricinhas, ou como a galera do fundamental inocentemente chama de "Barbies", geralmente são bonitas porém burras e namoram desde os 12, a maioria não possue irmãos, ganharam carro aos 16 e vão para a escola apenas para lixar as unhas. Definitivamente essa não sou eu.

2- Kens: geralmente esse grupo é composto pelos jogadores. Na sua maioria não são muito inteligentes, fazem bullying com o grupo 4 e adoram expôr a "masculinidade" deles em público. Por exemplo, o último dia da independência em que eles tiraram as camisas e fizeram pollydance no mastro da bandeira. Sem comentários...

3- Os caras do fundão: é o grupo mais bacana e mais babaca ao mesmo tempo. Nele ficam aqueles que não entraram pro time, têm pais bêbados, pinto pequeno e só pegam as garotas por serem (na sua maioria) bonitinhos e, assim, descontam toda sua infelicidade nos outros. Mas, a parte bacana nesse grupo são os caras legais, inteligentes e maduros que infelizmente possuem amizade com o restante.

4- Os chamados cdfs são aqueles carinhas que a gente só costuma encontrar na escola porque não sabem fazer outra coisa a não ser estudar e estudar. São alvos fáceis do grupo 1, 2 e 3. Eles andam com os Nerds porque acham que ficariam mais populares se soubessem lidar com tecnologia. E os nerds andam com os cdfs porque nem todos vão bem nas matérias.

E claro, existe eu. Que não me encaixo em nada, sou apenas eu. Do meu jeito. O jeito Anne de ser. Eu faço música e músicos no colegial não são muito prestigiados.

A Natalie se saiu melhor nesse papel, foi líder da torcida por um ano e sempre foi muito bem vista por todo o colégio. Ela é a cereja que não pode faltar no bolo. É minha melhor amiga e nos conhecemos desde o jardim. Moramos na mesma rua desde os 5 anos e agora estamos à procura de uma casa perto da faculdade para morarmos juntas. Seria meu sonho? Conseguimos uma bolsa de estudos numa universidade na capital então precisamos nos mudar.

Existe algo que eu nunca contei pra ninguém, nem mesmo pra Nat e não sei se vou conseguir guardar por muito tempo já que vamos morar juntas agora. Eu sou apaixonada por ela e descobri isso aos poucos. Não foi fácil aceitar essa condição, eu me senti um lixo por muito tempo até entender e poxa, as pessoas são muito cruéis, então prefiro que seja assim.

Isso se tornou uma bola de neve que se formou em cima de muita mentira e eu odeio mentir, principalmente pra minha mãe e pra minha melhor amiga. E o pior de tudo é que...

... ela tem namorado.

ESTRAGOU TODOS OS MEUS PLANOS E ACABOU COM TODOS OS RESQUÍCIOS DE ESPERANÇA QUE EU TINHA DE NO FUNDO ELA SENTIR ALGO POR MIM TAMBÉM. Porra. Que merda hein. Logo esse panaca do Ron. Ele é mais velho que ela e já reprovou dois anos. Não que ele seja ruim nem nada, não é possível que ela fosse se apaixonar por um completo idiota. Ah, vai, ta bom. Ele é legal comigo. Mas não me deixo enganar por um rostinho bonito e algumas notas boas. Só trabalho com fatos e provas concretas de que ele não vai aprontar nenhuma merda com ela. Além de minha melhor amiga, é a mulher que eu amo...

Os pais do Ron são donos de uma loja de produtos chineses. O que faz uma família espanhola vendendo produtos chineses? O filho mais velho da família morava na Espanha mas sumiu, dizem por lá que ele se meteu com gente barra pesada e saiu do país. Ninguém tem notícias dele. Como eu sei disso? Boatos rodam a cidade inteira. E mais, a família dos pais do Ron saiu às pressas da Espanha para cá mas eu não sei dizer porque, só sei que eles estão aqui a uns 25 anos e já são a segunda geração desde a fuga que vende produtos chineses a um preço que até os próprios chineses diriam "mas o que é que isso?!", e eles magicamente lucram. Está aí uma das coisas que fazem meu santo não bater muito com o dele. Vai que exista uma máfia por trás disso tudo? Nunca se sabe, talvez a Natalie esteja cega.


Notas Finais


Sua opinião é parte importante dessa obra!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...