História Fazer Amar - Yoonmin (ABO) - Capítulo 10


Escrita por: ~ e ~Ester_Yoongi

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Abo, Bts, Namjin, Vkook, Yoonmin
Visualizações 220
Palavras 2.062
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii amores, perdão pela demora mas aqui estou eu de novo

Boa Leitura, lá no final eu falo melhor com vocês ♥♥

Capítulo 10 - Ten ~


~ POV NARRADORA

Depois que os pais de Jimin souberam que ele e Yoongi estavam se dando bem eles decidiram correr com o casamento, e estavam todos nos preparativos.

Jimin estava cansado só de ver sua mãe de um lado para o outro ligando para vários lugares, comprando várias coisas.

- Omma, pelo amor de Deus, para um pouco — O menor falou se deitando no sofá

- Mas meu filho eu tenho que ver isso logo, é difícil conseguir as coisas ainda mais tendo várias pessoas casando, nunca vi — A mais velha falou pegando outra revista de casamento

- Você sabe que se quiser você consegue rapidinho, até porque você é rainha né

- Ta eu sei mas eu quero fazer certo — Falou sem olhar para o menor - Olha essa daqui Jimin — Falou mostrando um arranjo de flores da revista

- Bonitas omma mas já falei que tanto faz

- Tanto faz nada, quero que seja lindo — A mais velha falou fazendo Jimin bufar

- Fica tranquilo que no meu ela escolheu tudo e ficou me perturbando até o dia do casamento — Taehyung falou olhando para seu celular

- Não reclama porque foi lindo — Falou a mais velha

- Sim omma foi, porém eu estava animado com o casamento já o Jimin, não

- Exatamente — Jimin disse entediado

~ POV JIMIN

Eu não estava nem ligando para o casamento na verdade, minha omma estava que nem doida, eu não sei para que isso tudo.

Bom, nesse tempo eu e Yoongi temos nos dado bem, estamos virando amigos, a gente não se viu desde quando saímos porém nos falamos por mensagem.

Nós estávamos conversando exatamente sobre a questão das nossas famílias estarem doidas com os preparativos

~ Chat on

Yoongi: Socorro, a minha omma não para de falar ><

Jimin: Não reclama porque a minha também

Yoongi: Pra que isso tudo

Jimin: Também não sei

~ Chat off

Eu não esperei sua resposta e bloqueei o celular, deixei em cima do meu peito, botei meu braço na frente dos olhos e fiquei ali, até ouvir Tae me chamar

- Jiminie — Ele falou manhoso, bom sinal não é

- Fala o que você quer — Falei o olhando

- Nossa, mas eu nem ia pedir nada

- A não, imagina, vai fala logo

- Vamos no shopping comigo, por favor — Ele falou com as mãos juntas

- Para que?

-Só quero sair com meu Irmãozinho, não pode? — Ele falou e eu olhei para ele desconfiado

- To estranhando isso mas eu vou com você — Ele bateu palmas - Eu não aguento ficar aqui com a omma — Me levantei do sofá e a mais velha que estava ali sentada na poltrona me olhou — Te amo omma — Beijei a testa dela e fui subindo para o quarto

Eu estava precisando sair de casa mesmo foi até bom o Tae me chamar.

Coloquei uma calça jeans preta, uma blusa cinza e um tênis branco. Arrumei meu cabelo rapidamente e desci.

Fiquei no sofá esperando a madame terminar de se arrumar, Taehyung leva um ano para se arrumar

- Vamos — Tae chegou falando

- Amém — Levantei minhas mãos para o alto

- Para de mentira, eu nem demorei

- A não, eu to esperando a mais de 45 minutos aqui, vamos logo

Nós saímos de casa e entramos no carro, Chul iria levar a gente até o shopping, porque Taehyung e Jimin no volante não dá certo.

Depois de um tempo chegamos, o shopping era um pouco longe já que ficava no centro e o castelo mais afastado.

Entramos e logo Tae começou a me puxar para as lojas.

(...)

Alguém me leva para casa porque eu já fui em mais de 10 lojas com o Taehyung, ele não cansa, meu Deus.

- Tae eu vou comprar sorvete, você quer?— Perguntei para o outro que estava concentrado nas roupas

- Depois eu vou lá comprar Minie, mas vai lá

Amém, não aguentava mais ficar naquela loja, já deu de shopping.

Eu fui até a praça de alimentação, até que eu fui para fila e quando eu olhei para o lado eu vi uma cabeleira um tanto quanto conhecida por mim, eu rapidamente comprei o sorvete e fui ver se era quem eu imaginava.

