História Fandolescentes: A Descoberta. - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags A Seleção, Adolescentes, Amor, Aventura, Beijo, Colegial, Comedia, Drama, Escolar, Esperança, Famosos, Feiticeiros, Feminino, Ficar, Love, Luta, Magia, Magos, Masculino, Mistério, Namorar, Original, Paixão, Poderes, Romance, Saga, School
Exibições 52
Palavras 676
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Magia, Mistério, Policial, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Antes de Lerem o capítulo, peço que baixem um Livro muito bom! Chama-se Fangirl...
Não é Fanfic, é livro publicado... mas vocês encontram na internet, no site Lelivros...
Beijos 😘

Capítulo 22 - Lohanna?


Fanfic / Fanfiction Fandolescentes: A Descoberta. - Capítulo 22 - Lohanna?

Babi

O que essazinha pensa que está fazendo com meu namorado?
  Essa vaca vai ver o dela. Vou acabar com essa cara de Barbie plastificada!!!

- Lembra dos velhos tempos, gostoso?

-  Pra mim é Passado, que não quero me lembrar, e que nem me lembrava mais.

- Vai me dizer que você não gostava?- ela provocou.

- Criança se contenta com pouco. Agora que eu cresci, não pego qualquer coisa.

  ESSE É MEU NAMORADO!!!

- Nossa Maxinho... Assim você me magoa!- ela chegou mais perto.

Nem preciso dizer que fiz um vaso bater nela.
Bom... Bateria se ela não fizeram o vaso parar no ar, a  centímetros de distância daquela cara de vaca!

  Droga! Ela também tem poderes...

-  Acha que você é a única.diferentona daqui? Coitada...- Me provocou, fazendo o vaso voltar ao seu lugar.

- Eu  só vou avisar uma única vez: O Max é MEU NAMORADO, e eu não quero você encostando um dedo sequer nele.

- Oh! E agora? Estou morrendo de medo...- Soltou uma risada sarcástica.- E o que você vai fazer contra mim?

-   Eu posso começar enfiando minha mão na sua cara de Barbie plastificada... Pera... Deixa eu arranjar um nome melhor...- Pensei.- Noiva do Churck enrugada.- O Max prendeu o riso.- E posso dar um jeito nesse teu nariz torto rapidinho. E de graça, ainda...

Ela  não gostou muito do meu simples comentário. E eu estou muito preocupada com o que ela pensa... Só que não.

- E quem você pensa que é pra falar comigo assim?- Ela  arqueou a sobrancelha.

- Eu sou a NAMORADA dele, não escutou não?

- Então espero que você não seja ciumenta, porque eu vou morar aqui na cidade, estudar na mesma escola que vocês e... Ahhh! Me esqueci da melhor parte:  Vou ficar aqui por um tempo, enquanto meu pais arrumam as papeladas por lá, em Dubai.

Desgraçada!!! Vou acabar com ela com minhas próprias mãos!!!

Tentei bater nela, mas o Max me segurou.

- Você pode morar onde quiser, ficar no lugar que quiser. Mas no meu quarto você não entra, e não estou nem aí pra você...  Vamos meu amor?

- Vamos sim.

Ele vai ver o meu amor...

O Max pegou em minha mão e saímos. Passei esbarrando na Lohanna, só pra ela ver que eu não corro de briga...
  Subimos as escadas letamente, e parecia ser de propósito... Acho que o Max sabe que vai ter que ouvir muito!

  Ele fechou a porta do seu  quarto.

- Pequena, estou morrendo de vontade de te aquele beijo... Já estou com saudade!- Disse me abraçando e me beijando.

- É sério que não vamos falar sobre isso?- Fiz a cara mais feia que pude.

- Minha pequena, a vida é tão curta e cada segundo é TÃO valioso! Não vamos perder tempo falando sobre isso...

  Então, fiz a janela se abrir e um vento muito, mas muito forte, tomou conta do quarto inteiro. O Max se assustou, e eu também!
Nossa, como fiz isso?

- TÁ BOM! VAMOS CONVERSAR, MAS FAZ ISSO PARAR POR FAVOR!- Gritou o Max, para que eu conseguisse o ouvir.

Então, pensei em parar e o vento parou. Fechei a janela, em seguida.

Eu não sei como consegui fazer esse vento, antes que me pergunte. E o assunto agora é outro!- Voltei a ficar séria.

- Ela é a minha Ex namorada.- Ele disse.

- A que te rejeitou?

- Não é essa. Eu a rejeitei.

- Por que?

- Porque ela era chata e grudenta!- Ele fez cara de nojo.

- Você ainda gosta dela?

- Dou graças a Deus de não gostar!

- Se eu for chata e grudenta, você vai me rejeitar também?

- NEM SE VOCÊ FOSSE UM MONSTRO. VOCÊ É MINHA PEQUENA E DE MAIS NINGUÉM!

Ele veio ao meu encontro e me deu um beijo daqueles...
- Para de fazer perguntas! Vamos curtir um pouco...

Nem preciso dizer que o dia foi longo e cheio de beijos que me tiram o fôlego...


Notas Finais


Oi Amores!
Desculpa a Demora... Sério mesmo. Eu acabei me envolvendo na minha religião - Católica - Profundamente nesses meses em que me afastei daqui...
Se quiserem que eu conte como foi, podem me mandar mensagem, ou perguntar nos comentários...

Então... Estou no Watppad também, procurem Fandolescentes que vocês irão achar.
E tenho uma Página no Facebook, se chama Que Sorte a Nossa.

SE QUISEREM ME PEDIR ALGO, EM RELAÇÃO A FANFIC, PODEM ME PEDIR...
E ALIÁS, SOU UMA BOA CONSELHEIRA, TÁ? ^^

É só isso mesmo...
Espero que tenham gostado e até o próximo capítulo.
😍💕👈👉🙏😊🎓✌✒✏🍂🍃👏☔❄😘☺🎓💟💯❤💚💭🌺🐷


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...