História Facial - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO, Kris Wu
Personagens Chanyeol, Kris Wu
Tags Bottom!kris, Kris!bottom, Krisyeol, Topchan
Visualizações 114
Palavras 800
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ecchi, Lemon, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


depois de quase 1 mês eu to postando essa fic, meu deussss

para gabrielle (@peachh) a mais sedenta por krisyeol que conheço. se te decepcionei com isso peço desculpa, mas não é nada de novo vindo de mim né?

perdoem os erros e até

Capítulo 1 - Capítulo único: facial


O frio estrondoso do lado de fora era contraditório ao calor infernal daquela sala, daquele dois corpos em combustão de desejo e paixão. Ambos os garotos estavam ofegantes, se esfregando em uma necessidade de sentir que parecia nunca ter fim. Haviam transado quase a noite toda, em um sexo lento e forte, mas ainda o prazer corria nos corpos; algo ardente e intenso.

"Yeol?" Resmungou Yifan, gemendo com o chupão deixado em um de seus mamilos. "Quero te chupar, por favor."

Chanyeol levantou o rosto e encarou o maior nos olhos. O rapaz era lindo demais, tirava todo seu fôlego apenas com um sorriso ou toque sutil, quem dirá quando lhe pedia algo daquele nível. Yifan sabia o poder que exercia no namorado e abusava de tal fato, sempre pedindo algum toque a mais ou simplesmente agindo sozinho quando o Park demorava demais para agir. Não poupava esforço ao provocar o menor, sentando em seu colo durante as noites que deveriam ser mais tranquilas e basicamente exigindo que Chanyeol o fode-se até perder a voz.

O mais novo ficou em pé na beira do sofá e logo o maior estava em sua frente o tocando de forma lenta enquanto distribuía beijos por todo seu quadril e parando pertinho de seu membro. O Wu sorriu ladino colocando a língua para fora e olhando diretamente para o rosto de Chanyeol, que ofegava em ansiedade e tesão. Deu chupões leve por toda a base, lambendo cada parte para então sugar apenas a glande com certa força, o que fez o Park grunhir e segurar os cabelos platinados de modo apertado.

"Ande logo com isso, bebê." Pediu o menor, em um tom desesperado e afoito. Seu corpo queimava de puro desejo, amava demais a boca do amado para ter que aguentar toda aquela enrolação. Desejava foder a boca bonita até gozar, da mesmo forma que havia feito em outra parte de Yifan mais cedo.

"Não seja tão apressado, Chan" Falou baixinho, dando batidinhas com o músculo molhado na fenda do membro alheio e sentindo o gosto do pré-gozo em seu paladar. "Ou tudo perderá a graça, uh?!"

Voltou com a boca para a glande e sugando de forma lenta enquanto bombeava todo o pênis com uma mão, a outra palma trabalhando entre os testículos, causando o aperto maior em seus fios e um gemido arrastado. Começou a mover a cabeça lentamente, abocanhando em cada movimento mais e mais do membro teso em suas mãos.

O próprio Yifan sentia um prazer absurdo ao chupar o namorado, o membro expelindo tanta pré-porra como se estivesse sendo tocado diretamente, e os gemidos roucos e arrastados do Park apenas aumentava cada vez mais seu tesão abundante. Puta merda, poderia chupar o namorado todo o tempo e sempre ficaria duro para um caralho, quase ao ponto de gozar sem estímulo algum.

Os movimentos ficavam cada vezes mais rápido e então Chanyeol tomou o controle, segurando os cabelos claros o puxando e fazendo o namorado olhar em seus olhos enquanto fodia a boca bonita. Os lábios inchados úmidos de fluídos, os olhos marejados transbordando uma luxúria gritante enquanto o corpo grande apenas aceitava de bom grado todo aquele domínio sobre si. Amava demais quando o Park perdia o controle e se arremetia sem dó contra sua cavidade - não importando qual delas; a anal ou bucal - e apenas permitia, gemendo contido e aproveitando a sensação de ter o pênis duro e molhado somente para si. 

Quase para gozar, o Park retirou o membro da boca do maior e começou a masturbar rapidamente olhando para o rosto bonito e bem feito do Wu, este que gemia e esfregava as pernas uma na outra preste a gozar apenas com o olhar quente do namorado.

Fechou os olhos ao sentir o esperma lhe escorrer pela face, sorrindo e lambendo os lábios sujos em devoção. Talvez seu maior e único fetiche fosse ter Chanyeol gozando em seu rosto enquanto tinha o cenho franzido e perdido em um prazer absoluto causado pelo Wu.

"Você gosta, não é? Gosta quando gozo em seu rosto dessa forma." Falou o maior, sorrindo e limpando o rosto do outro com os dedos. Yifan chupou cada uma das falanges e sorriu safado.

"Gosto de tudo que vem de você." Ficou em pé e deu um selinho nos lábios cheinhos. "Literalmente tudo."

Chanyeol gargalhou e puxou o companheiro para colarem os corpos. Beijou a pele do pescoço do platinado, esfregando a pontinha do nariz na pele macia e sorrindo quando o corpo grande tremeu entre seus braços.

"Você precisa gozar." Constatou ao sentir o membro duro contra sua coxa.

"E você irá me ajudar, amor?"

"Vou. Vire-se e fique de quatro no sofá, irei te fazer gritar apenas usando os dedos." 

"Duvido." Provocou, mas se colocou na posição pedida.

E no final Yifan literalmente gritou de prazer ao ser fodido apenas com os dedos do namorado.


Notas Finais


esse final que ficou nem bom nem ruim dsclpaaaaaaaa

escrever top!chan é muito tenso bicho do céu

o que não se faz pelas amigas não é mesmo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...