- Yoongi — Chamei e ele se virou

- Jimin? O que está fazendo aqui?

- Taehyung me arrastou para cá — Revirei os olhos e ele riu

- Melhor do que ficar em casa ouvindo sua mãe

- Isso é verdade, mas e você o que está fazendo aqui?

- Sei lá só precisava sair de casa um pouco

-Venha, vamos dar uma volta então — Comecei a puxa-lo pelo braço

- Mas e seu irmão?

- Não aguento mais ver roupa com ele, é capaz dele nem notar que eu não voltei

(...)

Eu e Yoongi tínhamos ido para um dos bancos do shopping e ficamos por lá um tempo conversando várias coisas

- Mas o Namjoon é o seu único amigo? — Eu perguntei

- Não, tem o Hobi também, ele trabalha no castelo porém ele tem praticamente a minha idade. Na minha adolescência eu tive outros amigos porém com o tempo vi que eles não era uma boa influência e me afastei

- E porque eles eram uma má influência para você?

- Alguns deles se meteram em drogas, olha Jimin, confesso a você que eu pensei que isso poderia ser até uma forma de poder chamar a atenção dos meus pais porém a imagem da minha família iria ficar ruim por minha causa e eu iria dar decepção aos meus pais então eu somente me afastei

- Nossa, eu nunca imaginei que você um dia pensou em usar drogas

- Não pensei pela droga em si mas na época de adolescência foi aquela história toda que te falei dos meus pais então foi meio que uma forma que eu apenas pensei em chamar atenção mas percebi o que eu iria fazer e vi que era uma tremenda burrada

- Fico feliz que voltou atrás e eu já falei seus pais amam você apesar de tudo

- Eu sei, pelo o menos eu acho — Ele suspirou - Minie eu tenho que ir, a hora passou bem rápido

- É verdade, eu tenho que procurar o Tae

- Ele deve ta doido de procurando — Nós acabamos rindo e ficamos olhando um para o outro por um tempo, eu olhei nos seus olhos e vi que ali era um lugar onde eu poderia simplesmente decifra-lo, ele estava feliz e eu percebi que também estava um tanto quanto confuso

- Jimin você que me matar menino, eu estou rodando esse shopping todo te procurando — Tae falou se aproximando tirando a gente do nosso transe - Ah, oi Yoongi — Ele deu um sorriso para o mesmo, esse menino é bipolar só pode

- Oi Tae, eu já vou indo, foi ótimo te ver Minie — Ele deu um beijo na minha testa - Tchau meninos — Ele acenou com um sorriso pequeno e saiu

- Já estão assim é? — Ele falou com um sorriso

- Tae, me faz um favor, fica quieto

- Vamos logo porque você me deu um susto sumindo desse jeito

- Também né, eu não aguentava mais comprar roupa com você, meu Deus

Chul já estava esperando a gente pois Tae tinha ligado para ele, eu tinha falado para ele ir para casa e voltar para nós buscar porque como eu sei bem o irmão que eu tenho eu sabia que ele iria demorar. Dito e feito.

~ POV YOONGI

Eu não sei distinguir o sentimento que eu tenho por aquele ômega, é um tanto quanto confuso.

Eu sinto uma coisa diferente por ele, nesse pouco tempo eu já contei coisas para ele que no máximo só o Namjoon que sabe, eu sinto que posso confiar nele, fico feliz quando eu o vejo, quero protege-lo de tudo e de todos.

Eu respirei fundo e espantei meus pensamentos.

Eu cheguei em casa e estranhei o carro do meu pai está na garagem já que ele chega um pouco mais tarde.

O mais estranho mesmo foi eu quando eu entrei que eu vi meus pais deitados no sofá vendo um filme, pera, é o que? Algo aqui não está certo.

- Chegou cedo hoje — Eu falei indo perto do sofá

- Oi filho, eu estava cansado hoje e sua omma não estava muito bem — Meu appa falou com um sorriso, isso não ta muito certo

- E você foi ao médico omma?

- A sim fui, não é nada demais — Ela sorriu

- Então ta, eu vou subir para trocar a roupa e desço para o jantar

- Tudo bem

Eu subi as escadas e fui até o quarto, peguei uma roupa qualquer para ficar em casa e troquei a roupa.

Ainda estava estranhando um pouco o meu pai está cedo em casa e a omma está até mais calma em relação a mais cedo com o casamento, mas enfim né.

Eu sai do quarto e chegando na sala meus pais não estavam lá então supus que estivessem na cozinha já. Cheguei na cozinha e me sentei a mesa.

