História Fantastic Beasts- Casos do mundo magico. - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Personagens Originais
Tags Animais Fantásticos, Casos
Exibições 14
Palavras 549
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Fantasia, Ficção Científica, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Sinopse do capítulo:
Steven vai atras de seus animais, as criaturas poem em risco a sociedade Não magica pondo em risco os bruxos.

Capítulo 2 - Capítulo 1- Monstros a solta.


Fanfic / Fanfiction Fantastic Beasts- Casos do mundo magico. - Capítulo 2 - Capítulo 1- Monstros a solta.

Steven seguiu pela trilha dos estragos, sacolejando sua varinha reparando cada tijolo, saida de incendio e cada poste de luz.

Quando foi ver la no fundo da rua havia uma mulher, ele deu a volta e a mulher apareceu na frente dele, nem deixou ele respirar ela levou a mão ate seu ombro aparatando com ele para um beco no outro lado da cidade.

Mathilda: Quem é voce?

Steven: Steven Scamander.

Ela colocou ele contra a parede e apontou sua varinha para ele, no mesmo ato ela retirou uma carteira, a abriu.

Mathilda: Mathilda Blocksburi, Ministerio da magia.

Steven: É mesmo? -Ele estalou os dedos e seu cartão de identidade saiu de dentro do sobretudo e se abriu- Steven Scamander, MACUSA.

Mathilda: Americano, não pense que isso é grande coisa. -Ela aparatou com ele para o Ministério da Magia, ela o levou ate o elevador e foi para o Nivel 1

"Nivel 1- Escritorio do Ministro" -Disse uma voz feminina.

Ela levou ele pelo corredor de azulejos escuros ate uma porta de madeira enegrecida, Mathilda bateu 7 veses na porta e então a mesma se abriu sozinha.

Atrás da porta, uma grande sala se revelou, e havia um homem sentado a uma mesa de madeira bruta, assinando uns papeis.

Mathilda: Senhor Ministro, esse Homem tem porte ilegal de criaturas magicas nesta maleta.- disse ela apontando para a maleta acorrentada na mao de Steven.

Ministro: Quem é ele?

Mathilda: O nome dele e Steven Scamander.

Ministro: Scamander? você e descendente de Newt Scamander o escritor do livro Animais Fantásticos onde habitam?

Steven: Sim senhor.

Ministro: E o que faz aqui?

Steven: Fui transferido de Nova york para Londres, vim pegar minha declaração de Auror internacional.

Ministro: Interessante.

Mathilda: Ministro, e quanto as criaturas magicas que fugiram?

Ministro: Desde que um trouxa não seja atacado, nada temos a temer.

MERCADO- 24:32 da noite.

Uma mulher pegava umas latas de sopa e adicionava ao carrinho. Quando sentiu algo escamoso rastejar pelo seu pé, ela viu uma ponta da calda de uma serpente ela seguiu quando viu a criatura e o Occami cresceu destruindo o mercado.

MINISTÉRIO 

O ministro acabara de assinar a declaração de Steven.

Ministro: Voce e oficialmente um Auror internacional.

Steven: Obrigado...

Uma carta veio voando e caiu sobre a mesa do Ministro.

Mathilda: Um berrador?

O berrador se abriu gritando. "Senhor Ministro da Magia, devo lhe informar que a alguns minutos um Occami não registrado destruiu um comercio trouxa, devemos mandar reparadores e obliviadores. com amor Jhennifer Hocker"

Steven: Um Occami? -ele arregalou os olhos-  não.

Ele saiu correndo pelo corredor, foi para o elevador e saiu do Ministério. os rugidos monstruosos continuavam.

Mathilda vinha logo atras dele, não aguentava seu ritimo.

Mathilda: Espera Steven! - Ela finalmente alcançou ele.

Steven: Não vou deixar meus animais a solta por essa cidade.

Mathilda: Eles estão bem.

Steven: Não, estão a merce das criaturas mais perversas deste pais.

Mathilda: Quem?

Steven: Não-Majs

KINGS CROSS

Um trem acabara de chegar, antes de parar foi atingido por uma coisa misteriosa e forte, onde capotou parando do outro lado da parede.

01:32 da Manhã 

AV PRINCIPAL

Dois jovens caminhavam pela calçada quando viram as luzes dos postes congelarem ate explodir, junto com as janelas e a rua. dois dementadores apareceram e pegaram os dois Não-Majs. 

Entrada no M.M

Mathilda: Voce não vai!

Steven: Eu preciso ir.

Mathilda: Vamos procurar aquele trouxa. depois cuidamos disso.

Steven: Ok. - Ele e ela andaram, enquanto amanhecia os rugidos começaram a parar e as demais criaturas soltas o terror ainda estavam a soltar.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...