História Fallen Souls - Capítulo 5


Escrita por: ~

Visualizações 28
Palavras 884
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi meus amoresss♥desculpem demorar,estava com muito sono devido acordar cedo😴,eu estudo de manhã,quem acorda cedo sabe!

Espero que gostem😍😍😍

Capítulo 5 - Capítulo 5


Fanfic / Fanfiction Fallen Souls - Capítulo 5 - Capítulo 5

Continuando........

-Estava apoiada nos braços dele,ainda chorava depois do arranhão e por ele ter esbarrado e caído no chão,ele me da impulso pra ficar de pé,em seguida eu me entrego ao choro mais ainda e o abraço forte,ele retribui o abraço fazendo cafuné na minha cabeça,seu ombro ja estava encharcado devido a minhas lágrimas,desfiz o abraço e olhei pra ele,ele colocou a mão aonde estava o arranhão e a outra ficou limpando minhas lágrimas com o polegar

-O que foi isso no seu rosto?-ele perguntou em um tom preocupado

Suspirei e fiquei em silêncio por um tempo

-Minha amiga,ela brigou com o namorado,fui tirar ela de cima dele e ela acabou me arranhando-falei cabisbaixa

-ele beijou minha testa e me abraçou novamente,fechei os olhos lentamente me aconchegando em seu abraço,era bom estar com ele,me sentia segura e sossegada,logo após o abraço ele pegou em minha mão e me levou até seu apartamento,ele tinha percebido que o arranhão estava sangrando,então andou rápido o caminho inteiro

-Chegando no apartamento ele destrancou a porta e deu espaço pra mim entrar,sentei-me no sofá e respirei fundo,ele me ofereceu uma água,aceitei e depois de beber me senti mais calma,ele foi em direção ao banheiro,trouxe um kit de primeiros socorros,abriu o mesmo e tirou de lá um algodão com um líquido amarelo,logo ele segurou meu queixo com a mão direita e foi passando levemente o algodão sobre o arranhão,eu sentia um pouco de dor,misturando com ardência 

-Ai!-gemi baixo

-Desculpa,essa sua amiga deve ser muito doida de fazer isso com você!-ele disse me olhando nos olhos enquanto passava o algodão sobre o arranhão

-É que minha prima,ficou com o namorado dela,e ela surtou,quando cheguei lá ela estava com umas malas,e o namorado atrás tentando falar com ela,ela me viu e foi até mim dizendo que ia dar um jeito na minha prima,ela discutiu comigo,colocando a culpa em mim sabe,contei a ela sobre ter avisado a Alice,ela virou e foi até o namorado dela e começou a bater nele,eu gritei e corri até lá e fui separar ela dele mas ela me arranhou e eu cai pra trás,ela se sentiu culpada com isso,então eu sai dali chorando e foi ai que eu te vi

-Nossa,ela deve ser uma ciumenta daquelas!-ele ri fraco e eu rio junto

-assim que ele parou de passar o algodão,ele ainda segurava meu rosto,enquanto eu olhava aquele mar de olhos azuis,ele levou sua mão direita a minha boca e a acariciou com o polegar,ele foi se aproximando,ele selou nossos lábios em um beijo calmo e cheio de carinho,logo ele pede passagem e eu acenti,isso foi ficando cada vez mais interessante pra mim pois ele me deitou no sofá e ficou por cima,eu levei minhas mãos a sua nuca e a acariciei,eu estava simplesmente entregue a ele,logo ele beijou meu pescoço e desferiu chupoes,eu arfava a cada chupao que ele dava,logo levei as minhas mãos até suas costas e acariciei por debaixo da sua camisa vermelha de mangas compridas,ele a retira facilitando,ouvimos alguém na porta,nos levantamos rapidamente e ela logo foi aberta por um garoto moreno de cabelos encaracolados da cor preta e um branco de cabelos pretos,eles me olharam e olharam pro cellbit e abriram um sorriso malicioso

-Hmmmmmmmm-os dois fizeram em coro

-Parem de pensar besteira-cellbit diz pegando sua camisa a vestindo

-Olhei pra eles com as bochechas coradas,cellbit percebeu e sussurrou em meu ouvido-não liga não tá,eu te levo pra casa-acenti e logo nos despedimos dos dois que ficaram fazendo gestos obscenos e dizendo que íamos nos casar e ter 5 filhos,ignorei e continuei andando,no caminho,cellbit entrelaça nossas mãos e me olha nos olhos sorrindo,sorrio de volta e continuamos andando em direção ao elevador,entrando no elevador ficamos em silêncio até que ele se pronuncia

-Você ainda está pensando no que aconteceu agora pouco?-ele pergunta com certa dúvida

-Sim,o que foi aquilo?-pergunto o olhando nos olhos

-Aquilo foi o começo do que eu queria fazer com você-ele sorri malicioso e se aproxima,segura meu queixo,ele ia me beijar quando a porta do elevador abre e vimos o recepcionista nos olhando de olhos arregalados,cellbit me puxa pela mão e me tira dali,percebi que o recepcionista me olhava malicioso,fiz cara de assustada,cellbit não percebe e continua andando

-pegamos um táxi e fomos pra minha casa

-Chegando na minha casa,ele me acompanha até a porta,abro a mesma e vejo a Alice com um garoto de cabelos pretos,branco,olhos verdes

-erika,quem é esse?-olha pro cellbit

-Ah esse é o cellbit

-Só Rafael tá-ele me corrige

-Prazer-Alice sorri meigo-esse é o Carlos,meu namorado

-Oi erika-ele sorri simpático-a alice me falou de você,você é bem bonita

-Rafael pareceu com ciúmes,ele era fofo com ciúmes,virei pra ele e sussurrei

-Não se preocupa,ninguém vai me tirar de você!-percebi que ele se arrepiou,coloco minhas mãos em sua nuca e segurou a mesma,beijando sua bochecha,como ele era mais alto que eu eu tive que ficar na ponta dos pés,ele me olha e sorri tímido,logo ele sai e vai embora

-entro em casa e me sento ao lado de Alice e Carlos,eles assistiam 50 tons de cinza

-E ai?como ele é?-Alice pergunta,levo pro duplo sentido,percebo que era outra coisa,disse a ela do beijo,ela ficou chocada,essa alice é muito boba rs 

-Bom eu já vou amor!-Carlos se levanta e anda até a porta

-eu te levo-Alice se levanta junto

-Não tudo bem,eu moro aqui perto,tchau-antes dele ir,vejo ele sorri malicioso pra mim,logo alice fecha a porta e eu ignoro

-Alice se senta do meu lado e ficamos assistindo um bom tempo


Notas Finais


Espero que tenham gostado♥♥♥♥♥♥
Vejo vcs no próximo capitulo💖
Um beijo pra vcs😍♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...