- Ta mais calma omma em relação ao casamento?

- A sim, super tranquila, consegui ver uma grande parte hoje, depois eu e a Yang Mi vamos ver o que falta — Ela sorriu

O jantar passou tranquilo, eu apenas ficava quieto enquanto meus pais conversavam.

- Então... Filho temos que te contar algo — Appa falou me olhando

- Pode falar

- É filho... — Omma respirou e continuou - Você vai ter um irmão ou uma irmã — Eu paralisei, o talher caiu da minha mão e eu fiquei digerindo tais palavras.

Não é que eu não queira ter um irmão, mas poxa, eu sempre senti falta deles porque a atenção deles para mim já é pouca com esse bebê então.

- Pera, é isso mesmo? Você ta grávida? — Perguntei ainda não acreditando

- Sim — Ela falou bem sorridente

- Licença, eu vou para o quarto — Eu me levantei rapidamente e fui até o quarto deixando meus pais confusos

Eu deitei na cama e peguei o celular, precisava falar com alguém.

~ Chat on

Yoongi: Minie ta ai?

...

Jimin: Oi Yoon, ta tudo bem?

Yoongi: Não muito

Jimin: O que foi?

Yoongi: A minha mãe ta grávida

Jimin: Meu Deus... Mas isso é bom, não é?

Yoongi: Por um lado é meus pais estão muito felizes

Jimin: E você?

Yoongi: Deve ser legal ter um irmão ou irmã mas e se agora mesmo eles estiverem nem ai para mim, se eles estiverem feliz agora mas quando o bebê nascer eles fizerem igual a mim...

Jimin: Ta bom Yoongi, entendi

Mas pensa, seus pais estão felizes, sua mãe deve estar amando isso e eu tenho certeza que se você demostrar estar feliz com isso vai alegrar ela ainda mais

Yoongi: Porque você sempre tem razão?

Jimin: Porque eu tenho oxi, agora vai lá

Yoongi: Tudo bem, muito obrigada Minie :)

Jimin: Não precisa agradecer, qualquer coisa já sabe ;)

~ Chat of

Nem precisei descer logo ouvi batidas na minha porta

- Entra

- Filho está tudo bem? — Omma perguntou

- Está sim, parabéns omma, sei que está feliz pelo bebê — Eu sorri mínimo

- E você está feliz?

- Omma não importa, o que importa e a felicidade sua e do appa

- Claro que importa Yoongi

- Omma sinceramente faz tempo que isso parou de importar aqui

- Da onde você tirou isso?

- Desde a minha adolescência isso parou de importar, desde o momento em que vocês me deixaram em segundo plano

- Yoongi você nunca foi segundo plano, eu sempre fui desse jeito com você, eu e seu appa sempre deixamos você fazer o que quisesse, nunca te prendemos a nada, nós sempre achamos que você não ligava em ficar sozinho

- Eu sei omma do seu jeito eu não reclamo, mas já pensou que a única coisa eu que eu queria era vocês mais presentes na minha vida? No meu aniversário de 12 anos vocês nem em casa estavam, ficaram o dia todo fora e chegaram já era tarde o dia estava acabando e garanto que esse não foi o único aniversário — Os olhos dela marejaram

- Perdão meu filho de verdade, eu nunca tive noção e nunca foi nossa intenção, me perdoa — Ela me abraçou e senti meus olhos ficarem embaçados

- Tudo bem omma, não tem como mais recuperar o tempo, já foi, só que agora cuide bem desse bebê, dê toda a atenção do mundo a ele. Se você está feliz com o bebê eu também estou — Sorri pequeno

- Apesar de tudo Yoongi você foi meu maior presente, eu te amo filho

- Eu também omma


Notas Finais


Foi isso amores, esses capítulos estão levinhos, quero que as coisas comecem mesmo depois do casório.

Então gente eu estava num bloqueio horrível, ainda estou um pouco, e agora que as férias acabaram :( ta mais complicado ainda arranjar tempo.
Eu estava escrevendo o capítulo ( se não me engano terça) e do nada meu braço começou a doer e eu não conseguia mexer ele que doía, eu mexia os dedos a mão doía, logo o braço direito, bem doido isso então nesse dia nem consegui escrever mais, ai hoje consegui um tempinho e consegui terminar agora, estou morrendo de sono e amanhã acordo cedo porque tenho que ir ao médico mas não poderia deixar vocês sem capítulo mais né...

Então amores beijão e até o próximo ♥♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...