História Fatal Fury Miraculous - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug), The King of Fighters
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), André Bourgeois, Andy Borgard, Chloé Bourgeois, Gabriel Agreste, Geese Howard, Hawk Moth, Joe Higashi, Mai Shiranui, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mestre Fu, Nooroo, Plagg, Sabrina, Terry Borgard (Wild Wolf), Tikki, Wolfgang Krauser
Visualizações 8
Palavras 759
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Crossover, Luta, Magia, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 23 - A ressurreição dos Miraculous


Fanfic / Fanfiction Fatal Fury Miraculous - Capítulo 23 - A ressurreição dos Miraculous

Enquanto isso, Terry Bogard, que já estava completamente esgotado, mas ainda queria lutar, levanta-se, porém, muito cambaleante.

 

GEESE:  Ainda quer lutar, neste estado tão deplorável?  Só um peteleco meu, e você cairá completamente morto, nem preciso recorrer a nenhum dos meus poderes místicos.

TERRY:  GGRRRRRRRRRR  CALADO!!!!!  Vou lhe mostrar que não se vence um Lobo Solitário...  tão facilmente...

 

Do outro lado, a luta entre Andy e Hawk Moth prosseguia inconclusiva, mas com ambos dando tudo de si.

 

ANDY (pensando):  Esse cara...  está mais forte que nunca.  Mas não posso desistir...  não posso voltar atrás...

HAWK:  Parabéns, meu caro jovem, lutou muito bem, mas eu não perderei para você por nada.  ATAQUE DAS MARIPOSAS NEGRAS!!!!!

 

E dispara uma chuva de mariposas negras, parecidas com seus malignos akumas, que rodeiam Andy. 

 

ADRIEN e MARINETTE:  ANDY!!!!

ANDY:  UUUGGGGGG  ainda...  não será isso...  que vai me vencer...

 

E com sua força cósmica, consegue desfazer o ataque de Hawk Moth.

 

HAWK:  Mas como ele se libertou dos meus akumas das trevas?

ANDY:  Quanto mais você duvidar de minha capacidade, maior será a minha vontade de lutar e vencer.

HAWK:  Ainda não acabou, miserável!

 

Eis que ele concentra toda sua energia nas mãos, criando uma grande bola de luz.

 

HAWK:  Receba todo este poder! – e dispara.

 

A bola de luz vai com tudo na direção de Andy, que, surpreendentemente, consegue bloqueá-la.

 

ANDY:  AAAAAAAAAAAAAAAAA  que força...

HAWK:  Ele conseguiu segurar meu poder...  Como!?

MAI:  Incrível!  Andy conseguiu deter o poder de Hawk Moth.

HAWK:  Imbecil!  Caso você continue detendo meu poder por mais tempo, acabará perdendo seus braços.

 

Com toda sua força, Andy começa a empurrar aquela bola de luz.

 

ANDY:  UUUFFFFFFFFF

HAWK:  Mas...  como...?  Como esse homem consegue ser tão forte?

ANDY:  WOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

 

Eis que ele arremessa toda a bola de luz contra Hawk Moth.

 

HAWK:  Mas o que...  AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

 

O vilão recebe de volta seu próprio golpe, e ainda mais forte que quando o arremessou da primeira vez.

 

MAI:  Viva!  Ele conseguiu, dá-lhe Andy!

 

Mas Hawk Moth ainda não estava vencido.

 

HAWK:  UUUFFFFFFF  Nunca vi...  nada igual...  é muito forte mesmo...  mas ainda não estou acabado!

ANDY:  Mas logo estará, malvado, defenda-se!

 

Hawk Moth parte novamente para a ação, mas Andy parecia estar bem mais revigorado. 

 

HAWK:  Você se mostrou um excelente guerreiro, Bogard, mas ainda não está terminado!

ANDY:  Pode vir!

 

O vilão atacava novamente com sua lança-porrete, criada a partir de sua bengala, mas Andy bloqueava os golpes. 

 

HAWK:  Defende-se muito bem, mas vejamos por quanto mais tempo.

 

Nisso, aproveitando um descuido do vilão, Andy ataca com vários socos e braçadas. 

 

ANDY:  É agora...  CHOU SHIN SOKU ZENENKEN!!!!!

 

Ataca com uma cotovelada, seguida de seu poderoso chute de fogo, ainda mais forte, arremessando Hawk Moth para trás.  Será que finalmente o vilão estava vencido?

 

TERRY:  Ele conseguiu!  Ele venceu Hawk Moth! – comemora.

GEESE:  Calminha aí, ainda é cedo para comemorar, vocês ainda não se livraram de mim!

 

Enquanto Terry mantinha Geese ocupado, do outro lado, Andy nota que Hawk Moth havia perdido sua transformação mais poderosa, e voltado à sua aparência normal.  Os brincos de Ladybug e o anel de Cat Noir caíram dele.

 

ADRIEN:  Marinette...  seus brincos e meu anel caíram dele!

MARINETTE:  Que bom!  Agora podemos nos transformar novamente.

 

Quando ambos recolocam os brincos e o anel, seus kwamis reaparecem.

 

MARINETTTE:  Tikki!  Que saudade de você!

TIKKI:  Marinette, eu também senti muita saudade.

ADRIEN:  Plagg!  Como foi tão duro sentir sua falta.

PLAGG:  Também senti muito sua falta, Adrien, meu rapaz.  Mas agora precisamos nos transformar, seus amigos estão com problemas.

 

Eis que nossos heróis Miraculous, finalmente, estão prontos para a ação.

 

MARINETTE:  TIKKI TRANSFORMAR!!!!

ADRIEN:  PLAGG MOSTRAR AS GARRAS!!!!

 

Tikki entra nos brincos de Marinette, enquanto Plagg entra no anel de Adrien.  Enfim, Ladybug e Cat Noir estavam novamente prontos para a ação.

 

SILVIA:  Filho...  você... – diz, ainda sem acreditar.

ADRIEN:  Sim, mãe.  Eu sou Cat Noir, um guerreiro Miraculous.

 

Sua secretária, Natalie, e seu segurança, o Gorila, também pareciam não crer no que viam.

 

NATALIE:  Inacreditável!  Esse tempo todo... 

???:  Marinette...  então você...

 

Eis que os pais de Ladybug – Tom e Sabine – haviam chegado, e presenciaram a transformação da filha.

 

LADYBUG:  Mãe, pai...  vocês...

SABINE:  Filha...  você...  esse tempo todo você é a Ladybug...???

TOM:  Agora estão explicadas as suas faltas em certas disciplinas escolares.  Você precisava se ausentar para salvar as pessoas.  Puxa, minha menina, como sua mãe e eu estamos tão orgulhosos de você – e a abraça.

LADYBUG:  Pai...  que bom saber que o senhor e a mamãe se orgulham de mim... – derrama algumas lágrimas, emocionada.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...