História Fantasy - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Chen, Personagens Originais, Sehun, Xiumin
Tags Chen, Chenmin, Exo, Fluffy, Xiuchen, Xiumin, Yaoi
Visualizações 38
Palavras 787
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa Leitura!

Capítulo 6 - Capítulo 5


Fanfic / Fanfiction Fantasy - Capítulo 6 - Capítulo 5

 

Não consegui dormir nadinha ontem a noite e o resultado disso é um rosto sonolento cheio de olheiras.. Aposto que Sehun irá perguntar porque estou com essa cara, mas como está trabalhando eu posso adiar explicações. Vou aproveitar que hoje Chen deve estar na empresa e irei atrás de emprego, assim eu posso sair na rua sem dar de cara com ele.. Não que eu não queira vê-lo apenas não saberia como lidar ao ver seu rosto novamente. Tomei um banho, passei uma base no rosto para esconder as olheiras, vesti um terninho do Sehun e lá fui eu atrás de emprego. Fui em umas três empresas e todas elas pediram um número de telefone ou celular para que pudessem me ligar caso eu fosse aprovado, o problema é eu não tenho um celular.. E como posso arrumar um celular sem um emprego? Aaah isso vai ser mais difícil do que imaginei. Resolvo voltar para casa, pois provavelmente outras empresas também pedirão um número.. Chegando em casa troco de roupa e fico assistindo tv.

                       | Horas Depois |

Eu acabo dormindo e Sehun finalmente chega do trabalho. Então ele me acorda

- Oi dorminhoco!

- Ah oi Sehun!

- Como foi o dia

- Não foi tão bom..

- Porque?

- Hoje eu sai para procurar emprego e fui em três empresas e todas elas pediram um número de celular para mim e quando eu disse que não tenho elas disseram tipo "Aah então sinto muito, mas não tem como a gente entrar em contato com você" e eu entendo isso como "então não poderemos admiti-lo"

- Espera ai, se você foi atrás de emprego isso quer dizer que irá recusar a proposta do Chen?

- Sim, irei.

- E você acha que irá conseguir entrar em uma empresa grande e trabalhar como antes em sua situação atual?

- B-bom..

- Claro que você não vai! Escuta se você quiser trabalhar em uma empresa grande, ganhar um bom salário e benefícios aceite a proposta dele agora se você quiser trabalha como sei lá, vendedor e ganhar um péssimo salário você recuse a proposta dele..

- Mas eu tenho a faculdade completa fora os cursos

- Mas a sua situação não está bom, você acha que vão querer contratar alguém que não tem nem um lugar para morar?!

Apenas fiquei quieto, eu não queria admitir mas Sehun estava com a razão e nenhum argumento que eu falasse iria ir contra o fato de eu não estar em uma boa situação.. Apesar de eu achar que Sehun foi um pouco duro comigo ele está certo em me dizer tudo isso... Mas eu não posso aceitar, não eu não quero..

- Escuta Chen irá vir aqui hoje e você dirá "Chen eu resolvi aceitar trabalhar com você e muito obrigado por essa oportunidade" entendeu?

- Não, eu não posso.

- Porque?

- Eu já disse meus motivos para ele..

- Que motivos?

- E-eu.. Não quero te dizer

- Que seja, mas se eu fosse você eu abriria logo os olhos e aceitava antes que seja tarde.

Sehun foi para seu quarto, pelo visto ele ficou nervoso comigo. Mas não há o que eu possa fazer, se ele tivesse presenciado o que aconteceu ele iria me aconselhar a não aceitar. 

A campainha toca e eu me levanto para atender, mas Sehun aparece e diz:

- Deixa que eu atendo..

Quem será? Até que lembro que Sehun disse que Chen viria aqui e logo deduzi que era ele, corri para o quarto e tranquei a porta. Coloquei o ouvido na porta e fiquei ouvindo toda a conversa:

- Olá Sehun!

- Olá Senhor..

- Porque está me tratando com toda essa formalidade? Você nunca foi disso.. Pode falar normal, você sabe que somos amigos

- Ah sim é que eu tenho um pedido para você

- Pode dizer, farei o possível

- O Xiumin não quer aceitar sua proposta, mas tenho certeza que ele mudará de idéia, por favor aguarde um pouco e não contrate outra pessoa no lugar dele

- Não se preocupe com isso, eu esperarei.. Por falar nisso onde ele está?

- No quarto

- Ah sim..

- Você quer falar com ele?

Chen ficou quieto por um momento e eu particularmente achava que ele recusaria mas depois de uns minutinhos ele disse

- Sim..

Então Sehun veio até a porta e bateu na mesma:

- Xiumin? O Chen quer falar com você..

Pensei em mil desculpas e disse

- Estou tomando banho..

Mas ouvi Chen dizer do outro lado da porta

- Sem problemas, eu espero..

Mas que teimoso, ele não poderia simplesmente ir embora? 

Agora eu já não tinha saída, eu teria que falar com ele.
 


Notas Finais


Espero que tenham gostado! Desculpe por ter sido curtinho..


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...