História Fairy - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, D.O, Kai
Tags Baekhyun, Baekyeol, Chanbaek, Chanyeol, Comedia, Fadas, Romance
Exibições 75
Palavras 569
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Fantasia, Ficção, Magia, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá~
Tudo bem? Então, essa é minha primeira fic postada do exo e de chanbaek, o plot é bem fofinho, mas eu acho que vocês vão gostar.
A minha ideia inicial é que sejam apenas quatro capítulos, mas se gostarem, eu posso aumentar isso, certo?
Até lá no final~

Capítulo 1 - Chanyeol sempre pensou que fadas não existiam


​Eu nunca gostei de aniversários, qual era a graça de comemorar a velhice? Fazer aniversário só significa que a morte está mais perto de chegar, então por que gostam tanto de festas? Sinceramente, não faço ideia. E logo hoje, quando eu brigo com meu melhor amigo, Jongin? Só por causa de Do Kyungsoo? O pior de tudo é que neste dia abençoado, o MEU melhor amigo pediu para sair com essa peste e como eu fiquei? Sozinho com meus parentes e sem ninguém para assistir doramas comigo.

— Venha, Chanyeol. Assopre as velas e não se esqueça de fazer um pedido. — Minha mãe falou com um sorriso bobo no rosto, por mais que o tempo passasse e eu ficasse mais velho, ela continuava a me tratar como bebê. Cheguei mais perto do bolo de morango — meu favorito — e assoprei as velas com toda minha força num só pensamento.

“Eu quero um amigo de verdade”

Claro que não era verdade, eu só pensei nisso, pois estou com raiva de Kai, ele me abandonou com um monte de pessoas com mais de meia idade. Peguei um pedaço de bolo e fui em direção ao meu aconchegante quarto, onde sentei em minha cama e liguei meu computador para colocar em algum dorama que aparecesse, até que ouvi ruídos vindo de meu banheiro.

— Você está hilário, Byun! Essa roupa te valorizou muito. — Uma voz fina ria de maneira enlouquecida.

— Cala a sua boca, Sehun. Você sabe que só havia essa roupa quando eu estava procurando, eu não vou vir nu logo no primeiro dia de trabalho. — Outra voz, esta tinha um ar mais engraçado e brava.

— Preparado?

— Sim, e você não estará aqui na hora. Mande lembranças a Xiumin e Luhan. Diga que eu volto logo.

Cheguei mais perto da janela e vi algo não identificado no meu banheiro. Minha única reação foi gritar. — TEM UMA BORBOLETA GIGANTE NO MEU QUARTO. — Vi a borboleta rosa se aproximar pedindo silêncio. — Calma, Park. — Desde quando borboletas falam? Desde quando elas sabem meu nome?

A coisa se aproximou e com asinhas fofas e parou em cima do meu ombro. — Eu não sou uma borboleta, ok? Meu nome é Byun Baekhyun e eu serei seu amigo mágico.

Então, percebi tudo. Isso tudo era uma pegadinha de Jongin, para rir da minha cara com um boneco vestido com uma roupa rosa. Ou tinham colocado alguma espécie de álcool no meu suco. Ou ele era uma fada. E eu tinha uma fada no meu lindo e magnífico quarto. Ri de meus pensamentos, fadas não existem.

— O que você é, então? Uma fada? — Falei rindo mais ainda, fadas são lendas como a do papai noel, não existem, era óbvio que ele não era uma fada.

Ou não.

Quando eu abri minha boca para dizer aquilo, ele ficou vermelho e o olhar dele me confirmava o que eu pensava, por mais que parecesse uma grande ilusão, um dorama romântico ou um livro de ficção.

Mas havia algo bem maior que isso.

Eu tinha uma fada no meu quarto.

Eu tinha uma fada do meu quarto e isso é a coisa mais normal do mundo, certo?

Claro que não.

A fada se virou para mim e disse sem mais a raiva presente:

— Fado, eu sou um fado. Fadas são mulheres e pelo que eu saiba eu sou um homem.

Então, quer dizer, eu tinha um fado e um problema instalado no meu quarto.


Notas Finais


Voltei~
Espero que gostem do fundo do meu coração. E se ficar ruim, confuso ou algo do tipo, avisem, deem dicas, opiniões e comentem, se quiserem.
Amo vocês e amo Kim Seokjin.
Me cobrem fanfics ou atualizações no twitter: @seokssjin
Kisses, Pauli/Feuer.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...