História Express - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias Once Upon a Time
Personagens Albert Spencer (Rei George), August Wayne Booth (Pinóquio), Capitão Killian "Gancho" Jones, Cora (Mills), Cruella De Vil, David Nolan (Príncipe Encantado), Dr. Archie Hopper (Jiminy Cricket), Dr. Whale (Dr. Victor Frankenstein), Emma Swan, Fa Mulan, Hades, Henry Mills, Lacey (Belle), Lilith "Lily" Page, Madre Superiora (Fada Azul), Malévola, Mary Margaret Blanchard (Branca de Neve), Mérida, Neal Cassidy (Baelfire), Personagens Originais, Peter Pan, Princesa Aurora, Príncipe James, Regina Mills (Rainha Malvada), Robin Hood, Roland, Ruby (Chapeuzinho Vermelho), Sr. Gold (Rumplestiltskin), Violet, Zelena (Bruxa Má do Oeste)
Exibições 161
Palavras 510
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Magia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


É isso, chegamos ao antepenúltimo capítulo da nossa tão amada estória.
Foram longos caminhos e estradas para Emma e Regina mas felizmente, o velho e clichê felizes para sempre as aguarda.


Mais um, menos um. 🏹🐺

Capítulo 27 - You are my happy ending, Regina.


Já haviam se passado dias desde o ocorrido, Regina e Branca finalmente acertaram seus pontos soltos de uma vez. Todos queriam retornar para a floresta encantada, e Regina faria isso. Eles iriam para casa depois de dez anos parados no tempo!
Estavam na fronteira da cidade, Regina e o pergaminho da maldição.
- prontos?

Perguntou, abrindo o pergaminho. Ouviu um sonoro sim de todos e começou a rasgar o pergaminho, a fumaça roxa envolveu toda cidade e em minutos estavam todos de volta a seu devido lugar, a floresta encantada novamente.

Emma olhou em volta, e sorriu suas macieiras estavam lá ainda, lindas e belas como ela se lembrava.
-Lar doce lar.

A loira disse e respirou fundo, sentindo o ar dentro de seus pulmões.
Estavam com as mesmas roupas de quando a maldicao foi rogada, Emma estava com o vestido de quando era senhora das trevas. Branca com um vestido azul turquesa manchado de sangue, Charming com sua blusa branca e calça solta, entre os outros.

Todos ficaram parados ali por um bom tempo, sentindo o vento correr por seu corpo. Estavam em silêncio e de supetão Emma pulou no colo de Regina assustando a mulher, segurou seu pescoço e lhe deu um beijo urgente, carregado de saudades e paixão.
Os presentes ficaram em silêncio observando a cena, Emma ainda parecia a menina de quinze anos perto de Regina.
A loira terminou o beijo, dando um selinho e um beijo na bochecha de Regina e saiu de seu colo, correndo igual uma criança travessa para dentro da floresta de macieiras.
Todos ficaram boquiabertos, ela não havia mudado nada, Regina sorriu.
-não mudou Nada, Swan.

Cada um foram para seus devidos lugares, ajeitando seus reinos, Trocaram suas roupas, descansaram.
Regina não conseguiu pregar seus olhos, Emma não havia voltado da floresta.
Jantaram, e a Rainha foi procurar a sua menina e a encontrou tomando banho no rio que tinha por ali entre a floresta, seu corpo pálido, musculoso e esbelto atiçou algo na mulher, mas apenas observou cada movimento da mulher, secou-se com a toalha que fez surgir em suas mãos com sua magia e sentou-se apenas com uma pantalona branca. Regina chegou por trás da mulher, arranhando sua barriga, indo até seus seios fazendo a mulher soltar um gemido tanto pela surpresa e pelo desejo que se apossou por seu corpo.
- eu senti muito sua falta, Swan.

Virou a mulher para si, sentando-a em seu colo, retirou a pantalona com as unhas beijando-a em completo desejo, e foi-se cada peça de roupa da rainha.
Regina deitou Emma, ficando por cima da mesma admirando cada parte de seu pequeno corpo.
Suas mãos ágeis faziam a mulher delirar. Seus corpos nus, iluminados pela luz da lua, arranhões e gemidos abafados, toques quentes e audaciosos. E o ápice, atingido em plenitude.

Deitaram-se uma ao lado da outra, Emma puxou Regina para seus braços, a morena havia dormido a pouco tempo, e aconchegou-se mais no peito da loira. -você é meu final feliz, Regina.

Sussurrou e logo após pegou no sono, abraçadas.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...