História Fanfic Bts -Um amor a primeira vista ( Taehyung) - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts
Exibições 93
Palavras 1.244
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Hentai
Avisos: Heterossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Pra começo....
Dei o aviso no "capítulo anterior" mas eu precisava me expressar, então decidi escrever. Já que músicas inspiram os capítulos que eu escrevo e é tanta música acumulada que eu decidi escrever.
Também estou bem abalada por conta que eu não posso conhecer os meninos ano que vem, eles mudaram tanto minha vida, chegaram no momento em que eu mais precisava e saber que não posso conhecer meu utt Taehyung me machuca muito, pois saber que o sorriso dele me ajudou muito mesmo.
Enfim fiquem com o capítulo 💘
Que está novo e cheiroso pra vuxes 😂😂😍

Capítulo 21 - My Friend?



 (Em nome de Jesus leiam as notas iniciais para saber mais sobre o capítulo, nunca te pedi nada obg 😂)


Aquilo tudo me machucou tanto, parecia que levei um soco no estômago. Quando falou que faria da minha vida um inferno ele não estava brincando.


Tudo isso se baseava na história que Jeon contou a alguns anos, sobre sua família a alguns anos atrás. Todo o seu jeito de ser pertence a sua família, nunca imaginei que isso seria tão obscura.



" Lá estava eu mais uma vez andando até a casa de meu namorado JungKook, é estranho dizer que ele me parece normal ou até mesmo anormal. É meio que uma mistura da qual não sei explicar.


(...)


- (s/n) preciso lhe contar algo.


- Pode falar- falei ao maior sorrindo para lhe mostrar confiança.


- Meu tio, ele é um psicopata- arregalei meus olhos- E sabe tem uma coisa que ele fez que eu gostaria de fazer- no começo eu pensei que ele queria me matar, era tão surreal o que ele podia fazer. Percebendo o meu medo ele parou de falar e nunca mais tocou no assunto."


Agora eu realmente entendi onde ele quis chegar com isto.



~ JungKook ON ~☆



-Muito bom Min, seu teatro todos esses anos com aqueles idiotas foi bem convincente- falei soltando um riso vitorioso.


- Diga-me que esse teatrinho acabou? Não aguento mais ouvir a voz daquela garota todo dia, ela é irritante demais Kook- era isso que eu gostava em Min- Ela é muito irritante, não sei como aguentou ela por tanto tempo- ela falava se engatinhando no banco da limousine até mim- Mas sabe de uma coisa?- balancei a cabeça negativamente- Adorei colocar chifres naquela garota com você - ela deu um leve risinho e eu ri com suas palavras que me enlouqueceram.


- Você sabe que aguentar ela não foi e não é facil- Min já havia se posicionado em meu colo - Sabe que o único motivo que eu fiquei com ela foi por que meus pais queriam ela, ela é valiosa demais para meus pais- apertei seu corpo contra o meu- Sabe que você é realmente muito melhor que ela- por mais que meu namoro com (s/n) tenha sido bom, Min sabia superar as barreiras- Agora com esse "falso sequestro"- fiz as aspas com os dedos- vai ser um jeito dela terminar com aquele idiota e se render ao meus pais.


-Quando conseguir tudo isto, cumpra o que me prometeu - dei um sorriso de canto- pegue metade de sua herança e fuja comigo como prometido- eu realmente iria fazer isto- Você sabe que eu sempre gostei de você, eu sempre te amei.


- Eu digo o mesmo pra você- coloquei a mão em sua nuca puxando seu rosto mais próximo ao meu- Eu também sempre lhe amei- a beijei e a mesma correspondeu, Min era a pessoa com quem eu me relacionava, desde meu namoro com (s/n) Min era minha amante. 


Enquanto a Limousine andava para um lugar muito distante da cidade eu e Min iríamos apenas nos divertir. Enquanto nos beijávamos retiramos peça por peça de nossas roupas, a mesma arranhava minhas costas desnudas. Mesmo que tudo isso seja tão errado, nenhum de nós dois estava se importando que nos iríamos machucar o coração de (s/n). 


(...)



Começamos a nos vestir já que estávamos chegando ao nosso destino, porém senti que algo estava estranho que estavamos sendo observados, mas logo deixei isso para lá.



