História Eyes Eyes Eyes - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias TWICE
Personagens Chaeyoung, Mina
Tags Chaeyoung, Dahyun, Jeonghyo, Jeongyeon, Jihyo, Michaeng, Mina, Momo, Myoui Mina, Namo, Nayeon, Sana, Satzu, Son Chaeyoung, Twice, Tzuyu
Visualizações 72
Palavras 785
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), FemmeSlash, Orange, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


boa leitura e desculpem por qualquer erro!! <3

Capítulo 3 - Capítulo Três


           ChaeYoung caminhava calmamente pelo estacionamento localizado na frente de seu colégio. Sabia que muito provavelmente NaYeon havia se esquecido dela e ficaria plantada em meio ao asfalto e o sol quente torrando por aproximadamente mais meia-hora.

            Mas para sua surpresa a ruiva já se encontrava a esperando apoiada em seu Palio cinza. Quando NaYeon vira a pequena, começara a acenar freneticamente enquanto dava pulinhos para sinalizar que estava ali, mesmo sabendo que ChaeYoung já a havia visto, na verdade a encarava com o rosto vermelho como um pimentão.

            A verdade era que elas se conheciam desde que ChaeYoung era criança. NaYeon era a amiga mais próxima de JeongYeon, e começara a visitar a casa dela quando tinha apenas dez anos, quando ChaeYoung possuía apenas três anos de idade. A menina crescera ouvindo as piadas sem graças e vendo as pegadinhas nada convencionais de NaYeon, ela era como a irmã mais velha divertida. Sempre tivera curiosidade do porquê ela e sua irmã eram amigas, não possuíam absolutamente nada em comum a não ser de gostarem de garotas.

            NaYeon era extrovertida e nem um pouco responsável, enquanto JeongYeon era o completo oposto. O que ocasionava muitas vezes em brigas que não duravam mais do que uma hora porque simplesmente não suportavam ficar longe uma da outra.

            Enquanto andava em direção da outra ChaeYoung pode sentir todos os olhares queimarem suas costas. Odiava chamar atenção, então evitava ao máximo se meter em situações embaraçosas, como a que se encontrava no momento.

            - ChaeYoung! Não vai abraçar sua tia não?! – disse a ruiva em tom de deboche. Desde que JeongYeon assumira a guarda da pequena NaYeon gostava de se considerar a tia da mesma, a tia legal como costumava dizer.

            - Não. Agora podemos ir por favor? Estou morta de fome.

            - Calma ai apressadinha, vem mais uma pessoa a bordo hoje. – falou exibindo o seu melhor sorriso, como se tivesse acabado de ganhar um prêmio Nobel – Era pra ela já estar aqui, mas acho que se atrasou um pouco...

            ChaeYoung apenas a encarava confusa, não se lembrava de nenhuma prima de NaYeon que estudasse no mesmo colégio que o seu. Mas então o sorriso da ruiva se alargou ainda mais, como se fosse possível. A pequena procurava freneticamente pelo alguém que NaYeon encarava com tanta felicidade.

            Mas logo o sorriso da mais velha se desfez e foi tomado por uma expressão triste quando Harai Momo passou reto pela mais velha.

            Assim que Momo dobrara a esquina, NaYeon recebera uma notificação em seu celular e o sorriso voltou a tomar conta de si. ChaeYoung apenas encarava a situação inteira com uma cara ainda mais confusa quando a ruiva entrara correndo em seu carro, dando partida sem dizer nada.

            Chegaram na casa de NaYeon vinte e cinco minutos depois pelo transito, já que a mais velha morava apenas vinte minutos a pé da escola. Na verdade não sabia nem porquê havia a buscado e carro, quando ela tinha que passar o dia com Ao chegarem ao pequeno apartamento da mais velha se depararam com a porta aberta, coisa que mesmo com toda a irresponsabilidade da mesma ChaeYoung nunca a vira fazer.

            A verdade é que tinha medo que uma de suas ex-ficantes voltasse com fúria de si e quebrasse tudo que havia lá dentro, a pequena sempre achara muita graça da paranoia de NaYeon, mas preferia deixar quieto. Eram poucas as coisas que a mais velha possuía um certo grau de preocupação e ChaeYoung não queria que a lista ficasse ainda menor.

            Ao entrar a pequena se deparou com uma figura trajando o uniforme e seu colégio sentada no sofá. ChaeYoung se mostrara sem reação por alguns segundos até enfim associar o que estava acontecendo.

            E então os pontos começaram a se ligar na cabeça da pequena, quando JiHyo apontara para a castanha no estacionamento do colégio e o porquê todas as fotos que NaYeon mandara abraçada da menina pareciam familiares demais. Se tivessem a contado três dias atrás teria dado uma boa risada, mas agora toda a situação parecia real demais.

            - ChaeYoung conheça minha namorada! Quer dizer conhecer não né porque vocês já se conheciam-

            - Uau. – foram as únicas palavras que a menina conseguira pensar naquele momento. Um turbilhão de pensamentos passava por sua cabeça, e não conseguia resumi-los em nenhuma outra expressão ou palavra. Após alguns de puro silêncio ChaeYoung finalmente conseguira formular uma frase – Minha irmã vai te matar.

            A realidade é que apenas olhara diretamente para os olhos da menina sentada no sofá uma única vez, mas o suficiente para reconhecer quem era. NaYeon estava namorando uma menina sete anos mais nova que si e essa menina não era ninguém menos que Harai Momo.


Notas Finais


pretendia aumentar o capítulo juro!!! mas achei q se parasse ai seria mais legal, alem do mais não gostei de como ficou o resto então terei que reescrever tudo novamente. talvez demore um pouco mais mas vou tentar o meu melhor!! espero q estejam gostando!! <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...