Chegamos em nosso destino e eu e Min saímos ao encontro do nosso quarto, que logo não demoramos muito para adentrar nele e começarmos a nos beijar novamente.


...



* (s/n) ON*



Fiquei me perguntando o tempo todo o porque fazer isso com Min? Ecoavam tantas perguntas em minha cabeça e uma delas era "como fui me envolver com Jeon?"


-(s/n )? - sai de meus pensamentos ao ouvir a voz de Jimin- Achei o lugar onde aquele carro estava indo. Chegamos.


Saímos do carro e demos de cara com o antigo Chalé que JungKook usava para fugir de seus pais. Adentramos na casa sem fazer barulho algum, apenas ouvimos gemidos vindo do único quarto do Chalé.


- Oh meu deus- falei tampando a boca, ouvindo os gemidos, pensando que ele estava abusando de Min. Mas na hora que abri a porta me deparei com a linda cena dos dois se beijando e transando ao mesmo tempo. Nenhum deles percebeu a nossa presença, foi quando Jeon percebeu a porta aberta.



-Co-como achou nos dois? - falou com os olhos arregalados e com a aparência de brabo e com um dos lençóis envolvidos em sua cintura, enquanto Min se enrolava nos lençóis da cama com a cara de  assustada, não conseguia falar absolutamente - Mandei me responder sua idiota- segurou meu braço com certa força.


- Não machuque ela seu idiota- disse Taehyung dando um soco em sua face- Não encoste nenhum dedo nela.


Min levantou da cama com os lençóis enrolados em seu corpo e chegou perto de mim.


-(s/n).... Ainda bem que você me encontrou, ele estava abusando de mim- falou a mesma com a voz de choro, tentando ser convincente.


- Não me engane sua vadia- falei segurando seu braço- Esse tempo todo quando Jimin disse que ele te dava mole realmente deu pra ver que você é uma vagabunda- segurei seu braço com mais força ainda- Se realmente fosse minha amiga não teria feito esse teatrinho sua ridícula. 


-Me solta sua escrota- falava enquanto tentava se soltar de mim- Não me arrependo nada de ter feito isso com você - sem pensar duas vezes dei uma bofetada em sua face, com que ficasse vermelha.


-Não fale assim comigo sua vadia- cuspi as palavras em seu rosto- Sempre lhe ajudei sua vagabunda. Sabe o que é o melhor de tudo Min ? - dei um risinho de deboche - Que você não passa de uma vagabunda sabe porque? - Olhei bem no fundo de seus olhos - Se ofereceu a Jeon mesmo sabendo das consequências e o pior de tudo é que agora ele pode achar que te ama, mas no final ele vai te entregar aos pais dele e eles vão te tratar como uma vadia.


-... Isso é mentira- soltei um leve risinho- Ele me ama.


-Agora até pode te amar, mas ao perceber que você só tá com ele pelo seu dinheiro logo seu amor se transforma em ódio - soltei seu braço - E logo você será mais uma que ele foi pra cama e amou.


Por mais que me doa falar aquilo na cara dela era apenas a verdade, ela nunca amou ele e provavelmente nunca vai amar, todo mundo sabe que seu coração pertence a Jin. JungKook apenas abaixou a cabeça com todas as minhas palavras, por um momento eu tive pena dele. Jimin havia ficado paralisado, era como se tivesse tomado um chute no estômago. Eu entendo ele, não é fácil passar por isto. 


-Vamos embora por favor- falei olhando para Taehyung e Jimin, mas percebi que Jimin continuava ali paralisado com o coração totalmente partido- Vem Jimin ! - puxei ele para a saída e o mesmo desabou nas lágrimas.


Entramos no carro e Taehyung foi dirigindo  enquanto eu abraçava Jimin mais forte, para o ajudar com isto tudo.


-E-eu a-a ama-mava- falou soluçando, meu coração se machucou ao ver meu melhor amigo naquele estado, eu queria muito poder ajudar ele, mas só o tempo pode curar essa dor em seu coração.


- Esqueça ela, eu estou aqui- eu apenas o consolava, lembro de todas as vezes que ele fez isso por mim. Ele é meu melhor amigo.



CONTINUA...








Notas Finais


Errrr.....
Foi isso 😂😂
Não coloquei o Hot do Kook e da Min porque eu achei desnecessário 😂😂
Obrigada por lerem❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...